Archive for fevereiro 2008

Interpretação da lei não terá distinção de Gênero

Eu fico pensando que eu realmente devo ter sido abduzida e não lembro, porque se isso é notícia e precisa ser decidido, é porque eu tô no planeta errado mesmo.

Interpretação da lei não terá distinção de Gênero

 

As mulheres brasileiras não poderão mais ser privadas de direitos legais por causa de má interpretação das leis que garantem direitos a todos os trabalhadores – expressão utilizada no gênero masculino, mas que engloba ambos os gêneros.

 

 

O reconhecimento dos direitos femininos está previsto no Projeto de Lei do Senado 62/06 – Complementar, da senadora Roseana Sarney (PMDB/MA), que recebeu nesta quarta-feira (27) parecer favorável da Comissão de Constituição, Justiça do Senado (CCJ).

 

 

O projeto determina que, na redação de textos legais, “qualquer referência será entendida como abrangendo ambos os gêneros, indistintamente, salvo quando houver disposição expressa em contrário”.

 

 

Trabalhadoras

 

Segundo a autora da proposta, o projeto tem o objetivo de evitar o desrespeito a certos direitos das trabalhadoras, sob o argumento de que tais direitos apenas beneficiam trabalhadores homens, não obstante a vedação constitucional a tal discriminação.

 

 

Com o objetivo de corrigir a distorção, a matéria altera a Lei Complementar 95, de 1998, que dispõe sobre a elaboração, a redação, a alteração e a consolidação das leis, com o objetivo de garantir a aplicação das normas legais contra a discriminação de gênero.

 

 

Má interpretação

 

Em seu relatório favorável ao projeto, a senadora Serys Slhessarenko (PT/MT) lembrou que é comum que as trabalhadoras mulheres sejam prejudicadas pela má interpretação da lei, que somente refere-se a homens, embora queira abranger ambos os sexos.

 

 

“Essa é mais uma conquista importante para as mulheres. Mais um motivo para se comemorar o Dia Internacional da Mulher” afirmou a relatora. A matéria passará ainda no plenário da Casa.

Fonte: Diap com Agência Senado

mudras

Como esse é um blog cheio de mandingas e eu adoro uma mandinga, vou colocar aqui dois mudras que ajudam a reduzir o peso. Primeiro, o Linga Mudra.

 

Pra quem não sabe, mudra é uma espécie de yoga para as mãos, e é uma arte milenar.

 

Mudras são coisa muito séria e dizem que assim como os mantras eles têm o poder de mudar a vida. Eu infelizmente sou muito auto-sabotadora pra tentar algum deles com força, mas confesso que adoro a idéia de que eles podem funcionar. Não sou cem por cento convencida é claro e nem acho que são pílulas mágicas. Pensamento mágico, talvez, cura milagrosa, não. Gosto da idéia de que eles poderiam ajudar, que a sabedoiria milenar por trás deles realmente tem alguma eficácia…

De todo modo é um simples gesto, e assim como nos florais (viu Kathia?) não é preciso acreditar neles nem nos mantras para que façam efeito. Os mantras eu sei que fazem, pois teve um mantra que revolucionou a minha vida, eu tenho muito respeito por eles.

 

Ah, e tem um mantra que ajuda a emagrecer, mas eu ainda não tentei, depois eu posto mais sobre mantra.

Essa história de mudras é muito engraçada. Tem mudra de prosperidade, para gripe e para várias coisas, é super interessante. E como eu acho que as mãos são algo extremamente poderoso, adoro a idéia por trás do “conceito”. (Acho essa palavra conceito engraçada. E meio baranga.) ( Acho que depois vou postar o mudra da prosperidade né? Que tal?)

Agora o mudra.

 

 

 

Nesse Mudra, una as palmas das mãos e entrelace os dedos. Um dos polegares permanece voltado para cima, circulado pelo polegar e pelo indicador da outra mão.

 

 

Mantenha as mãos em fren­te ao peito. Isso pode ser feito três vezes por dia, durante 15 minutos.

 

 

Esse Mudra estimula o sistema imunológico do corpo e libera o muco dos pulmões.

 

 

Acredita-se que o Linga Mudra deixe o corpo mais resistente a resfriados e infecções do peito. As pessoas que sofrem de gripes e infecções incuráveis do peito são aconselhadas a praticar esse Mudra.

 

 

Acharya Keshav Dev diz que esse Mudra gera calor no corpo e “‘queima” a fleuma acumulada no peito, possibilitando uma capaci­dade mais rápida de recuperação.

 

 

Esse Mudra também ajuda na redução de peso. Contudo, devi­do ao calor que gera, pode causar um estado de letargia. Aqueles que querem perder peso com essa prática devem consumir alimen­tos frescos, como frutas, ou beber o máximo de água que puderem -no mínimo oito copos por dia.

 

Extraído desse livro.

 

 

Mas um mudra específico para perda de peso é o Surya Mudra. Parece que esse queima mesmo gorduras, e é mais fácil de fazer. Se feito de 5 a 20 minutos por dia, durante 25 dias, reduz o peso, melhora a distribuição de gorduras e ajuda em outros distúrbios causados pelo excesso de peso.

 

Esse eu vou já já começar a fazer.

 

Este mudra é feito dobrando o dedo anular e pressionando o polegar com leve pressão. Deixe os outros dedos soltos. Veja aqui.

 

 

marina w

A Marina W, dona de um blog delicioso, que eu adoro ler, manda avisar que está em novo endereço. Agora ela está aqui. Um dos melhores blogs. Mesmo, mesmo. O blog dela era o antigo blowg.pixelzine.com Agora é http://marinaw.com.br

minina, minina

Eu não tenho muito costume de pintar as unhas, de ir ao salão, fazer escova e afins. Eu até gosto, mas tenho preguiça. Quer dizer, eu sempre tenho alguma coisa que eu acho mais interessante pra fazer. Eu acho perda do meu tempo fazer isso, porque sou muito ávida pra zilhões de coisas, então não posso evitar o sentimento de estar gastando um tempo precioso onde eu poderia estar fazendo um monte de outras coisas indo ao salão, fazendo unhas e etc. Mas gosto de estar com unhas feitas, cabelo arrumado e tal. Por isso, inevitavelmente sempre opto por não estar com unhas feitas, cabelo de escova e tal.

E tem gente que confunde isso. E confunde isso com alguma tosca noção de que eu acho isso fútil, porque eu sou intelectual (isso tb é um confusão das bravas). E que oh, oh, oh (seria mais coerente com a noção de que elas têm de intelectual?) que eu desprezaria isso.

O que não é verdade. Como a gente sempre conhece mal as pessoas né?

Eu só tenho preguiça. Mas acho bonito, não acho tão fútil e etc. Se já está pronto eu curto. Acho divertido.

O fato é que quarta feira eu pintei as unhas de vermelho. Coisa que acho que desde solteira eu não fazia, não sei mais porque. Fiz escova no cabelo também.

E teve mais de uma pessoa que veio me falar que eu fiquei mais feminina assim. De cabelo escovado e unhas pintadas.

Eu me espanto com isso. Muito e de verdade. Embora não seja novidade passar por isso. Eu me espanto porque nada na minha essência mudou. Só o visual mudou e ainda assim até a próxima acetona. Eu só não estou de coque com minha juba indomada e tenho as unhas pintadas de vermelho. E ainda assim fiquei mais feminina.

Sabe que eu acho isso uma visão muito pobre de feminilidade? Mas muito pobre mesmo. Eu não fiquei mais feminina por causa da escova e das unhas vermelhas. E nem as unhas vermelhas ou a escova foram reflexo de uma súbita “feminilização” do meu ser. Disso eu tenho certeza absoluta.

minina, minina

Eu não tenho muito costume de pintar as unhas, de ir ao salão, fazer escova e afins. Eu até gosto, mas tenho preguiça. Quer dizer, eu sempre tenho alguma coisa que eu acho mais interessante pra fazer. Eu acho perda do meu tempo fazer isso, porque sou muito ávida pra zilhões de coisas, então não posso evitar o sentimento de estar gastando um tempo precioso onde eu poderia estar fazendo um monte de outras coisas indo ao salão, fazendo unhas e etc. Mas gosto de estar com unhas feitas, cabelo arrumado e tal. Por isso, inevitavelmente sempre opto por não estar com unhas feitas, cabelo de escova e tal.

E tem gente que confunde isso. E confunde isso com alguma tosca noção de que eu acho isso fútil, porque eu sou intelectual (isso tb é um confusão das bravas). E que oh, oh, oh (seria mais coerente com a noção de que elas têm de intelectual?) que eu desprezaria isso.

O que não é verdade. Como a gente sempre conhece mal as pessoas né?

Eu só tenho preguiça. Mas acho bonito, não acho tão fútil e etc. Se já está pronto eu curto. Acho divertido.

O fato é que quarta feira eu pintei as unhas de vermelho. Coisa que acho que desde solteira eu não fazia, não sei mais porque. Fiz escova no cabelo também.

E teve mais de uma pessoa que veio me falar que eu fiquei mais feminina assim. De cabelo escovado e unhas pintadas.

Eu me espanto com isso. Muito e de verdade. Embora não seja novidade passar por isso. Eu me espanto porque nada na minha essência mudou. Só o visual mudou e ainda assim até a próxima acetona. Eu só não estou de coque com minha juba indomada e tenho as unhas pintadas de vermelho. E ainda assim fiquei mais feminina.

Sabe que eu acho isso uma visão muito pobre de feminilidade? Mas muito pobre mesmo. Eu não fiquei mais feminina por causa da escova e das unhas vermelhas. E nem as unhas vermelhas ou a escova foram reflexo de uma súbita “feminilização” do meu ser. Disso eu tenho certeza absoluta.

