10 anos

Eu fiz 41 anos. E de repente, me dei conta que há dez anos eu luto com excesso de peso. Chega né? Até 31 anos eu não tinha nem sobrepeso. Com 31 comecei a engordar e antes da primeira gravidez já tinha sobrepeso, engordei muito em pouco tempo (antes de engravidar, na gravidez mesmo, nem tanto) e de lá pra cá, pff, só ladeira abaixo. E tem seis anos que eu escrevo sobre emagrecer, só engordando (risos). Que cousa. As últimas fotos sem excesso de peso que eu tenho são as do casamento. Yay! #not

Gostaria de ter forças para desistir dessa história de emagrecer, deixar pra lá, porque já era pra eu ter percebido que eu gosto muito mais de comer do que de ser magra. Mas não tem jeito. sigamos então. Como?

Ou não?

sempre precisei de um pouco de atenção

2 comments

  1. Bem, vamos dizer que temos algumas semelhanças, eu fui gorda quando era pequena, fiz uma dieta absurda aos 15 que me deixou profundamente anemica e daí por diante sempre tive um muito leve sobrepeso, sendo que de uns tempos pra cá comecei a ter um problema de gordura abdominal que não tinha….percebi que pensava em comida 24 hs por dia e no meu problema de peso, parei de comprar roupas e comecei a usar mais vestidos evitando as calças compridas …mas, de uns tempos pra cá me sinto outra pessoa…acredito que o meu problema maior não era a obsessão por comida mas a falta de prazer em varios planos da minha vida…a insatisfação pessoal, a falta de metas, e a sensação de impotencia diante do meu problema. Sempre fui uma mulher muito paquerada e ao mesmo tempo profundamente insegura acho que me faltava e ainda falta amor próprio….Comecei a sair mais, fazer planos e estipular metas…recomeçar de forma diferente…fique longe de remedios porque na verdade voce acaba recuperando o peso e ainda tendo mais dificuldade de se libertar do peso após seu consumo…coma pouco e no começo vai ser dificil porque seu organismo se acostumou a comer muito…melhore sua vida afetiva e ainda que não encontre no seu parceiro alguem que seja o ideal, não se importe, a pessoa mais importante na sua vida que nunca poderá faltar é voce mesma….confie em Deus e no seu amor infinito…entenda que voce nasceu pra ser princesa não uma “porquinha”….brilhe muito e se goste ainda que não esteja magra ainda…porque na verdade a gente começa a ser magra “na mente” e isso reflete no corpo…boa sorte…em tudo que se propor a realizar…Grande beijo…

  2. Dani Flores disse:

    ladeira abaixo???…só resta subir amiga!!!

    vem…dá cá sua mão…vamos juntas!!!

    força e sucesso sempre!!

    beijoossss

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *