Archive for Eu

Teste de Postagem

Nunca troque, Nalu, nunca troque. Estou testando agora essa opção de postar pelo Word. Que cosia incrível isso. Será que presta, será?

TRANSMUTAÇÃO DE ENERGIA

Apelo à minha bem amada presença EU SOU e ao bem amado Mestre Saint Germain.

PURIFICAI, PURIFICAI, PURIFICAI

(Repetir 3X as linhas abaixo)

COM A FORÇA DA TRANSMUTADORA CHAMA VIOLETA, RETIRAI DO MEU CORPO TODA SUBSTÂNCIA ESCURA E PEGAJOSA E CONSUMII TUDO NA CHAMA VIOLETA.

Transformai, transformai, transformai essa energia em liberdade, saúde, pureza e perfeição.

Eu vos agradeço, EU SOU, EU SOU, EU SOU.EU SOU a Chama Violeta. EU SOU um ser de luz violeta.

EU SOU a perfeição que Deus deseja

novo endereço

Estamos operando em novo endereço e aguardamos sua visita em breve!

avante

Dsc00225a

Pois é. Nunca esteve tão ruim. Mas eu não vou me deixar abater. Eu vou recomeçar e vou emagrecer. Estou já emagrecendo. Vivas ao novo começo. Agora é hora. Não vou desistir. Baby steps, um dia de cada vez, sem medo do vazio. Avante.

eu não sou eu

Eu não consigo me reconhecer tão gorda assim, essa não sou eu. Não posso ter engordado tanto assim. Eu me deformei, estou irreconhecível. Mas eu vou emagrecer, aliás estou emagrecendo agora. Preciso informar ao meu subconsciente que eu estou emagrecendo, que eu posso emagrecer, que eu consigo. Porque eu já me maltratei demais engordando tanto assim.

mais café

coffeeSábado. Stressdorom. Primas distantes que eu não via há cento e trinta anos. Meu filho dia inteiro longe. Vergonha e unhas feitas. Dos pés e das mãos isso é um milagre. Um livro terminado, relido, deixar de ser gordo, dois filmes, a primeira noite de um homem e fellini 8 e 1/2. Nenhum dos dois me emocionou muito. Eengraçadinho escrever assim. Preciso tomar mais café, me faz muito bem. Só é curioso eu resolver tomar café agora depois de mais de um ano sem cigarro. Eu fui daquelas fumantes que não toma café.

Outro lugar

Agora estamos em outro blog. Clique aqui. Ou então digite http://leveza.motime.com
Aguardamos sua visita.

INFP

infpEu sou uma pessoa de muita sorte. Muita sorte. minha vida é muito boa, posso dizer. Ai como é boa!!! Estou ansiosa, mas feliz.
Depois de um plantão mega exaustivo de 24 horas meia noite – meia noite, um testezinho pra relaxar…
(Apesar de não saber o que raios significa essa sigla INFP)
 Seu perfil: INFP

Read more

Pense Magro (mais uma vez)!!!

Eu canso de bater nesta tecla. Então por que será que eu não consigo colocar em prática da forma como deveria??? Ai meu Deus!!! Essa reportagem aí parece um resumo do meu blog…


Pense magro

Quando você se imagina magra, fala como magra e age como magra, fica mais fácil perder e manter o peso. Então, treine sua mente para isso. A gente ensina a apagar os pensamentos gordos. As atitudes certas diante da comida vêm em seguida

por Eliane Contreras

Se você quer emagrecer, não tem como escapar: é consumir menos e gastar mais calorias. Colocar isso em prática sem transformar sua vida num pesadelo pode depender de um só aliado: a força da mente. A idéia não é nova, mas as técnicas para mudar atitudes mentais negativas – aquelas que emperram até a mais esperta das dietas – nunca estiveram tão em moda.

O QI Mental, por exemplo, uma das propostas de emagrecimento mais comentadas no momento, usa imagens para reprogramar o cérebro e curar doenças de origem emocional. Essa técnica chinesa atua no subconsciente, onde se formam os padrões de comportamento, entre os quais aqueles que controlam o nosso jeito de comer. O médico João Yokoda, do setor de medicina chinesa e acupuntura da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp), foi quem adaptou o Qi Mental ao tratamento da obesidade. “O exercício é superpor novas imagens mentais àquelas que atrapalham a sua dieta – você tem de se imaginar magra várias vezes ao dia para gravar esse novo padrão”, diz Yokada. As pesquisas mostram que atitudes mentais têm mais influência no volume de comida que ingerimos do que a própria fome.

A dificuldade de perder e manter o peso quando temos o registro de um corpo gordo na cabeça é infinitamente maior. Sidney Chioro, neurologista e professor de psiquiatria da Universidade de São Paulo (USP), sempre apostou nessa idéia e apoiou seu trabalho com obesidade em recursos que atuam no sistema neurológico. “São as emoções que traçam o caminho das mensagens no circuito dos neurônios. Um padrão neurológico inadequado pode transformar uma carência afetiva num comando de fome”, explica Sidney. É por isso que muita gente tenta resolver uma crise amorosa devorando uma caixa de bombons em vez de buscar solução para o relacionamento. Na luta contra a balança, Chioro usa imagens e sons que visam corrigir a rota do pensamento e facilitar o emagrecimento.

No entanto, existem maneiras mais simples para convencer sua mente a trabalhar a seu favor. Sucesso nos Estados Unidos, o livro Think Thin, Be Thin (Pense magro, seja magro, editora Broadway Books) traz 101 exercícios para quem quer educar a mente, somando pontos no projeto deusa. As autoras, a psicóloga americana Doris Wild Helmering e a escritora Dianne Hales, combinaram conceitos de várias linhas terapêuticas – terapia cognitiva, programação neurolingüística, gestalt terapia e análise transacional -, ajudando você a se livrar do registro de gorda que habita sua cabeça e garantindo um happy end para sua dieta. Isso não significa dormir gordinha e acordar enxuta. “Para que o cérebro registre novos padrões, os exercícios de reprogramação devem ser repetidos várias vezes ao dia, durante semanas ou meses”, defende a psicóloga Olga Inês Tessari, da Clínica Movimento Corporal, em São Paulo, especializada em emagrecimento. Curiosa? Selecionamos as sete sugestões mais bacanas do livro – pratique, pratique e pratique! Elas podem abrir sua cabeça para um corpo magro que sabe identificar a verdadeira fome.

Mudar a cabeça faz a dieta funcionar!

Tirar da cabeça a idéia fixa de que é impossível emagrecer, faz você modificar as atitudes diante da comida e perder peso sem sofrer

SEJA POSITIVA

Você tem coragem de chamar uma amiga que está gordinha de “rolha de poço”? Claro que não! Mas existe o risco de dizer coisas desse tipo (ou piores) para si mesma, programando seu cérebro para uma derrota na balança. Se você conserva pensamentos como “sempre estive gorda” ou “nunca fui capaz de perder peso”, acaba bloqueando qualquer possibilidade de mudança, mantendo o corpo pesado. Então, comece a ser positiva a partir de agora.

Risque os pensamentos gordos.

Quando eles vierem à mente, diga firmemente: “Pare ou apague!”

Você pode tudo. Pare de repetir que não tem pique para malhar ou não pode viver sem doce. Reforce o que você pode fazer, dizendo a si mesma: “Eu posso fazer dieta”, “Eu posso andar mais dez minutinhos na esteira”, “Eu posso viver sem musse de chocolate”.

Trace metas realistas. Você vive dizendo que não consegue perder peso? Mude o discurso para: “Não perdi peso ainda, mas, quando decidir de verdade, vou conseguir”.

IMAGINE E OUÇA SEUS DESEJOS

Além de frases sobre um corpo magro e saudável, é importante criar imagens na mente. Como? Feche os olhos e se veja caminhando num parque ou numa praia paradisíaca. Se disser “eu vou andar ouvindo axé”, cria também um estímulo auditivo. As representações sensoriais visuais e auditivas ajudam o cérebro a traduzir os pensamentos em ações.

EXERCITE A GRATIDÃO

Você tem o hábito de agradecer as coisas boas da vida? Ótimo! Esse exercício, de acordo com pesquisas na área da psicologia positiva, mantém o bom humor e deixa você mais disposta. O que isso tem a ver com o controle de peso? Quando está bem, você reduz o risco de encher o prato para curar uma dor emocional. Reserve um horário do dia para agradecer tudo aquilo que sua vida tem de bom – pode ser a família, a casa, o emprego, uma cama macia com lençóis cheirosos, um bilhete carinhoso do namorado ou do filho. O ideal é fazer isso logo antes da refeição – é um exercício que acalma a alma e deixa você com o estado de espírito perfeito para comer com tranqüilidade.

PROVOQUE SUA MENTE

Sabe aquelas historinhas populares que as avós adoram contar? Elas podem valer por várias sessões de terapia direcionadas para a perda de peso, segundo terapeutas especializados em programação neurolingüística. Exercite com o conto O Milagre da Mudança, de Dennis Wholey: um homem está nadando para atravessar um rio segurando uma grande pedra em uma das mãos. Quando chega ao meio da travessia, as pessoas que estão à margem do rio percebem que ele está em apuros, engasgando e engolindo água, se esforçando para continuar boiando. “Largue a pedra!”, diz um homem. “Assim poderá nadar melhor.” Mas o homem na água segura a pedra com mais força. “Largue a pedra!”, grita o povo. “Largue a pedra!” Finalmente o homem se vira e, com seu restinho de fôlego, diz: “Não posso. É minha”. Agora responda a estas perguntas:
• Você sente seu peso puxando-a para baixo?
• Se enxerga agarrando-se a um corpo pesado apesar de estar perto de se “afogar”?
• Como você justifica os quilos extras?
• Existe algo que alguém pudesse dizer ou fazer para convencê-la a liberar o excesso de gordura?

TRANSFORME DESEJOS EM METAS

Viver só no desejo de derreter as gordurinhas não resolve. Você precisa dar passos concretos em direção ao que quer. A pesquisas mostram que a característica que diferencia as garotas de sucesso é o estabelecimento de metas claras e específicas. Portanto, ao adotar seu programa de perda de peso, trace objetivos viáveis. E, conforme progredir, adicione ou modifique as metas de maneira que elas continuem sendo inspiradoras em vez de opressoras. Veja o que fazer.
Visualize, fale e escreva. Imagine-se magra dentro do biquíni ou sorrindo ao subir na balança. Depois, registre essas cenas num diário. Pronto! O desejo foi transformado em compromisso. À medida que você for progredindo, revise, melhore e amplie suas metas.

Vá devagar para ir longe. Mesmo se quiser perder 10 ou mais quilos, almeje reduzir um pouco por vez. E antecipe a sensação prazerosa de atingir sua meta a cada quilo perdido. Cada pequena vitória garante uma explosão de motivação e incrementa a autoconfiança.

Amplie suas estratégias. Pensar dia e noite em emagrecer pode ser limitante e frustrante. Estabeleça objetivos com foco na mudança de comportamento e torne-os o mais específicos possível, por exemplo
Meta diária: vou caminhar 15 minutos no horário do almoço e tomar leite desnatado em vez de chocolate gelado com chantilly.
Meta semanal: ao menos três noites na semana, vou comer frutas no lugar da sobremesa ou dispensá-la.
Meta mensal: vou descer do elevador num andar inferior e subir de escadas até meu apartamento. Ao final do mês, estarei subindo ou descendo dois ou três lances antes de entrar no elevador.

CONTROLE A GULA

Comer é necessário, mas você pode escolher bem cada bocado. A mesma regra vale para a gula – ela parece incontrolável, mas não passa de uma decisão interna que pode ser modificada. Como? Prepare planos para enganá-la.

Beba água aos goles. Muita gente confunde sede com gula. Então, da próxima vez que você sentir fome fora de hora, beba um copo de água em pequenos goles. Se for sede, a vontade de comer vai passar rapidinho.

Conte até dez. Em vez de se entregar à gula logo de cara, resista a ela por dez minutos. Esconda as guloseimas e saia para andar ou ocupe as mãos com um trabalho manual.

Resista à junk food. Se você come fast food de segunda a sexta, comece a fazer isso dia sim outro não, depois a cada três dias e, finalmente, uma vez por semana.

AME SEU CORPO


Quando olham no espelho, as garotas geralmente não gostam do que vêem. Mesmo aquelas que estão com o corpo legal tendem a achar que precisam perder uma gordurinha aqui outra ali. Mas não espere secar os excessos para cuidar da auto-estima. Comece valorizando as partes do seu corpo que você gosta. Tenha orgulho do seus olhos brilhantes, do colo bem desenhado, dos dedos longos. Outra maneira de se sentir feliz é cuidar de si mesma com o carinho que costuma tratar suas amigas. Não se subestime nem faça piadas sobre as benditas dobrinhas que insistem em saltar da blusa. Além disso, cultive o bom humor, adote atitudes saudáveis e trace perspectivas positivas. Quanto mais você fizer isso, mais sua mente vai trabalhar a seu favor. Não esqueça!

Reportagem da Revista Boa Forma de maio 2006

borboleta

borb1Hora de mudar. é preciso de novo que eu me transmute, é preciso largar a velha casca. sempre que eu estou numa dessas fases, pré mudança, pré virada, começam a acontecer um monte de coisas bizarras, acho que a energia fica confusa e vai num crescendo até explodir, até a velha casca estar pronta para ser deixada de lado. Essa fase pode demorar muuuuuito, anos a fio. Na verdade, essa fase já está durando demais, as vezes eu até me confundo com ela.

Só que eu estou descobrindo uma chave que se for devidamente polida, vai conseguir abrir a porta pra essa nova persona sair. Essa chave se chama zen budismo. às vezes, só de pensar no zen quando eu estou aflita, confusa, ansiosa, já me muda totalmente o eixo. Parece até que mudou de canal. Agora eu preciso incorporar a meditação à minha vida. Tem muito tempo que eu não faço, preciso voltar a fazer. E largar essa velha pele de vez, que já não está me servindo mais.

Palhaçada

Ah, fala sério se não é pra irritar qualquer um! Um palhaço qualquer aí faz greve de fome, e perde 2.3 kg em três dias. E eu aqui me acabando pra perder 2,3 gramas…Ninguém merece. Acho que vou entrar pro PMDB como bem disseram as megeras magérrimas.
****
Esses dias eu vi no site americano dos vigilantes do peso que lá nos eua já não é mais só o programa dos pontos flex, pra quem não quer ficar contando pontos já existe uma outra opção. Será que chega aqui? Andei fuçando nos sites dos vigilantes pelo mundo mas parece que essa novidade só está disponível nos países de língua inglesa.

Meu Querido (e Magro) Diário…

Eu me dei conta que minha agenda magra me faz muito bem e que eu havia abandonado a 005pobrezinha por muito tempo. Porque eu me saboto assim, vai entender… Deve ser realmente coisa de que tem muito medo de ser feliz. Preciso ler de novo o texto do Freud “Os Arruinados pelo Êxito”, para tentar descobrir o medo que tenho de ser bonita e atraente. A Luciana fez um post sobre isso e foi esse post que me fez pensar no que estou escrevendo agora.E por mais que eu tente não consigo descobrir o que me faz ser assim, me sabotar tanto e tanto. Talvez eu esteja subestimando o esforço de parar de fumar e realmente ainda não tenha reunido forças suficientes para o emagrecimento, para o aprendizado. Mas não adianta, porque o meu peso me incomoda e muito. Agora que o cigarro saiu de cena, (ele me incomodava mais que a gordura), eu queria muito emagrecer. 86, 4, parece até que a balança estragou e agarrou neste número, que já está ficando cabalístico para mim.
Read more

Agenda Magra

Página inspiradora, originally uploaded by levezadeser.

Uma página da agenda para vocês verem. As outras estão no flickr.