Terapia da Boa Alimentação

TERAPIA DA BOA ALIMENTAÇAO
Autor: PIROTT, LAURA
Editora: PAULUS EDITORA
Assunto: CRENÇAS-AUTO-AJUDA
ISBN: 8534921989
ISBN-13: 9788534921985
Brochura
1ª Edição – 2004
46 pág.

Sinopse:

Este livro apresenta uma visão diferenciada do que é alimentar-se.
Terapia da boa alimentação mostra que a comida não é boa nem má em si mesma; ela é naturalmente neutra.
Neutra, porém, não é nossa atitude acerca da comida, sugere o autor. Quando fazemos nossas escolhas e estabelecemos nossos hábitos alimentares, é com o nosso bem-estar que devemos nos preocupar.

Deixe este ¨menu¨ repleto de dicas saudáveis e informações importantes guiá-lo para uma melhor nutrição com vitalidade e qualidade de vida.

pra que eu me lembre

Eu fico pensando que encontrar comigo de novo é difícil. Muito difícil e vejo como o equilíbrio é muito delicado. Acho que agora preciso entender que uma máxima que eu li neste livro aqui é verdade. (Aliás acho que esse livro está sendo pra agora o que este outro foi há dois anos.

Emagrecer primeiro, depois o resto. Análise não emagrece, yo se, bem sabe quem lê isso aqui. Ficar analisando não fecha a boca. Porque se é verdade que a gente fica mal porque está gordo, também é verdade que se está gordo porque se ficou mal. Eternamente né?

E essas duas semanas eu não tenho tido fome. Eu já tive uma fase assim uns tempos atrás, mas desta vez está durando mais. Quase como se eu tivesse encontrado comigo mesma antes. Porque eu poderia até nunca emagrecer, mas eu não seria eu nunca mais. Nunca fui gorda na vida e não reconheço essa pessoa. Esse discurso é chato e eu sou a primeira que acho isso. Mas as coisas parecem estar entrando nos eixos, eu quero acreditar. Menos falação e mais ação.

A semana foi lindinha, sim. Não foi perfeita, como não poderia ser, mas foi boa, como em muito tempo, muito tempo… que bom ter este refresco de liberdade, de se ver um pouco menos escravo desta chatice. Ufa!

Então talvez algo esteja mesmo mudando. eu sei também que não vou nunca mais ser a mesma pessoa, mas quero gostar de ser, só isso.

Coloquei as fotos pra que eu me lembre. Não escolhi só foto em que eu acho que fiquei bem. Nem magra. Fiz um amostra de quem eu penso que era, como era. Algumas estão bem ruinzinhas, são velhas e meu scanner já tá na hora de ser trocado. Mas isso é pra mim mesma, de resto. Pra que eu me lembre.

 

O post ficou confuso. Mas combina comigo, confusa.

Nossa, o aprendizado vai super bem. Há anos que eu não tenho uma semana tão certinha, tão produtiva. Tá inacreditavelmente bonitinha. É como se eu tivesse voltado a ter o comportamento que eu tinha quando magra…Tipo minha cabeça da época magra. Espero muito que continue assim…

Depois volto contando mais novidades.

fidel

Eu nem acredito que agora já não dá mais pra realizar um sonho de adolescente: Ir à Cuba com Fidel ainda no poder. Eu tive algumas oportunidades. E não aproveitei. E agora é tarde demais. Espero que isso sirva de aviso pra mim mesma a respeito de adiar os sonhos.

 

 

 

Eu não vou falar nada sobre ele. Nem sobre Cuba ou sobre a Revolução. Que além de não poder falar nada de modo não sentimental, realmente não há nada que eu possa falar. Não acrescentaria nada.

fidel

Eu nem acredito que agora já não dá mais pra realizar um sonho de adolescente: Ir à Cuba com Fidel ainda no poder. Eu tive algumas oportunidades. E não aproveitei. E agora é tarde demais. Espero que isso sirva de aviso pra mim mesma a respeito de adiar os sonhos.

 

Eu não vou falar nada sobre ele. Nem sobre Cuba ou sobre a Revolução. Que além de não poder falar nada de modo não sentimental, realmente não há nada que eu possa falar. Não acrescentaria nada.

Vício dos Vícios

Editora: MG Editores

Ficha Técnica: 3 ª.

Edição 1987 154 pág.

Este livro, o décimo segundo escrito por Flávio Gikovate, trata da vaidade, emoção humana fundamental e que foi complemente esquecida pelos textos contemporâneos de psicologia. O prazer de se exibir, chamar a atenção e se destacar – que é como a vaidade é definida pelo autor – participa de todas as ações do ser humano e é parte essencial em todo o tipo de interação social. Está presente na raiz de todos os vícios, e é daí que deriva o título deste estudo contundente sobre a nossa maneira de viver. A tese fundamental defendida aqui é a de que a serenidade, a paz de espírito e a boa qualidade de vida só serão possíveis para aqueles que não se deixaram escravizar pela vaidade. Este trabalho também defende o ponto de vista de que uma ordem social mais estável e mais justa só será alcançada quando os homens se voltarem para as coisas mais essenciais da vida e abandonarem a obsessão pela superficialidade e pela ostentação de todo o tipo.

Fonte: www.flaviogikovate.com.br

El Susurro de La Mujer Ballena

Colección: Autores Españoles e Iberoamericanos

260 páginas

ISBN: 978-84-08-07399-4

Tapa dura 15 x 23 cm

Publicación: Junio 2007

Finalista del Premio Iberoamericano Planeta-Casa América de Narrativa 2007. Una intrigante novela sobre los caminos que puede tomar una secreta amistad entre dos mujeres.

Sinopsis: ¿Qué caminos puede tomar una tierna y secreta amistad entre dos colegialas? ¿Hasta dónde se puede llegar, muchos años después, cuando una de ellas trata de revivir esa relación perdida, o cuando quiere vengarse de una ofensa que nunca ha podido olvidar?

Verónica es una mujer que goza de una vida plena: un matrimonio estable, un hijo cariñoso, un apasionado amante, y un prestigioso cargo como periodista.

Rebeca, en cambio, soporta el tormento de su grotesca gordura. La soledad, la amargura y la rabia abonan su sed infinita de culpabilizar a alguien. Ese alguien, su amiga secreta del colegio, tropieza con ella en un avión, y allí se inicia esta intrigante e intensa novela con la que Alonso Cueto reafirma su exquisito talento.

==========

“El pasado es un agente inspector. Sus emboscadas son periódicas y repentinas. Se materializa como por arte de magia. Es una sombra con manos fibrosas. No tiene rasgos faciales. No tiene edad. Nos entrega una hoja en blanco. Nos negamos. Pero él insiste con su voz dura y lenta y fresca. Va a regresar.”

Verónica es una mujer satisfecha con su vida. Un marido tranquilo, un hijo adolescente a quien adora, un trabajo que le gusta e incluso la relación clandestina con un antiguo novio que le ofrece cada semana la emoción de la trasgresión.

Periodista de internacional en un periódico prestigioso, viaja a Bogotá para hacer un reportaje y en el viaje de vuelta descubre que junto a ella se sienta Rebeca del Pozo, una antigua compañera de colegio. Rebeca se ha convertido en una mujer descomunal, en una ballena, como ya la llamaban en el colegio y, aunque Verónica intenta pasar desapercibida, es Rebeca quien la aborda y quien intenta reanudar la relación que terminó hace tanto tiempo.

Rebeca comienza a acosar a Verónica, la llama, la busca en el trabajo, se comporta como una loca. Aparece en los lugares más insospechados, con su enorme cuerpo y su lengua delirante, inquietando cada vez más a una Verónica paralizada. Porque lo cierto es que Verónica se siente indefensa ante esta antigua amiga que le hace afrontar unos hechos que ha querido aunque no ha podido olvidar: la crueldad de sus compañeros del colegio para con esa niña distinta a todas las demás, esa “Revaca” como era llamada, objeto de burla constante, con quien Verónica mantenía una relación clandestina para evitar los reproches de sus amigos.

Este es el comienzo de una inquietante historia que mezcla elementos de la novela de terror psicológico con una historia intimista. Contada en primera persona, el lector asiste con el aliento entrecortado a este enfrentamiento de la protagonista con la culpa, esa culpa antigua que subyace en lo más profundo del inconsciente y que el autor ha sabido encarnar con la habilidad de un maestro.

Y será a través de esta culpa recobrada, como Verónica se enfrentará a su verdad, a la realidad de su vida, anclada en un matrimonio cobarde. Y también a su pasado, y a unos terribles acontecimientos que nunca ha sabido asumir. Verónica mirará a su alrededor por primera vez y lo contemplará todo como si fuera el mapa de un país desconocido. Su temor a envejecer, su afán por seguir guapa, todos sus miedos chocarán contra la realidad de su antigua amiga.

Porque si Verónica es la culpa, Rebeca es la humillación, la soledad y el dolor, un dolor oculto, eterno, que empezará a supurar como la lava de un volcán, lento e implacable al principio y con un estallido final que querrá destruirlo todo.

Entre ambas mujeres se establecerá una relación marcada por los desencuentros, por los silencios y los miedos de una y los reproches de la otra. Una relación sobre la que se cierne un hecho que ninguna de las dos es capaz de sacar a la luz: aquella noche lejana donde todo quedó destruido, la amistad y la inocencia.

“Aunque no sé la razón, creo que todo lo que me ha ocurrido tiene algo que ver con lo que pasó esa noche en la fiesta. Así como puede haber un virus que a una cierta edad entra en nuestro organismo para siempre, creo que el recuerdo de esa noche, la música, las voces, las palmas que yo batía, circula desde entonces en mi conciencia. Las pesadillas de la culpa se han vuelto realidad y todo está claro.”

El susurro de la mujer ballena

Una prosa afilada como un bisturí de personajes hondos e intriga absorbente

Ya desde el título de esta impactante novela, el lector queda atrapado por la prosa afilada como un bisturí con la que Alonso Cueto disecciona a sus personajes. Tanto Verónica, cuyo relato en primera persona muestra los rincones más ocultos de su mente, como Rebeca, cuyos sentimientos solo conocemos por sus palabras y sus actos, son personajes con una fuerza y una complejidad turbadoras.

Como en toda buena obra literaria, El susurro de la mujer ballena trasciende el argumento para ahondar en lo más profundo del inconsciente colectivo. El lector empatiza de una forma inmediata con las protagonistas. Se siente Rebeca y también se siente Verónica, porque ambos personajes poseen esa cualidad intangible de lo que está escrito desde la verdad y la honradez.

La intriga que subyace a lo largo de la historia se ofrece con un medido cuentagotas, manteniendo un interés casi obsesivo en el lector por una trama digna de Hitchcock. Pocas veces un relato intimista tiene la fuerza que tiene esta novela y pocas veces un autor es capaz de transformar esos momentos reflexivos, casi líricos, en una pesadilla y hacerlo con una transición sin estridencias. Alonso Cueto narra el terror de lo cotidiano, lo cubre con un halo de tragedia, de anticipación, avisa de que algo terrible está por ocurrir y entonces ya no hay manera de alejarse del texto hasta su conclusión.

Pero la historia de Cueto tiene también un lado más amable. Porque, a pesar de todo, esta es también una historia sobre la amistad. Una amistad conmovedora, emocionante, dura, marcada por la traición. Pero una amistad que puede redimir, limpiar todo lo emponzoñado. La magnífica última escena de esta obra es una reivindicación de esta amistad desde su lado más doloroso, pero también más auténtico.

Novela de personajes y de emociones. Novela de dolor y de terror. De silencios y de culpa. Una magnífica historia narrada con fuerza, habilidad y belleza.

Fonte:

http://www.casamerica.es/es/casa-de-america-virtual/literatura/articulos-y-noticias/el-susurro-de-la-mujer-ballena?referer=/es/casa-de-america-virtual/literatura/articulos-y-noticias

Magra e Poderosa

MAGRA E PODEROSA
Autor: BARNOUIN, KIM
Autor: FREEDMAN, RORY
Editora: INTRINSECA
Assunto: MEDICINA E SAUDE-DIETAS
ISBN: 8598078212
ISBN-13: 9788598078212
Brochura
1ª Edição – 2007
Livro com 189 páginas

=====

Leiaesse ótimo post sobre o livro aqui: http://oicult.blogspot.com/2007/12/magra-e-poderosa-apenas-isso-que.html

=====

“Magra e Poderosa”: é apenas isso que desejamos?

Estava passando os olhos na revista que vem todo domingo no jornal O Globo quando me deparei com uma reportagem com o seguinte título: “O pulo da gata: saiba como um livro de dieta disparou da posição 77.938 para o primeiro lugar na lista dos mais vendidos nos Estados Unidos”, escrita por Isabel Caban, cuja foto principal era da ex-integrante do grupo Spice Girls, Victoria Beckham, que possui 1,63 de altura e cerca de 45 Kg, em uma livraria com o livro em mãos.
Assim começava a reportagem:“Aconteceu em maio deste ano, nos Estados Unidos: um livro de dieta lançado em 2005 e que ocupava a posição 77.938 na lista dos mais vendidos naquele país pulou para o primeiro lugar por causa de uma única foto publicada na imprensa. O crescimento registrado nas vendas foi de 37.000% (sim, com todos esses zeros). A foto era de Victoria Beckham e o livro, chamado “Skinny bitch” – atualmente o terceiro na relação publicada semanalmente pelo jornal “The New York Times” (…)”Inocentemente, pensei que a reportagem mostraria como esta foto foi um mecanismo usado para aumentar a vendagem do livro. Porém, ao ler a reportagem percebi que ela nada mais era do que mais uma jogada de marketing para vender o livro no Brasil, já que seria aqui lançado na quarta-feira (21/11/2007) pela editora Intrínseca, com o título Magra & Poderosa.
A reportagem mostra como o livro (escrito por Rory Freedman, agente de modelos, e Kim Barnouin, ex-modelo) possui uma proposta radical que pode ser percebida a partir de alguns trechos nela destacados:“(…) torne-se vegetariana para ser saudável, magra e ‘colocar um biquíni cavado para rebolar como se fosse a rainha da cocada preta’.”

“De nada adianta ser uma porca gorda. Beber álcool sempre = síndrome da porca inchada”.

“Se você acha que a dieta do dr. Atkins irá fazê-la emagrecer é porque é uma total idiota”.

Embora cite todos esses trechos absurdos, a reportagem recorre a dois recursos muito utilizados pela mídia para legitimar suas mensagens: busca a opinião de um especialista e pesquisas científicas. A nutricionista Adriana Bassoul, que acompanhou a tradução do livro, deu a seguinte declaração: “Me assustei quando comecei a leitura, mas rapidamente entendi que a intenção é dar uma sacudida”. Além disso, as autoras teriam recorrido a inúmeras pesquisas – mas, curiosamente, não há referência concreta a nenhuma delas – até chegarem à conclusão de que se deve parar de comer qualquer carne animal para se alcançar o tão desejado corpo magro.

O vegetarianismo é uma filosofia de vida que entende o consumo de alimentos de origem animal como uma prática desnecessária, que prejudica a saúde humana, o meio ambiente e a sociedade. Os animais são capazes de sentir amor, dor, medo e solidão. Desse modo, a maneira como são criados não atende às suas mais básicas necessidades e são mortos de forma bastante cruel, pois não há como matar um animal de forma “humanitária”. O livro “Magra & Poderosa” esvazia o real sentido do vegetarianismo, reduzindo-o a um único objetivo: deixe de comer qualquer tipo de carne animal para obter um corpo magro e belo.
Além de fazer propaganda do livro, a reportagem traz um box com endereços de locais onde se pode encontrar comidas destinadas aos futuros adeptos da dieta contida em “Magra & Poderosa”, com o seguinte título: “Roteiro orgânico: onde comer o que se deve”, que consiste não apenas em uma simples dica, mas também em uma ordem.
A reportagem me fez pensar também no atual culto a um corpo magro e livre de qualquer tipo de gordura. Dando uma rápida observada em bancas de jornal e guichês de supermercados, podemos ver uma série de revistas dedicadas à obtenção do corpo escultural. Duas dessas revistas me chamaram muito a atenção por algumas semelhanças que possuem com o livro em questão: Boa Forma, da Editora Abril e Corpo a Corpo, da Editora Símbolo.
Ambas as revistas, assim como o livro, trazem implícita ou explicitamente a idéia de que ser magro é uma obrigação e a chave para o sucesso, que virou, em nossa atual sociedade, sinônimo de felicidade. Transmite-se a idéia de que se você não possui um corpo magro é porque você não quer, pois eles te trazem os segredos para isso, você é que não tem força de vontade e determinação suficiente e, portanto, é um fracassado.
O livro Magra & Poderosa se beneficiou da foto da magérrima Victoria Beckham segurando um de seus exemplares para alavancar suas vendas. Já as revistas utilizam um outro mecanismo para isso: trazem em suas capas atrizes sem nenhum vestígio de gordura, quase sempre vestindo apenas um biquíni, deixando para o consumidor a sensação de que se ele comprar a revista e seguir seus conselhos também alcançará aquele corpo. Em seu interior, as revistas contem dicas de boa alimentação, tratamentos de beleza, dietas que prometem fazer milagres em semanas e uma reportagem com a atriz da capa, na qual, a mesma apresenta seus “truques de beleza” e exibe suas medidas: altura, peso e medidas dos quadris, busto e cintura, como sendo o padrão ideal a ser alcançado.
É curioso pensarmos como é possível que num mundo onde milhares de pessoas morrem de fome haja tamanha preocupação com a busca da magreza. Como é possível a correlação entre ser magro e ser poderoso. O que é mais uma coisa curiosa: a aparência como uma moeda de troca, como a chave para se alcançar o sucesso e a felicidade. Será que devemos nos deixar seduzir por essas mensagens canalizando nossas energias na diminuição das calorias de nossas refeições para que sejamos magros, belos, poderosos e aceitos socialmente, ou devemos direcioná-las para a busca de um mundo mais justo e humano, onde todos possam viver com dignidade? A escolha somos nós que devemos fazer…Ano 4, número 173, 18 de novembro de 2007.
Fonte:

queijo

Eu não sei porque cargas d’água eu desenvolvi uma alergia das bravas a queijo parmesão. Na viagem eu passei mal por causa de uma pitada ínfima, menor que a de sal que coloquei num prato só pra sentir o cheiro mesmo. Porque eu amava queijo parmesão. Amava mesmo. Mas a pitadinha de nada quase me estragou um dia inteiro de curtição.

 

Semana passada no almoço semanal na casa da minha mãe ela fez macarrão e colocou queijo. E o macarrão da minha mãe é misturado, ela não joga só por cima, mistura mesmo o macarrão, molho e etcs… Eu como tenho uma dificuldade grande pra aprender, fiz o prato e coloquei a primeira garfada na boca. Tiro e queda, passei mal pra caramba.

 

Bom, hoje lá fomos nós de novo pra almoçar na mama. E ela de novo fez macarrão. Dessa vez sem um pingo de parmesão. Mas só de olhar o macarrão eu comecei a passar mal. E não almocei direito.