O poder das palavras

meumapa1

Eu sou astróloga. Auto-didata total, mas com mais de quinze anos de estudo e experiência. Trocentos mapas analisados. Não acredito na literalidade da astrologia, na sua inexorabilidade, mas acho uma ferramenta lindíssima de auto-conhecimento.

Bom, mas eu sempre tive um problema com o meu mapa astral, nunca consegui analisar o danado, sempre travava. Fiz a minha carta natal com vários astrólogos, mas quase sempre on line, só uma vez há muitos anos fiz um com uma astróloga, quando não havia ainda Internet, mas ela só me entregou o mapa, (escrito à mão, colorido com lápis de cor, uma gracinha) e não conversamos. Eu sempre tive vontade de conversar com um astrólogo pessoalmente sobre meu mapa. Essa semana acabou acontecendo super por acaso e posso dizer que fez um estrago em mim. No bom sentido.

Foi o seguinte: eu fui a uma homeopata há um mês e meio para tratar um diagnóstico ambíguo que tenho de artrite reumatóide e fibromialgia e foi uma consulta normal. (Até onde uma consulta com um homeopata pode ser normal).

Na consulta de volta, essa semana, ela tinha feito meu mapa e quis me falar sobre ele, foi uma surpresa. (Eu adoro os homeopatas acima de tudo pela capacidade que eles têm de escutar.)Bem, entre outras e várias coisas, ela disse que eu não tenho configurações no mapa para ser obesa (é dá pra ver isso no mapa sim) e eu nunca tinha sequer parado pra olhar isso.

Tudo bem, astrologia não guia minha vida, mas as palavras guiam. E mais até do que eu gostaria. Pois bem, ela disse que o meu mapa mostra uma guerreira e que não é o mapa de uma obesa nem de alguém fraco. Que lindo. Ótimo. Eu já estou a começando a me sentir assim. Nada como uma autoridade para instilar esses sentimentos na gente.

Claro que eu sei o tamanho da dose de auto-sugestão que tem ai, mas f****-se! Eu gostei bastante da sensação de imaginar isso, de ver que em algum lugar tenho algum potencial (ainda que exótico) pra me puxar para um lugar bom. Ela também disse algumas coisas ruins, características que tenho que trabalhar e eu já estou colocando a mão na massa. E foi bom, estou me sentindo muito mais motivada.

Daí, pensando cheguei a uma conclusão óbvia mas tão real, tão presente, que acabou me moldando e afetando muito. Tem coisas que a gente precisa ouvir em voz alta para acreditar. E se possível na voz do Outro. Se for algum Outro significativo, é lindo. Se estiver investido de alguma “autoridade”, ainda que simbólica, melhor ainda. :0)

Photoshop

Nesses dias de links interessantes, olhem as maravilhas que o photoshop pode fazer por um corpo feminino. É só passar o mouse em cima do corpo para ver o antes e depois.
http://homepage.mac.com/gapodaca/digital/bikini/bikini2.html

Revista trip

Alguém viu esse ensaio? Eu estava navegando e vejo isso numa revista masculina, olha só… Podem clicar que não é pornografia…Não podia deixar de comentar aqui. Achei muito legal colocar uma gordinha num ensaio sexy e numa revista “normal” Bem podia ser sinal dos tempos né?
***
Estou quase migrando para outro blog. Assim que testar mais um pouco e ver se não dá problema, vou pra lá. Estão todos convidados. É aqui: http://leveza.motime.com Até agora está se mostrando mais rápido e tem mais ferramentas. Vejamos…

Impermanência

Os budistas têm um conceito maravilhoso, que é este de impermanência. É maravilhoso mas ao mesmo tempo assustador, muita gente não sabe lidar com ele. O conceito, resumindo bem grosso modo, diz que tudo, ABSOLUTAMENTE TUDO na vida é impermanente. Tudo vai acabar um dia, inclusive eu, você, a Giselle Bundchen e as borboletas azuis. Tudo vai deixar de ser como é agora.

Essa, que é uma noção irrefutável, deveria estar sempre presente, sempre sendo nossa guia e companheira. E assim deveria servir para nos fazer viver melhor.

Mas a gente se esquece com muita facilidade desse preceito. Aliás parece que organizamos a vida em torno do esforço para esquecer que somos impermanentes, que temos um fim anunciado. E desperdiçamos horas preciosas da nossa vida tão curta, tão efêmera. Arrumamos inúmeros grilhões, alienamos nossa liberdade, nossa emoção e fala pra mim, a troco de que? De tão pouco, de tanta mesquinharia e pequenez! E estar eternamente angustiada com um corpo que não nos traz alegria é uma prisão, é um desperdício de vida sem tamanho. Eu já tentei me satisfazer com esse corpo assim mesmo, já tentei muito e com força, mas não adianta, eu não sou zen a esse ponto, ele me incomoda. Eu disse um dia desses, não adianta fugir, o incômodo com o peso vai existir sempre, sempre me atrapalhando roubando horas, dias e meses de alegria e prazer. E eu não posso ficar parada. Então, estou aqui, na lanterninha, mas sabendo que não vou desistir. As coisas estão caminhando devagar, mas estão caminhando. E pensando na impermanência e em como queremos passar o tempo de vida que temos, que tal olharmos agora no espelho e darmos as boas vindas ao resto de nossas vidas? Eu vou ali fazer isso.