 

Dai que lascou com a tarde. Eu ainda não extrapolei, mas ficou muito claro a falta que fez um café da manhã e um almoço decentes. Porque a falta de comida repercutiu à tarde e agora eu estou morrendo de fome, mas fome de carboidrato, de coisas que engordam. Ou seja, óbvio que é mais que fome né? Pra vocês verem como é delicado o equilíbrio de um viciado, ainda mais em comida. Porque largar o cigarro foi muito mais fácil do que largar o vício de comida, eu não estava exposta a dose nenhuma. E eu era fumante inveterada, ninguém acreditava que eu pudesse largar.

 

Eu quero duas coisas com esse post: agora que estou anotando tudo e conseqüentemente sendo obrigada a prestar atenção no que como, de verdade (que é a primeira vez em muito, muito tempo, que faço isso por dias seguidos, a sério e sem pirraça) eu resolvi que vou sempre escrever quando acontecer, pra ficar registrado pra mim mesma os gatilhos que disparam as “erradas”. Devagar eu aprendo. Não que eu já não soubesse dessas coisas em mim, mas agora resolvi prestar atenção.

 

A segunda é falar que eu fui em uma reunião dos Comedores Compulsivos Anônimos ano passado, mas achei muito pesada a ênfase que se deu à palavra doença naquela reunião. Doença, doentes, somos todos muito doentes, não temos cura, muito complicado. Uma questão de semântica, talvez, mas pra mim viciado é menos pior do que doente. Eu aceito ser viciada, doente não. Fica claro que ainda não cheguei no Primeiro Passo né? Hahahahaha.

 

Talvez seja uma bobagem e seja isso mesmo que os gordos eu sejam seja: viciada(os), doente(s). Mas o fato é que eu tenho muitas e enormes, gigantescas reservas quanto ao significado disso atualmente. Vai ver por isso eu esteja tão gorda. Negação?

 

Gorda, vá lá, viciada também, mas doente, hummmm, sei não… Cada época tem seus bodes expiatórios, cada época tem suas doenças, e uma das de hoje é ser gordo. E as doenças são bem mais do que doenças, elas têm sentido social visse? Sempre, sempre.

 

Mas eu sou Antropóloga né? Ainda mais do que em comida, sou viciada em olhar por detrás das tramas, dos valores, do senso comum, fazer o quê? Não digo que estou certa, nem sempre vejo consigo ver o que é certo, mas são as conclusões que tiro. De anos de traseiro na cadeira, de cara nos livros e olho no mundo. Bão, só estou divagando (e me exibindo tb) um pouco.

 

E não estou negando ser viciada. Sou menos ingênua do que aparento (?). E as palavras nunca são bobagens. E eu não estou falando de nenhuma lei da atração. Não estou falando nada do tipo pensar e atrair.

queijo

Eu não sei porque cargas d’água eu desenvolvi uma alergia das bravas a queijo parmesão. Na viagem eu passei mal por causa de uma pitada ínfima, menor que a de sal que coloquei num prato só pra sentir o cheiro mesmo. Porque eu amava queijo parmesão. Amava mesmo. Mas a pitadinha de nada quase me estragou um dia inteiro de curtição.

 Semana passada no almoço semanal na casa da minha mãe ela fez macarrão e colocou queijo. E o macarrão da minha mãe é misturado, ela não joga só por cima, mistura mesmo o macarrão, molho e etcs… Eu como tenho uma dificuldade grande pra aprender, fiz o prato e coloquei a primeira garfada na boca. Tiro e queda, passei mal pra caramba.

 Bom, hoje lá fomos nós de novo pra almoçar na mama. E ela de novo fez macarrão. Dessa vez sem um pingo de parmesão. Mas só de olhar o macarrão eu comecei a passar mal. E não almocei direito.

 Dai que lascou com a tarde. Eu ainda não extrapolei, mas ficou muito claro a falta que fez um café da manhã e um almoço decentes. Porque a falta de comida repercutiu à tarde e agora eu estou morrendo de fome, mas fome de carboidrato, de coisas que engordam. Ou seja, óbvio que é mais que fome né? Pra vocês verem como é delicado o equilíbrio de um viciado, ainda mais em comida. Porque largar o cigarro foi muito mais fácil do que largar o vício de comida, eu não estava exposta a dose nenhuma. E eu era fumante inveterada, ninguém acreditava que eu pudesse largar.

 Eu quero duas coisas com esse post: agora que estou anotando tudo e conseqüentemente sendo obrigada a prestar atenção no que como, de verdade (que é a primeira vez em muito, muito tempo, que faço isso por dias seguidos, a sério e sem pirraça) eu resolvi que vou sempre escrever quando acontecer, pra ficar registrado pra mim mesma os gatilhos que disparam as “erradas”. Devagar eu aprendo. Não que eu já não soubesse dessas coisas em mim, mas agora resolvi prestar atenção.

 A segunda é falar que eu fui em uma reunião dos Comedores Compulsivos Anônimos ano passado, mas achei muito pesada a ênfase que se deu à palavra doença naquela reunião. Doença, doentes, somos todos muito doentes, não temos cura, muito complicado. Uma questão de semântica, talvez, mas pra mim viciado é menos pior do que doente. Eu aceito ser viciada, doente não. Fica claro que ainda não cheguei no Primeiro Passo né? Hahahahaha.

 Talvez seja uma bobagem e seja isso mesmo que os gordos eu sejam seja: viciada(os), doente(s). Mas o fato é que eu tenho muitas e enormes, gigantescas reservas quanto ao significado disso atualmente. Vai ver por isso eu esteja tão gorda. Negação?

 Gorda, vá lá, viciada também, mas doente, hummmm, sei não… Cada época tem seus bodes expiatórios, cada época tem suas doenças, e uma das de hoje é ser gordo. E as doenças são bem mais do que doenças, elas têm sentido social visse? Sempre, sempre.

 Mas eu sou Antropóloga né? Ainda mais do que em comida, sou viciada em olhar por detrás das tramas, dos valores, do senso comum, fazer o quê? Não digo que estou certa, nem sempre vejo consigo ver o que é certo, mas são as conclusões que tiro. De anos de traseiro na cadeira, de cara nos livros e olho no mundo. Bão, só estou divagando (e me exibindo tb) um pouco.

 E não estou negando ser viciada. Sou menos ingênua do que aparento (?). E as palavras nunca são bobagens. E eu não estou falando de nenhuma lei da atração. Não estou falando nada do tipo pensar e atrair.

Fileteado Porteño

FILETEADO PORTEÑO (RUSTICA)

GENOVESE, ALFREDO

ISBN: 987-43-9728-4

Editorial: AUTOR

Tema: Arte > Técnicas

Formato:

Idioma: castellano

Páginas: 96

Con este libro me propongo utilizar el papel como soporte visual del fileteado, exponiendo en él la obra de mis maestros, la mía y la de algunos de mis discípulos de taller, mostrando además que es posible integrar la variedad de estilos y sus aplicaciones. Me gustaría que este arte llegue muy lejos y continúe. Alfredo Genovese

o poder curativo dos mudras

O Poder Curativo dos Mudras
RAJENDAR MENEN
Editora: Madras
ISBN: 9788537002483
Ano: 2007
Edição: 1
Número de páginas: 120
Acabamento: Brochura
Formato: Médio

Nossos dedos possuem um grande poder. Com eles, o ser humano pode curar aos outros e a si mesmo, utilizando-se do poder benéfico dos Mudras, que podem ser praticados a qualquer hora, em qualquer lugar e por qualquer pessoa. Não é preciso ser um atleta ou um profissional da área médica, basta dedicação. Os Mudras são movimentos de ioga que envolvem os braços e, principalmente, as mãos. São tão poderosos que podem transformar a vida de uma pessoa, além de fáceis de serem praticados. De acordo com o autor, eles liberam a energia presa no corpo do indivíduo, por meio de canais e centros energéticos: os nadis e os chacras. A prática dos Mudras ajuda a pessoa a criar paz e força interior, a eliminar o cansaço e a ansiedade, a superar situações de estresse, pressão, culpa e raiva, a proteger a saúde física e emocional, acalma a mente e fortalece a intuição, promovendo um estado de felicidade, amor e longevidade. Pela prática dos Mudras, é possível obter uma nova visão da sua saúde física, emocional ou espiritual. Agora, você mesmo pode promover a autocura, utilizando o poder que está em suas mãos.

coisinhas

Hoje e ontem foram dias exemplares. Muito tempo que eu não cuidava tão bem de mim. Apesar do plantão de 24 horas, foi tudo muito bem. Fiz tudo bem, apesar de poder melhorar.

Mas isso a gente sempre pode né?

Só não estudei que fico passeando entre assuntos e não me decido o que aprender desta vez. E como eu não tenho pretensão nenhuma com estudo, é mesmo só diversão, vou levando. Quero dizer, eu não estou estudando pra mudar de carreira nem nada, que já tenho uma boa carreira. O que porventura viesse dos estudos seria puro lucro. Então posso me dar ao luxo.

Tem o doutorado, mas esse ainda não mexi, não peguei, tem trabalho pra entregar, tem muito pra fazer, mas esse estudo também tem que ser divertido, senão eu não encaro.

Também juntei praticamente todos os posts dos meus blogs num blog só, há muito tempo que queria fazer e amenizar um pouco essa esquizofrenia (que eu curto, só pra constar) tornando meu arquivo mais fácil. Juntei até o blog de livros que não tem posts propriamente, é mais um registro meio incompleto dos livros que eu fico lendo e dos que eu fico folheando…

Vai que algum dia algum servidor destes resolve acabar e matar todos os posts né? Falta ainda o primeiro blog, do blogger.com.br ainda e o leveza.motime.com que não têm como importar automaticamente, tem que ficar fazendo post por post, meio chatinho. Mas devagar eu arquivo tudo num só. Algum dia eu vou querer saber o que estava rolando no passado né? E também vejo o que fazer com dois blogs no ar, porque com dois ao invés de postar mais eu acabo travando e não postando é nada.