****
Falando naquilo que muda, estou pensando em mudar de endereço, para http://leveza.motime.com
Esse outro site de hospedagem é cheio de coisinhas legais, tipo, a gente consegue agrupar os posts por categorias. Esse é inglês, e tem o equivalente deles em italiano, que é o http://www.splinder.com
Estou testando, quem sabe mudo…

Descrédito

O pior momento é quando nem a gente mesmo está acreditando na gente. Acho que antes de pensar em emagrecer, eu devia aprender a me alimentar. Alimentar corpo e alma. Eu não sei comer, eu faço da minha nutrição um caos total. Senão não vou conseguir chegar lá e vou ceder ao cansaço que está chegando, se insinuando sorrateiro e devagar. Tem hora que tudo que dá vontade é de chutar o balde e desistir. Tenho que me lembrar que eu não posso fazer o que quiser com a comida.

E tenho que ler mais minha agenda magra. É isso, vou procurar, porque nem sei onde está. E tenho que me lembrar do texto sobre a disciplina. E lembrar de não desistir. E começar a lembrar de lembrar as outras coisas essenciais para o caminho. às vezes tanto imperativo cansa, mas não tem outro jeito.

O meio do caminho

No meio do caminho tinha uma jaca
tinha uma jaca no meio do caminho
tinha uma jaca
no meio do caminho tinha uma jaca.

Ainda estou presa

****************************************

Ainda estou presa

Uma das coisas que eu andei “descobrindo” nestas últimas semanas (ou meses) é que o meu maior desejo (como deve ser o de muita gente) é ser livre. Ainda não sei de nada melhor do que a liberdade, acho que nem o amor, porque amor que não é livre não é amor feliz, ao menos na minha maneira de ver as coisas. E essa descoberta (eureka!) foi importante porque me fez ver com mais clareza as prisões sem fim em que me meti ao longo da vida.

Algumas prisões a gente escolhe e até gosta, como casamento, fidelidade, filhos, etc. (Olha só, eu não estou dizendo que não goste de ser casada, fiel e de ter filho, sou muito bem casada obrigada, amo demais minha cria, mas ainda assim para mim não deixa de ser prisão.) Vinha pensando a respeito disso já a algum tempo.

E coincidência ou não, fim de semana passado li muita coisa de um blog que a Gaby tinha me recomendado quando ainda aparecia por aqui, o Liberal Libertário Libertino. Esse blog tem uma série de posts sobre as prisões da vida. Muito boa essa série, embora algumas eu ache meio impossíveis de colocar totalmente em prática, e outras prisões eu já tenha superado (ou acredite nisso).

Tem muita coisa nas opiniões desse autor que eu acho bem engraçadas, algumas que não concordo, mas que ainda sim são engraçadas. Enfim, é um blog legal, bem escrito vale a pena ler. Especialmente a parte das prisões.

Bem, mas o fato é que percebo cada vez mais que as prisões da minha vida nem são tão metafísicas assim, são prisões muito mundanas, idiotas, mas poderosas, tipo fumar, (coloquei fumar no presente porque ainda estou na área de risco), comer compulsivamente, ser desorganizada e indisciplinada, etc.

É sim, a indisciplina é uma grande prisão, talvez a maior da minha vida até agora, seguida de perto pela vaidade. (Mas vaidade é uma prisão da qual decidi sair só parcialmente.) E para meu desgosto nem é vaidade física, tipo se pintar, se enfeitar, etc., é de outro tipo, mais no sentido de auto-importância demasiada.

Então, olha só onde ainda estou na escala da evolução humana, presa a coisas tão mesquinhas, mas tão reais pra quase todos nós. Certamente eu gostaria de estar noutro patamar, aos 34 anos, mas não deu ainda. Isso não significa que eu desisti, mas já vi que meu ritmo é devagar. E olha que eu tenho (embora eu pareça séria) um big antídoto pra essa posição incômoda na escala da humanidade. Eu sou muito bem humorada, não consigo me levar a sério, acho a vida muitas vezes somente risível.

E daí que agora minha luta é para tentar me livrar dessas mega prisõezinhas. Conseguir me libertar da compulsão, da comilança, da escravidão da comida e do cigarro vai ser um feito e tanto. Deve ser muito bom ficar livre de algo assim. Uma mala a menos pra carregar ladeira acima. Na minha ladeira é melhor ir subindo cada vez mais leve. Do peso físico e do imaginário.

Aí quando eu vir os números na balança abaixarem vai ser um alívio, vai ser sensação de abandonar mais uma prisão, de carregar uma mala a menos.

P.S. Eu devo ser uma “fumante que está sem fumar” muito atípica (ai como a gente gosta de se achar atípico!), pois ainda não senti nenhum daqueles benefícios que dizem a gente sente quando fica sem fumar, tipo sentir mais gosto, ter mais fôlego, dormir melhor, etc. Os únicos benefícios que vi foram me livrar de um escravidão e feder menos. Só isso.

P.S2. Enfim a balança mostrou uma baixa

Pensamento positivo

Update: Recebi um áudio com instruções para fazer o Qi mental. Quem quiser, me escreva. Assim, quem tem mais dificuldade de visualização pode achar útil. Meu email é levezadeser@gmail.com

****************************************

Pensamento positivo é mais eficiente do que dieta para emagrecer

“Mentalizar um corpo atraente é mais eficiente do que contar calorias”

Dra. Shirley de Campos

As batalhas contra a gordura não são perdidas por falta de recursos, vontade ou motivação. Para perder peso faz toda a diferença uma atitude mental entusiasta e positiva. É preciso saber persuadir o cérebro e fazê-lo convencer a boca e o estômago.