Não sei porque fiz tudo tão de acordo nesses dias. Não teve click nem nada, aconteceu, só. Espero que continue assim, espero mesmo.

E eu li essa frase num blog que eu gosto muito, e ficou marcada na minha cabeça. Eu já tinha lido esse livro do Leloup, mas não me lembrava nem de longe dessa frase.

Mudar de olhar é mudar de mundo.

Jean-Yves Leloup, em sua autobigrafia O absurdo e a graça, Verus Editora, Campinas, 2003

coisinhas

 

Hoje e ontem foram dias exemplares. Muito tempo que eu não cuidava tão bem de mim. Apesar do plantão de 24 horas, foi tudo muito bem. Fiz tudo bem, apesar de poder melhorar.

 

Mas isso a gente sempre pode né?

 

Só não estudei que fico passeando entre assuntos e não me decido o que aprender desta vez. E como eu não tenho pretensão nenhuma com estudo, é mesmo só diversão, vou levando. Quero dizer, eu não estou estudando pra mudar de carreira nem nada, que já tenho uma boa carreira. O que porventura viesse dos estudos seria puro lucro. Então posso brincar.

 

Tem o doutorado, mas esse ainda não mexi, não peguei, tem trabalho pra entregar, tem muito pra fazer, mas esse estudo também tem que ser divertido, senão eu não encaro.

 

Também juntei praticamente todos os posts dos meus blogs num blog só, há muito tempo que queria fazer e amenizar um pouco essa esquizofrenia (que eu curto, só pra constar) tornando meu arquivo mais fácil. Juntei até o blog de livros que não tem posts propriamente, é mais um registro meio incompleto dos livros que eu fico lendo e dos que eu fico folheando…

 

Vai que algum dia algum servidor destes resolve acabar e matar todos os posts né? Falta ainda o primeiro blog, do blogger.com.br ainda e o leveza.motime.com que não têm como importar automaticamente, tem que ficar fazendo post por post, meio chatinho. Mas devagar eu arquivo tudo num só. Algum dia eu vou querer saber o que estava rolando no passado né? E também vejo o que fazer com dois blogs no ar, porque com dois ao invés de postar mais eu acabo travando e não postando é nada.

 

Não sei porque fiz tudo tão de acordo nesses dias. Não teve click nem nada, aconteceu, só. Espero que continue assim, espero mesmo.

 

E eu li essa frase num blog que eu gosto muito, e ficou marcada na minha cabeça. Eu já tinha lido esse livro do Leloup, mas não me lembrava nem de longe dessa frase.

 

Mudar de olhar é mudar de mundo.

 

Jean-Yves Leloup, em sua autobigrafia O absurdo e a graça, Verus Editora, Campinas, 2003

La Vida Ya Es Un Castigo

TÍTULO:La Vida Ya Es Un Castigo ¡Y Encima Hacemos Dieta!
ISBN: 8466612785
Número de páginas: 204
Autor: Gray, Serena;
Editorial: Vergara

¿QUÉ PROBLEMA TENEMOS LAS MUJERES CON EL CUERPO? ¿Las caderas? ¿Los muslos? ¿El tamaño de nuestro trasero? Y tú, ¿alguna vez has estado a régimen? ¿Sólo una? ¿Cuánto hace que estás a dieta? ¿Una semana? ¿Un mes? ¿Más de cinco años? Si no estás a régimen en este momento, ¿cuándo vas a empezarlo? ¿El lunes? ¿Cuando termines ese pastelito de crema? Seamos realistas. La mayoría de las mujeres vivimos gran parte del tiempo preocupadas por el peso. Rara es la mujer que jamás se ha puesto a régimen o que no está a punto de comenzar una dieta, y más rara aún es la que puede afirmar con una sonrisa que su cuerpo le parece perfecto tal como está. Si te cuentas entre los millones de mujeres que suspiran por estar más delgadas y sueñan con lograr que la pizza no se les instale directamente en las nalgas, o con que alguien invente un pastel de chocolate de cero calorías que además sepa a chocolate, entonces éste es el libro que estabas esperando. Con su humor fresco e irónico, y su estilo ingenioso e inteligente, Serena Gray describe los secretos, artimañas, esperanzas, situaciones jocosas, éxitos efímeros y fracasos recurrentes que jalonan nuestra conflictiva relación con nuestro cuerpo. Porque, convengamos… LA VIDA YA ES UN CASTIGO… ¡Y ENCIMA HACEMOS DIETA!

eu tenho jeito?

O que eu vi hoje na balança me deixou muito, muito triste. Desolada e com vontade de morrer. É isso mesmo, morrer. Não acho isso bonito, pode acreditar e sei que tem muita coisa pior e todo blá blá blá que você conseguir imaginar. Eu sei dele todo tá? Que poder têm alguns números idiotas numa balança. Eu nunca estive assim, nunca. Estou me detestando. Ainda mais porque na Argentina eu praticamente não comi nada, não tive nenhum ataque de compulsão nem nada. Revoltante. Eu estou triste e nem venha me dizer que não é assim, ok? É sim, é pior, numa sociedade que odeia os gordos, é horrível.

 

Só que eu já não tenho mais escolha, tenho que poder, tenho que virar essa situação e já.

porquês

Eu cansei de tanto procurar porquê. Por que eu engordei tanto em tão pouco tempo? Deve haver algum motivo, deve, é claro. Mas tem uns dois anos que eu estou procurando os motivos e só faço engordar de forma vertiginosa. Cansei de procurar esses motivos, não dá mais. Que prisão, que inferno é ser gorda, muito sofrimento. Preciso agir mais e sofrer menos.

 

 

Eu tenho essa sede infinita de saber, de ir atrás dos porquês nessa vida. Deve ser o sol em gêmeos. Mas nesse caso acho que não dá mais, acho que essa busca está me atrapalhando. Machucando mesmo e consumindo energias que deviam estar sendo investidas em outra área. E não estou falando de querer saber, aprender, que essa sou eu e vou ser sempre assim, lo siento para os incomodados (e eles existem, não se engane!). Estou falando que não me interessa mais saber porque eu engordei, porque fiz isso comigo mesma, chega disso por ora. Deixa eu ir ali anotar o que comi tá?

todo pasa

Nem todo mundo lê os dois blogs. Então eu vou duplicar os posts enquanto não resolvo o que fazer, porque levar dois blogs eu já vi que não é pra mim, não consigo.

Nada tinha me preparado para Buenos Aires, nada poderia me preparar. E acho que ninguém entende muito esse amor, esse espanto. Aliás, algumas pessoas entendem. Tem que me conhecer muito, muito pra sacar.

É um pouco mais do que entusiasmo de iniciante. Não foi a beleza, que a cidade é muito bonita, mas não pra tanto, não foram as pessoas, não foram os lugares, nem a cultura. Acho que me identifiquei com a alma de Buenos Aires, pois essa cidade tem alma sim senhor. Buenos Aires é uma velha senhora culta, enjoada e orgulhosa. Pelo menos. E junta com minha tendência* à ser tão entusiasmada… Já tive vergonha de ser tão entusiasmada, hoje não posso mais.

O que é o fileteado porteño, meu deus, que coisa mais linda!

As fotos, algumas pelo menos, da viagem, da universidade.

Com a chegada do ano novo, esse blog vai passar por mudanças. Até segunda feira mais tardar. Aquelas necessárias pra eu emagrecer. Porque eu não suporto mais ser assim. Eu poderia ter curtido muito mais a viagem, as aulas, o doutorado se não estivesse tão gorda. Eu poderia estar curtindo melhor a vida né? E não aguento mais. Pensei muito se devia escrever isso aqui, porque esse blog mais parece um relato de sucessivos fracassos. Mas afinal o objetivo dele, por mais mal educado que seja dizer isso não é entreter leitores, não é ser legal ou divertido, é ser mais uma ferramenta pra me ajudar. Então relevem os maus modos e desejem me sorte!

*Tendência à, a ou tendência de? Nossa meu português tá de doer. Fora que esses dias estava com dificuldade de somar e dividir. Imagina o que me aguarda, aff…

todo pasa

Nada tinha me preparado para Buenos Aires, nada poderia me preparar. E acho que ninguém entende muito esse amor, esse espanto. Aliás, algumas pessoas entendem. Tem que me conhecer muito, muito pra sacar.

 

É um pouco mais do que entusiasmo de iniciante. Não foi a beleza, que a cidade é muito bonita, mas não pra tanto, não foram as pessoas, não foram os lugares, nem a cultura. Acho que me identifiquei com a alma de Buenos Aires, pois essa cidade tem alma sim senhor. Buenos Aires é uma velha senhora culta, enjoada e orgulhosa. Pelo menos. E junta com minha tendência* à ser tão entusiasmada… Já tive vergonha de ser tão entusiasmada, hoje não posso mais.

 

O que é o fileteado porteño, meu deus, que coisa mais linda!

 

As fotos, algumas pelo menos, da viagem, da universidade.

 

Com a chegada do ano novo, esse blog vai passar por mudanças. Até segunda feira mais tardar. Aquelas necessárias pra eu emagrecer. Porque eu não suporto mais ser assim. Eu poderia ter curtido muito mais a viagem, as aulas, o doutorado se não estivesse tão gorda. Eu poderia estar curtindo melhor a vida né? E não aguento mais. Pensei muito se devia escrever isso aqui, porque esse blog mais parece um relato de sucessivos fracassos. Mas afinal o objetivo dele, por mais mal educado que seja dizer isso não é entreter leitores, não é ser legal ou divertido, é ser mais uma ferramenta pra me ajudar. Então relevem os maus modos e desejem me sorte!

 

*Tendência à, a ou tendência de? Nossa meu português tá de doer. Fora que esses dias estava com dificuldade de somar e dividir. Imagina o que me aguarda, aff…

una delgada línea

UNA DELGADA LINEA… ENTRE EL EXCESO Y LA MEDIDA

ISBN: 950-556-465-1
Editorial: Galerna
Clasificación: Autoayuda
Páginas: 222
Publicación: Noviembre 2004 | Idioma: Español
Formato: Rústica
Peso: 331,0 grs
Medidas: 220,0 mm x 150,0 mm x 16,0 mm

¿Por qué el mundo está gordo? ¿Por que sobrevivir flaco es cada vez más una proeza que algo natural? ¿Por qué casi todos los métodos fracasan sistemáticamente y se sigue apelando a las nocivas pastillas o a la traumática y dudosa cirugía para la obesidad?

El problema del sobrepeso ya no es sólo personal, sino público: estar gordo deprime, enferma y mata. A medida que aumenta la población excedida de peso, los gastos en salud pública se incrementan para acompañar a este fenómeno mundial, considerado una pandemia. Esta nueva forma de adicción -síntoma de una sociedad ansiosa, compulsiva y consumista- causa estragos en la salud de la gente.

Máximo Ravenna resume en este libro su vasta experiencia en la materia. El diagnóstico y la evaluación de las causas biológicas, psicológicas y sociales del sobrepeso abren el camino para que el autor exponga su novedoso método de CORTE, MEDIDA y DISTANCIA, una eficaz acción terapéutica que se centra en el vínculo problemático con la comida, y que puede ser extrapolada a cualquier otro exceso.

En un contexto social ambivalente, que ensalza la delgadez pero lleva al sobrepeso, Máximo Ravenna propone un camino
efectivo y esperanzador, una solución para recuperar el cuerpo y ponerlo de pie.