Emagrecer de forma segura, eficaz e rápida é bastante simples: a chave está em desenvolver uma atitude positiva que permita não só o alcance da meta, mas também a manutenção do peso a longo prazo. Para conquistar a balança, é preciso conquistar a mente.

Não importa o quão bem elaborado e equilibrado seja um regime para emagrecer se não se tem uma disposição mental positiva para cumpri-lo e mantê-lo. Se a pessoa não faz um trabalho de mentalização, seu esforço estará fadado ao fracasso. Deixar a dieta e recuperar os quilos perdidos acabam sendo as frustrações mais comuns.

Segundo os especialistas, o primeiro passo da se dá na mente. Uma série de exercícios é decisiva para se emagrecer sem desistir.

Persuada seu cérebro.

Para emagrecer e manter o peso não bastam as receitas pobres em gorduras e a ginástica: Isso só se consegue se você está realmente motivado e sem stress nem frustrações: toda pessoa precisa de algo positivo que a anime.

Muitos tentam se motivar pesando-se todo dia. Essas pessoas compram balanças que marcam as gramas e fazem uma festa diante do menor êxito que alcançam. Mas muitos se desesperam diariamente ao se pesarem, já que o peso nem sempre baixa regularmente e, às vezes, se estabiliza durante semanas em um ponto determinado.

É possível que sua alimentação seja pobre em gorduras, mas que seu peso aumente porque você pratica esporte e seus músculos aumentam, ou porque seu corpo armazenou muita água, por exemplo, duas semanas depois da menstruação.

Pesar-se só significa controlar-se e emagrecer não tem nada a ver com os controles, mas com hábitos alimentares melhores e mais saudáveis.

Descubra suas razões para emagrecer.

Pergunte-se qual é a verdadeira causa de sua intenção de perder peso. É algo que deseja fazer, algo que tem que fazer ou algo que os outros de alguma forma pressionam você a fazer? Como se sente diante dessa obrigação? A razão mais sólida é sempre a que surge de dentro de cada pessoa.

Para descobri-la, é preciso analisar as vozes que dizem que você deve emagrecer. As melhores razões para perder peso não são as que começam com as palavras “porque alguém quer, porque devo ou porque tenho que”, mas as que dizem “porque elejo…”.

Vigie as mensagens que recebe.

Muita gente pretende emagrecer porque seu médico faz um comentário sobre seu peso ou porque familiares fazem brincadeiras. Isso pode causar certo ressentimento, já que ninguém gosta que lhe digam o que deve fazer, como deve ser nem como deve mudar sua vida.

Outras vezes, as pessoas se forçam a emagrecer repetindo para si ordens sobre o que deve ou deveria fazer e evitar, sem nenhuma explicação. São frases do tipo: “devo fazer exercício” ou “devo afastar-me das comidas que mais gosto”.

Mas essas vozes internas enfrentam outras que se opõem às primeiras dizendo na mente “não quero ter que”, o que bloqueia qualquer objetivo baseado em frases do tipo “tenho que”.

Há uma terceira voz que pode controlar as duas anteriores e que permite a descoberta de um elemento de interesse próprio pelo emagrecimento. Ela diz “escolho perder peso porque quero ser feliz e saudável” ou “porque é importante para mim”.

Essa é a voz que reconhece que não é possível perder sem fazer ginástica ou mudar alguns hábitos alimentares, a única que realmente impulsiona uma pessoa a conseguir o que quer e a qual é preciso buscar e desenvolver para emagrecer.

Deleite-se comendo sem gordura.

A maioria das pessoas acha que para emagrecer estão obrigadas a ingerir o primeiro alimento baixo em calorias que encontram, já que são todos iguais, e que deverão resignar-se a comê-lo embora lhes desagrade, até que algum dia acostumem seu paladar a essa comida.

Mas isso não é certo, porque existem muitas comidas “light” alternativas, que podem fazer parte de um programa emagrecedor, entre as quais é possível escolher as suas preferidas. Além disso, é possível provar diversas marcas e sabores de um mesmo produto até que se encontre o ideal.

Conceda-se um prêmio por fazer ginástica.

Algumas pessoas aprendem a amar os exercícios e o modo como ficam seus músculos quando trabalhados, mas outras não têm prazer, embora estejam motivados, porque acham que a atividade física só lhes fará sentir e parecer melhor a longo prazo.

Porém, ninguém é obrigado a levar adiante um condicionamento físico penoso e monótono, já que se pode modificá-lo para que seja agradável.

Alguns especialistas asseguram que as recompensas tornam mais tolerável a ginástica, por isso, se você treina cinco dias seguidos, pode premiar-se comprando algo numa loja.

Outra forma de tornar os exercícios agradáveis é vendo filmes, ouvindo música ou lendo os livros ou revistas que nunca tem tempo enquanto pedala na bicicleta, se exercita no step ou faz uma caminhada puxada.

Anote seus progressos todos os dias.

Para algumas pessoas, a continuidade de seu regime depende do acompanhamento de seus hábitos alimentares e níveis de atividade. O simples fato de escrever em um diário as rotinas, sentimentos e resultados que se produzem à medida que se perde peso, faz uma pessoa ter sempre em mente seus comportamentos, metas e sucessos.