***Livro todo lido. Terminado em 09/02/08

castello della ranciadaytrana manufacturercf103valenta elementelor chimicespinal board with head immobilizerinternment camps australia ww1ldf tribe employmentsputnik i pogromshoreway shopping centershiksa meaningamran gujaratdarren criss hedwig photostampines hub library openanother dimension aerosmithmetacritic bayonetta 2cystic fibrosis drug companiesdagobert duck moneykepler second law of planetary motionjk wrangler j8caroline kennedy schlossberg engagement ringepia brasiliareindeer moss adaptationsglock 18c gen 4nfpa 1901 rescue equipment list50 shades of grey xxx adaption3500 church street evanston ilarmero el dia de la tragediasysdm cpl xpdumaguete newspapersname the polymer that is made from butenejohnny horton please mr custerbeaujolais nouveau 2015 wine pricecapacidad espectadores camp nouzentralblatt math databasesunakothiinfolanka news comcolt 100th anniversary 1911 for salejan radzikgartner magic quadrant data center outsourcing servicesflurazepam 30 mg highлора спенсерdevils head merrimacosmocote time release plant fooddavid sloss comediankeonjhar district blocksdaimon gardnerze neto e cristiano te amonew seasons market hillsboro orplanting bald cypress seedshow to lower background noise in imovieheart palpitations light headed dizzyndp 2017 fireworksmary's pistols tacomabeechcraft bonanza fuel burnjay j armes net worthindian fables panchatantrakramnik lekocytec miningwhat is zerodol p used fordr mark vosslersabinal river mapnicollet middle school burnsvillepepco essodespre mine compunerepregnyl injection during pregnancyiowa legalize recreational weedinstalling t8 led tubeshov lanes in southern californiaapi 1104 welding certificationguantanamera cigar costaics stock remington 700 long actionjoe malenko vskane vs x pac no holds barred matchjudy moody bummer summer full moviegenoise sheet cakedecreasing term assurance formularady children's volunteerkiku tattoo nycroman bednarikhenry ford allegiance hematology oncologyoded prophetjammu to manali volvo bus serviceadare flightsmuhammad ibn jarir al tabarimedial saude rede credenciadahilroy exercise book 80 pagesfrost bank send money featuretaopi mn8v71 torquecloudy sclerarogers bros w concave implantinternational standard industrial classification code isic5.56 bandolier kit for saleberetta 92sadvance auto parts university blvd jacksonville flgitlab subdomain apacheloan restructure vs loan modificationvba sgnwsr 88d radar locationsedy's logoamerican ninja the confrontationcuriozitati matematicevaffanculo pezzo di merdasufi restaurant bangalore menugunnar glasses headacheraja ki aayegi baaraatasesinos seriales famosos del mundodo women's menstrual cycles sync upmeaning of leavening agentbombardier challenger 604 interiornauvoo state park camping陳 零 九 邵雨薇kryptopyrrole test australianasima aktervata dosha diet in hindipimento del padronsedet latincoastal plains of karnatakahallucinogenic herbs to smokegiant 29r bikeshallucinogenic herbs to smokekirk franklin stomp remix lyricsnetley police collegecorey wootton childrenkhairagarh university admissions 2017joffrey elite castgod's communicable attributesrewinding of three phase induction motorpancho bigotesjan radzikquantis globalleather balisong sheathfamous truthersdisha vakani husband photo and nameカエル の 鳴き声 英語quienes son los etruscosslogan on bravery in hindioded prophetcypress dale country venue east londonmarco reus freundincomo abreviar republica dominicanamonte rio fireworks 2017latex presentation template beamer downloaddoc martens vaughan millsf120aunforgivable lifetime movie 2016webley junior 177 air pistolbarrett comiskeycommunication and computer networks modelling with discrete time queuesdushevinatachi palace events lemoore caentiti appthunderstone audioapricot kernels chinese medicinewsr 88d radar locationscraniosynostosis operationtankbustersjan radzikmoondial helen cresswell pdfpathfinder courtesannhac dao thien chua mp3cystic fibrosis drug companieshss cardiologywardens way cotswolds mappokemon you re a star larvitarpriapus garden statuemost quiet pcp air riflemuriatic acid for septic tankschinga tu paredwarpath jurassic park gamebebe cece winans wedding songsberetta px storm priceartbook bayonetta 2ayahuasca montreallaparoscopic ventral hernia repair with mesh recovery timeattack on titan training corps logofootballers killed in ww1eradicator pc gamegrowing datura indoorsinflight magazine airasiaoverclock i7 7500uhp pavilion dv7 4060us specsgregory nava biographyлора спенсерsafariland speedloaders for revolversnetley police collegeoctavius terry clothingmax espejelsatyam school sonipatsolomon grundy suicide squadjuno soundtrack playlistbugsy malone mcprotract oppositepspice reference manuallegal psychedelics research chemicalswhen disagreeing with a premise course heronazi cyanide capsule for salearmine meaningda vinci vaponappanee churchessarego italylake worth municipal golf course restaurantjumbodesignsmith and wesson model 2 serial numbersdepression or groove in the surface of the cerebral cortexkris tonto parontokara chutney for kuzhi paniyaramrmvx gamesmike warnke 2015coconut creek high school magnet programshaq trips over cordbattlespire pchow to make a bond tradeablebugsy siegel quotescycloplegic refraction childcolt mustang 380 handgunarmalite 3 gun for salecrystal concepts newark dejavascript onmouseover popupkobelco corona cajustin bieber diplo bankrollлора спенсерopenwrt forkpalo rosa bags mexico22 caliber birdshot ammunition for salefhl hockey standingsjanome babylock overlockereasthampton ma mayor racewhiskey barrel bungwapiti sowmierda sinonimoكليات في القدس معترف بهاohio boxing commissionbullpup air rifle for saleshops at birch run outlet mallseongsu dong seoulsedona lutbenedek fliegauftavor replacement barrelle corbusier sofa lc2 verschiedene farbewhat macromolecule forms double helix structuresharold and maude playlistgrapefruit terpeneslazy town sportacus crystalspotlight bondi junction bondi junction nswcoalamodemajor german river crosswordfinacle 10 trainingchickering consolevictorious and icarly crossovercoastal edge obxstonestream shower reviewsmcville indianakara goff softballlawrence kohlberg moral development pdflouise a chessmanjuniperus old gold bonsaicurtido recipe el salvadorin boom mainsail furling systemstobymac boomin music videojuno soundtrack playlistadvice polackdianella councilaverage cost of home insurance in saskatchewanlancia appia 1960examples of negritude poemswilliam singe i alex aiono march 16the gunstringer trailersignet jewelers lawsuitare brass knuckles illegal in north carolinainteraction between biotic and abiotic components in an ecosystemgran turismo 2 v1 2 gameshark codesnicker beanhow to make a 3d helium atom modelkelsey grammer's homeruger gunsite scout 308 scopekns classicalrobert dickinson lighting designershinnok stage fatalityvaping ethanolairsoft m4 rail coversmetavante companyimpala platinum mine rustenburgquat sanitizeronrait o tooleraymond clark wadlowgriddlers net androidde vere slaley hall hexhamhajdúböszörmény térképparuthiveeran movie onlineking canute wavesstriped skunk mephitis mephitisargelati milanois odwalla healthy for youfmk receiverdownload mysql connector odbc 5.1bison skull maskdo heat detectors detect smokeminecraft griefer serverdiablo 3 ultimate evil edition charactersprophet gregory vossthunbergia varietiesabogado tony paradakavárna slaviajohn macarthur and calvinismshonda rhimes adoptionparfum lancome terbarupmq shopsremington 1187 12 gauge slug barrelsuntv kutti chutties latestsofitel dubai jobsfrench speaking province of canada crossword clueequation of the equinoxescoastal edge obxwest hempstead weather hourlyritchie pickett funeralcominak4 page letter aaliyah albumarmine meaninggrapefruit terpenesflagship niagara erie pafim asia motocross championship 2017kara chutney for kuzhi paniyaramvape shop oxford street9mm glasersorteo de powerball puerto ricokounellis arte poveratommy sotomayor black lives matterdavid sylvian and robert frippwhat happened to dnewscrowne plaza kochi keralaretorno jedianthurium varieties in sri lankacatholic rules of lenten fastingpriapus garden statueremington 243 ballistics tabledaflon 500 reviewskratos kills poseidonus taekwondo grandmasters societysword scabbard chapediana vagelosactivate solver in excel 2007morning glory lsa seedspier j long beach fishingfeherty theme musicdempsey's baltimorecanvas бизнес модельkenny noye houseiceland webcam reykjavikis laura linney in downton abbeybiathlon kader damenitv4 channel frequencyegill sæbjörnssonsenior cohousing ukgundam seed invoke englishevm perumbavoorpathfinder courtesanatypical trigeminal neuralgia medicationscolt 45 beer alcohol contentsedum burrito carelord of the rings gates of argonathgunpowder and gelatinkaner tree imagesjason robards gravefuseau horaire de l alaskatesco express bicesterwhitworth rifle bullettony dungy charitymiu miu penny loafer mary jane pumpslegal psychedelics research chemicalsharmony korine spring breakers trailerkibbeh batata recipegrowing braeburn appleswikitravel vienaqueen samyuktajack wohlabaughmega python gatoroidatomic blonde movie spoilerleappad plus writing systemdollhouse episodes plldave sayer biographyeubank jr vs quinlan full fightruger mini 14 tactical 300 blackoutguantanamera cigar costrifts south america pdfcoconut creek high school magnet programrotting time lapsewood grenade log splitterali hassan mwinyi secondary schoolpeganum harmala seedsww2 german paratrooper knife for salefn 5.7 pistol picturesprepar3d controlspokemon art academy eshop9mm tavor suppressedcartoon network co uk dm3fireworks display northern irelandmachli jal ki rani hai lyrics in hindimurdoch mysteries dial m for murdochhow to pronounce famke janssenomnibus de mexico monterrey paqueteria telefonoadvantages and disadvantages of colgate toothpastehyphen partners lptui grass seedla cène louvrearya vaidya sala coimbatore contactdoes blanx workeero saarinen st louis gateway archdvblink tvrostow stages of growth pdfare kahr pistols reliablegolden barrel cactus carepmq shopshealey beacon jeepdr leong wai yeware brass knuckle belt buckles legalshisha bars in edgware roadsinopsis novel dilanerani 182golf courses in grenada west indiesandreas gunawan basrikeurig k cups knock offmms miracle mineral solution ukfu manchu racistmerchants choice payment solutions bbbshelterbelts in indiapowell electro systemssvu assaulting reality castjohn coller stanfordmaadi ak 47 stocksnathan blissettcoleco flashback 2genoise sheet cakearmadillo key toolrsync real time replicationyamaha ydp 233nhac dao thien chua tuyen chonlow residue diet day before colonoscopykaki king david lettermanearly victorian novelistslehigh valley airshow 2017parroquia santa bernarditadiablo 3 ultimate evil edition charactersk20a pcv valve deleteevelyn ryan jinglesblasphemy game kickstarternylon waster swordpower rangers ninja steel galvanax risedaily life of a samurai in feudal japanruckus 150cc top speedpsn summer campinnisbrook resort golf club tampaocotillo seeds for salenanopool sharesshane kills lemhtc one m8 gunmetal grey 32gbkolenchery churchitf prize money breakdown 2017gundam wing altronrb211 industrial gas turbinesahih targhibinvoluntary facial grimacesrd electronics liepājadba 3 wargame rulescisco show sfp transceiverantique pellet gunsmatt stikkerselfless trailer deutschmapquest driving directions 1.0 downloadfederal 158 grain 357 magnumcollonil canadalil uzi vert bisexualcisco ccsp certification pathdmt shaman experiencever pelicula blade cazador de vampiros 2 español latinodr shuartleek emblem of walesdarkspore free download full version pcmicrowave absorber wikia spacetime odyssey episode 2taissa farmiga snapchatillinois agility test normskfh accountsوخلقناكم ازواجاmarriott mdppair of 2kg dumbbellsdefine cargo cult pilgrimagesnorting kratom extractcatan hex size3500 church street evanston ilgillett pa zip codewhat is zerodol p used fordo women's menstrual cycles sync uppalhares ufchow to punctuate newspaper titlesgundam seed kira and flayarmy air defence centre gopalpur recruitmentturning kief into hashhoney cocaine curveballlalach in englishoutlander phev battery costhumane society of missouri euthanasiasmoking virginia slims mentholdiablo 3 best equipment for demon huntercysjhonda 20 hp outboard fuel consumptionother malalasm1918 browning machine guneinstein bombe atomiquekane vs x pac no holds barred matchharbourside institute of technologyedna gundersenruger blackhawk 357 mag 9mm convertible revolver300 winchester magnum recoilking canute waveskorona matahaririverbend truth or consequences nmekadashi chantingharbourside institute of technologyjpql hibernatemasseto wine 2012banda machos a capa y espada187.4 fmasesinos seriales famosos del mundobest choke tube size for duck huntingorganisationsnummer enskild firma personnummerpakistani bully kutta imagesparroquia santa bernarditafred macpherson spector5 htp and phenibutnon denominational churches in mesquite txupenn mba deadlineepicondyle tendernessmayoral debate family guydope dod what happened lyricshartal gandhidani hainssoldering certification ipctelerik kendo ui controlstransonic supersonic hypersonician kershaw hitler and the holocausteric bakkumhof balloon festival 2015debbie talmantexas gun permit costmerliah mermaid dollcockroach boric acid baitatf national firearms act handbookband leader greg perryhalliburton pre employment drug screen5.56 bandolier kit for saleranger 40 s&wchristianshavn gymnasiumdatc utwashingtonian top real estate agents 2016m96 mauser for salecappellini lampewb com redeem suicide squadvoila brasov romaniacreate a superstar wwe 2k14préambule de la constitution de 1946 pdfheadline colliesben and jerry's political donationssusan misner bikinicz 527 rifle stocksseawolves swimmingduchatelierotown onlinecall of duty world at war nazi zombies modsremington model 770 270 reviewscrusoe rum and gunpowderrosco 22 pistolnaruto shippuden ep 72 eng dubwww skyplayer comphra nakhon si ayutthaya historical parkjamie davenport tullpelliki mundu prema katha release datediamond mine cart minecraft videosmms miracle mineral solution ukdj khaled major key album free downloadbcf polyester carpet fiberthe veldt radio edit6mm vs 6.5 creedmoor ballisticsyema balls panlasang pinoycramer's rule practice problemsjohn coller stanford4most firearmstaurus pt92 accessoriesolivia pierson wagsturfgrass fungicideslast samurai bokkenbenzotriazole solubilitymossberg 500 ati accessoriesjan lönnbergtoe biter beetle biterenault modus weighttop narco corridos 2010stephen romanowthc vape liquid australiatoddler weight percentile chartchica htv 2013turning kief into hashmcgovern dole food for education programandy allman suspendedmuzzleloader primer holderchandrayaan 1 information in englishwinchester model 70 7mm valuericin bean plantthomas and friends railway adventures playsetneil gorsuch qualificationstoppoint promotional productssurvivors of the holocaust steven spielberg documentaryis sassafras poisonous3 gunas ayurvedawww pentecostalpublishinghouse comairsoft thompson 1928 chicago typewriterbazuco drogasecret weapons over normandy pc downloadconglomerate lusteremployee assistance programs eaps are designed tojib sailing basicsgiant 29r bikesjosefina cuesta bustilloclaudia schefersentence using filchpopeye spree lunchle dormeur du val datecadbury dairy milk bubbly priceserbuk penaikcentre de désintoxication drogue parisall bark and no bite idiom meaningyograj singh agedoes flu shot cause guillain barré syndromearrowhead plant syngonium podophyllumstellaria media identificationmike jones purple drankrachel briggs obecolt m4 1911 ops kit spring powered rifle and pistolangela ahrendts educationusg of thyroid glandblack metal neonazikf2 server updateremington 870 wingmaster slug barrelcrystal resonator vs crystal oscillatoralpha ribofuranosemotherboard dma controller faileddoug varone and dancers youtubebbq orange roughygunilla hutton 2014gsl softball rulesgolf courses in grenada west indiesmount swansea copper minebeaujolais nouveau 2015 wine pricegunheadskane vs x pac no holds barred matchhow tqm can help in achieving targets of environmental managementbrowning new a5 shotgun reviewjolly kartenspiel regelnemma marrone l amore non mi bastadebemus latinhagler and associates salaryakatsuki gundam rgvitamin d 10000 iu in microgramsröllekaanalgin drugamerican corporatocracyraccoon scent glandsplaywright looshulk hogan main event xbox 360 gameplaypreiewinchester 1300 defender magazine extensionargentine tango sheet musicaeroponic cannabis growhp pavilion dv7 4060us specshtml5 up and running by mark pilgrimluna sea rosier pvkinsale holdingsm1 messier objectsaskia kilcher biographyfloyd mayweather vs mcgregor ppv buysjack halloran obituarywww worldbank org prospects migrationandremittancescommon pleco water temperaturela mejor fm 98.9 el salvador onlineanastasia kwiatkowskicodevilla italyiowa legalize recreational weedviedma glacier trekkaner tree imagesапарат елізароваlehigh valley outpostdiablo 2 mercenary guidesahih targhibgeorgsmarienhütte holding gmbheugene armstrong beheadingshiksa meaningbuy akuamma seedshardest associate degreesdinos cecile co ltdare vapes safer than cigarettes1001 van nuys road new castle in 47362m4a1 with m203 grenade launcherthat's just plain poppycocksushi bazooka targetpoltern spielenorth shore lij rehabilitation networkcipro for staph aureusarchdiocese of cincinnati priestsgiet gunupur addresspittsburgh half marathon 2016 resultshow to sell cutco knivesferrari f430 scuderia spider m16download npp constitutionkártyavártsumkwe mapferc cip standardsfenugreek seeds in hindi meaningpaul carney neurosurgeonmichigan gold panning locationsdara gottfried agekakinada population 2017crédit agricole leasing & factoringfilipino flower sampaguitadishonored hiding bodiesmusafir travels aurangabadd23 expo pricesremington 1911 r1 limitedmeaning of meditativelyrodney mullins obituarydotan home remixntr health university neet 2017nhra fuel cell rulesrobert duncanson artistkawazu sakura 2017paul mccartney ac cent tchu ate the positivepfmea example pdfpnc send money internationallygunheadstales from the crypt season 3 episode 1dstv online activationnicotine as appetite suppressantimmigration process ellis island 1900sgriffon bruxellois puppies ukschool delays wilkes barre paagent imtiaz sports headkiss 108 boston castmohammad bagh club lucknowwhalers freightalvin james saldanha9.0 30729.6161dog bounty hunter bear macepokemon crystal playthroughparaiba tourmaline specimenseedlesnhra fuel cell rulesfriedrich koenig printing presshorse lords ck2charter arms 357 magnum revolvertony dungy charityghriba cookies10 meter air rifle target downloadgrace assembly of god church bakersfield cachannel 26.2 fresnonbc samsung smart tv activation codemilsurp mauserthomas and friends railway adventures playsetused firearms lethbridgegoby fish and pistol shrimppaul burks sentencingmcgovern dole food for education programshadi paridarhazrat talha bin zubaircolt 100th anniversary 1911 for salebeartooth go be the voice lyricsfnbl comlirr fare tablefederal polytechnic mubi adamawa statetarkington high school cleveland txsig sauer p250 45 for saleanthony t hincksdrum major baton mace2004 kia amanti starting problemsthanatos mythologieconvert moneyline to oddsblack metal neonazibic round stic pens white barrelprophet dawood story in urdul1706 monitorwhirlwind propeller problemse3d canadahcg tumor marker normal rangedry raspy throat coughbills gun shop hudsonkibbeh batata recipedell xps m1210 drivers for windows 7naruto online playable charactersoded prophetwini puhhwal newshonda civic 1.5 lsi turbo kittaupo earthquake 2017pll megaminxblack metal neonazinaruto rise of a ninja ps4god rocks sinking stoneconfederate flag meaning blood of christpedro capo guerra de idolosjoe mangione san antoniosahih targhibcraniosynostosis operationcvs rehoboth pharmacychiappa firearms priceschateau petrus pomerol 1995plano prestonwood footballelectronically commutated fanjohn macarthur and calvinismdaniella westbrook cocainesattu benefitscowardly custard e juicecinnamomum verum vs ceylonglock compact 9 millimeterrichard hartunian actorm4 carbine bayonet adaptergartner enterprise architecture framework evolution 2005gup o octonauts episodekara chutney for kuzhi paniyaramrakim musical massacreuniversiteit twente bibliotheekziggy stardust giraffela callas toujoursrtd boxing termunambaedwin smith papyrus pdfavril lavigne deryck whibley wedding photosmera pahla pahla pyar moviegenoise sheet cakereset sentry safe electronic combinationglendale az city clerkfernwood 2 night streamingwabasha police department2017 dixie nationals wrestlinganna kendrick snl french skit4most firearmsargentine tango sheet musicaguila sss sniper subsonichypopigmentation after steroid creamcramer's rule practice problemsjoe mangione san antonionorway's per capita incomewapato high school basketballdennis eckersley heightcruises leaving port canaveral december 2015opilio snow crab clusterssan pietroburgo bombapx4 storm subcompact magazine extenderwordpad cphenibut bodybuildinglet it rock kidz bop lyricsrunning man nichkhun taecyeonregistrere foretaklaird malamedgrapefruit pectin fibrestriped skunk mephitis mephitiskir cassis quel vin blancarmando galarraga bookdisneyland squishiesnxp ethernet physavill garden eventslaguna sunrise black sabbath videoattack on titan episode 18 english subrichard pouchervod ex dividend date 2017nelson mandela biografia cortadylann roof birthdaycrystal structure of mild steelcolorless carotenoidsgodaddy exchange 2010kel tec plr 16 riflearmide lullymosin nagant markingsbomba atomica little boyoot bongo bongotrappers rendezvous williamselectronically commutated fandeathspell omega lpchalice sponsorshipdr perry passarotheraflu heroinez smoker infomercialdetroit tigers 3rd baseman historypaisabazaar home loandianella councilgiacomo voorheesgurusthan sri saibabais odwalla healthy for youcanna generalissambar deer riflesadare flightsficus lyrata seedsromero's aftermath free downloadotwiaguilas del america new jerseysachin awarded bharat ratnaarma 2 blurryjayson regodoes flu shot cause guillain barré syndromethe beatles please mister postman lyricssalonika greece holocaustlinks rechts snollebollekesmeir kay philosophy 101santa maravillas de jesus biografiaþorrablót 2018magical starsign ds reviewtowkio ft chance the rapperredwolf custom gunswineries moravia czech republicauto glass livernois detroitconglomerate lusterredwolf custom gunsruger mini thirty rifle reviewcrittenden middle school in newport news valee kuan yew machiavellilewis lake campground yellowstone national park wy519 mcatthe oarsman menufr aloysius schwartzgrace assembly of god church bakersfield camakarov air pistol ukwilson's sandwich shopbombardier weaknessescod swift bcrfannie lou hamer speech videothe blodgett lighthousepost office garnerville nylilly ledbetter fair pay act signed into law 2009kapil chit fundslilyhammer reviews ny timessig sauer m400 ar 15 rifleruger sr22 slide for salecrowne plaza kochi kerala20mm ammunition identificationfreehill mining ltdviraha vedana meaning in englishlavina mall kievhow to test fault loop impedance with a multimeterbise multan intermediate result 2016red flame honey gouramicharles jenkins nude picmakarov air pistol ukhilroy exercise book 80 pagesias 19 curtailmentsugo di pomodoro all arrabbiataparoxysmal cough pertussisdaley ranch hike mapdelroy williams i stand blackdoor breaching ammozentralblatt math databaseqatsi trilogy trailerisotretinoina para que sirve澤 部 佑 年収nioh manualsmith and wesson revolver serial numbers datekata kata dalam film radit dan janisig 516 patrol riflejan magnussen nascarmian muhammad bakhsh bookswitches children patricia clappelmwood shopping center clearview pkwycoalton elementary school wvmamita mamita rica apretaditabobo music production 3rd year recordsbauma munich 2018pnpc 2017cmc journal impact factornew era park blasdellverbo to be en presente simple afirmativo negativo e interrogativobiryani side dish brinjal recipe in tamilkosi flood 2008gorillaz in the mist ice cubecrank length measurementreactive armor tilestemeku movie theater temecula californiagraveyard 意味peyote teepeealfredo olivas click here for more info june 24bk quad stackerhotel viktoria plzenlisc community developmentkris tonto parontophylum mollusca movementruger speed six sightsapollonia kotero 2015cottages for sale in crystal beach ontariovod ex dividend date 2017remington armory 1917 serial numberstanger outlet center pigeon forge tnsabel gonzales ageverbo to be en presente simple afirmativo negativo e interrogativofancy pants adventure sneak peek 2federal halfway house okccontiki vacations reviewsblackadder season 4 episode 1ricin bean plantdr woolley hand surgeonbarbra streisand barry gibb what kind of foolmedicare cataract surgery reimbursement 2013crystal resonator vs crystal oscillatormarco reus freundindell poweredge r210 ii specificationsberetta m9a1 40 calrogerio skylabtallahassee memorial home health carearma 3 controls tutorialhirofumi kawanoliposarcoma retroperitoneale444 lumsden ave torontorange of projectile formula derivationdiseases that mimic appendicitisplc sequencer logicaff automated flight followingassioma significatoatf license for fireworksdakgoot pvcjasraj meaningpx4 storm laser lightcrt tv repair courseparable of the farmer sowing seedsdepo testosterone dosage chartjim neidhart wcwdv lottery 2017 winners listde generatione et corruptionedrivenow berlin kartemichael randoneparkhills road burydoes frozen coke have caffeinehired girl schlitzseiji senpaipurple toadflax beesgundam seed invoke englisht5 gearbox strengthgavin degraw hallelujah lyricsvca igg leveldoctors and medical experiments of the holocaustnaruto shippuden capitulo 363steyr mannlicher ukare brass knuckles illegal in ohioshin megami tensei iv apocalypse dlcecstasy molecular formulapepco essodatc utolivia pierson wagsrafter slope calculatorviens viens marie laforetfemina tirothiruvalluvar history in tamil languagegladys knight and the pips greatest hits cdwhitworth rifle bulletairgun warehouse south africagundam zeta kamilletheoretical probability definition math is funkata kata dalam film radit dan janidrayton hall elementary charleston sckashmir house rajaji marg delhiare flyknit racers good for running100.5 the vibeis scotch clear glue pvadistal interphalangeal joint pain toeel primo mcminnvillehired girl schlitzxyzall générique