É preciso registrar no papel todas as atividades, inclusive coisas como usar as escadas em lugar do elevador, as comidas que se ingerem e em que quantidades e os desafios ou preocupações. Chegado ao peso ideal, a pessoa pode continuar tomando nota mentalmente das comidas e atividades físicas durante um tempo, voltando ao papel só se descobrir que os hábitos saudáveis foram perdidos.

Imagine como gostaria de ser

Um simples exercício pode ajudar a conseguir a silhueta ideal. Fique de frente para o espelho e se pergunte que aparência gostaria ter. Comprima o estômago, levante o peito, aperte a barriga com a mão até ficar magro como gostaria.

Mova-se e observe como sua silhueta muda com cada movimento. Massageie cada parte de seu corpo e descubra o bom aspecto que elas poderiam ter. Pressione suas coxas com as mãos até que sua anatomia apareça magra e firme.

Se não quer o espelho, deite na cama, feche os olhos, faça massagens e fricções e imagine como suas curvas ficam firmes e magras. Transforme seu corpo mentalmente: descubra que não é pesado e lento, mas suave e moldável. Assim, poderá imaginar como seria ter menos peso em algumas áreas do corpo.

Voe com a mente

Alguns especialistas sugerem que se faça antes e durante o emagrecimento uma viagem imaginária na qual você deve imaginar que alcançou a forma que queria. Relaxe, feche os olhos e salte um ano no futuro. Visualize-se deitado na praia, na academia ou indo tomar banho. Você está contente com sua forma e há pessoas felizes com isso.

Uma amiga lhe pergunta como conseguiu emagrecer e manter o peso e o você a explica. Fale das estratégias que usou, comente as dificuldades que teve e como as venceu , explique seus truques e conte seus sucessos. Descreva como se sentia antes de emagrecer e como se sente bem agora.

Triunfe sobre a adversidade.

Quando tentam emagrecer, muitas pessoas não lembram as facetas positivas do processo, porque só lamentam as negativas. É possível saborear os momentos de triunfo sobre os maus hábitos alimentares ou sobre esses momentos em que você hesita em sua decisão de efetuar uma atividade física. O alcance da meta pode se tornar algo apetecível.

Há dias em que você prefere comer um hambúrguer com batatas em vez de salada e peixe, mas parou para pensar o quão boa é a sensação de resistir à tentação?.

O mesmo pode ser aplicado aos exercícios: levantar cedo para uma caminhada pode ser difícil, mas desfrutar do ar fresco e do aprazível silêncio da amanhã pode ser muito agradável.

30/07/2004

Significados – parte II

****************************************

Significados

Num post anterior, eu tinha colocado os significados mais comuns do excesso de peso, segundo um livro que eu estava lendo. São espécies de crenças interiores que temos e que contribuem para o nosso excesso de peso. A autora do livro também coloca afirmações para que as crenças que temos sejam neutralizadas e eu coloquei no link significados. Quem quiser dar uma olhada, está aqui.

Disciplina

****************************************

Disciplina

Disciplina é a capacidade que permite à razão ser mais forte e vencer nossas vontades e nossa preguiça. É porque desenvolvemos essa qualidade que conseguimos fazer exercícios maçantes todos os dias na mesma hora; que evitamos comidas com muitas calorias ou prejudiciais à saúde; que nos faz abrir mão de coisas materiais para poupar e atingir um objetivo maior. Pessoas disciplinadas conseguem estudar quando, na verdade, estavam com vontade de assistir à televisão ou bater papo com os amigos.

Não resta a menor dúvida: os disciplinados terão maiores chances de sucesso nas atividades às quais se dedicarem. Entre talento e disciplina, é melhor ter os dois. Porém, a longo prazo, esta última é mais importante. Mas precisa ser conquistada.

É verdade que há pessoas que aceitam melhor as contrariedades. Essa capacidade de aceitação aumenta à medida que se desenvolvem a linguagem e o raciocínio lógico. Ambos nos ajudam a compreender por que nossas vontades nem sempre podem ser satisfeitas. Aprendemos a suportar melhor a dor.

O adulto experimenta enorme satisfação quando se sente disciplinado. Sim, porque é nestes momentos que nos consideramos animais mais sofisticados, que definimos com propriedade de racionais.

A alegria íntima de quem se levanta cedo, faz exercícios e chega na hora certa aos compromissos assumidos é algo que não pode ser subestimado. Sentimo-nos fortes quando conseguimos nos controlar – coisa muito difícil. Sentimos que vencemos a batalha mais árdua: a interior. A auto-estima cresce.
Devemos aprender, desde cedo, a abrir mão das vontades, sempre que a razão assim achar conveniente e útil.

*Texto livremente adaptado do artigo “Disciplina e Educação” do médico Flávio Gikovate.

Caindo e levantando

Caindo e caindo e tentando levantar
Reproduzindo o post do meu blog dos cem dias, porque é assim que eu estou me sentindo…

Cansada e precisando urgente corresponder (nem que seja só um pouquinho) às minhas próprias expectativas…Pelo menos não estou engordando, mas queria emagrecer uns dois quilos pra renovar o pique. Acho que o metabolismo está se ajustando agora ao fim do cigarro e por isso eu não emagreço. Não tenho comido chocolate, estou na quaresma de chocolate, então deveria estar emagrecendo nem que fosse pouco, mas estacionei, por isso parei de postar cardápio.

Estava anotando mesmo sem postar, anotei até a metade do dia 8, (com os sentimentos e tudo, no molde daquela tabela, com TODAS AS JACAS) e parei quando vi os ponteiros não saírem do lugar, desanimei. Vejam a foto.
Fiquei mal comigo mesma, ia desistir, como sempre passa pela minha cabeça. Não estava fazendo nem o qi mental, logo eu a maior propagandista do negócio e um troço que leva seis minutos em 24 horas!!! Afinal, eu tenho blog desde 31/10/05 e não emagreci um único quilo. (Emagreci sim neste tempo, mas estou de novo com o peso do começo…) Olha só..

(Coloquei a bruxinha que a Ana San me deu pra dar sorte) Mas aí vieram um monte de coisas na minha cabeça, e alguns pensamentos importantes, como desistir é desistir de mim. E outra, quem para de fumar e não engorda, heim? Eu não engordei e devia estar dando graças a Deus só por isso. E é claro que estou grata, de uma outra vez eu parei e em um mês eu engordei cinco quilos. É isso mesmo, cinco quilos, um saco de arroz, em bem menos tempo. E adivinhem???? Foi por isso que eu voltei a fumar!!! É triste mas é verdade.

E agora, nem um quilo, nenhum mesmo, e sem fazer dieta ou reeducação (no sentido estrito do termo). Mas entre o cigarro e o peso, eu prefiro engordar. Claro que vou tentar não ficar totalmente descontrolada, mas fumar de novo nem passa pela minha cabeça. E o mais engraçado é que eu achei que nunca conseguiria ficar sem cigarro, que eu seria daquelas pessoas que iriam morrer fumando e por causa de fumar…
Então de qualquer modo estou no lucro. Dizem que para se consolidar um hábito novo são necessários uns dois meses. Então eu caindo e levantando vou recomeçar. Sem grandes expectativas, só mesmo com a vontade grande de não engordar. E daqui a pouco quem sabe emagrecer. Pois eu já vi que o que eu queria pro meu aniversário não vai dar, então se eu emagrecer um quilo só, vou estar feliz.

Então isso significa que vou voltar a anotar o que como, sentimentos e tudo. E vou olhar e escrever mais no meu diário de magra, deixei ele abandonado, e ele estava me ajudando tanto…Assim eu só perco se for no último round. É isso.

Império da Vaidade

****************************************
Da série “Para pensar um pouquinho…”

O Império da Vaidade


Em tempos de ditadura da beleza, corpo é massacrado pela indústria e pelo comércio, que vivem da nossa insegurança, impotência e angústia

PAULO MOREIRA LEITE

Você sabe por que a televisão, a publicidade, o cinema e os jornais defendem os músculos torneados, as vitaminas milagrosas, as modelos longilíneas e as academias de ginástica? Porque tudo isso dá dinheiro. Sabe porque ninguém fala do afeto e do respeito entre duas pessoas comuns, mesmo meio gordas, um pouco feias, que fazem piquenique na praia? Porque isso não dá dinheiro para os negociantes, mas dá prazer para os participantes.

O prazer é físico, independentemente do físico que se tenha: namorar, tomar milk-shake, sentir o sol na pele, carregar o filho no colo. Andar descalço, ficar em casa sem fazer nada. Os melhores prazeres são de graça — a conversa com o amigo, o cheiro do jasmim, a rua vazia de madrugada —, e a humanidade sempre gostou de conviver com eles. Comer uma feijoada com amigos, tomar caipirinha no sábado também é uma grande pedida. Ter um momento de prazer é compensar muitos momentos de desprazer.

Relaxar, descansar, despreocupar-se. desligar-se da competição, da áspera luta pela vida — isso é prazer.

Mas vivemos num mundo onde relaxar e desligar-se se tornou um problema. O prazer gratuito, espontâneo, está cada vez mais difícil. O que importa, o que vale, é o prazer que se compra e se exibe, o que não deixa deser um aspecto da competição. Estamos submetidos a uma cultura atroz, que quer fazer-nos infelizes, ansiosos, neuróticos. As filhas precisam ser Xuxas, as namoradas precisam ser modelo que desfilam em Paris, os homens não podem assumir sua idade.

Não vivemos a ditadura do corpo, mas seu contrário: um massacre da indústria e do comércio. Querem que sintamos culpa quando nossa silhueta fica um pouco mais gorda, não porque querem que sejamos mais saudáveis — mas porque, se não ficarmos angustiados, não faremos mais regimes, não compraremos mais produtos dietéticos, nem produtos de beleza, nem roupas e mais roupas. Precisam da nossa impotência, da nossa insegurança, da nossa angústia.

O único valor coerente que essa cultura apresenta é o narcisismo. Vivemos voltados para dentro, à procura de mundos interiores (ou mesmo vidas anteriores). O esoterismo não acaba nunca — só muda de papa a cada Bienal do Livro —, assim como os cursos de autoconhecimento, auto-realização e, especialmente, autopromoção. O narcisismo explica nossa ânsia pela fama e pela posição social. É hipocrisia dizer que entramos numa academia de ginástica porque estamos preocupados com a saúde. Se fosse assim, já teríamos arrumado uma solução para questões mais graves, como a poluição que arrebenta os pulmões, o barulho das grandes cidades, a falta de saneamento.

Estamos preocupados em marcar a diferença, em afirmar uma hierarquia social, em ser distintos da massa. O cidadão que passa o dia à frente do espelho, medindo o bíceps e comparando o tórax com o do vizinho do lado, é uma pessoa movida por uma necessidade desesperada — precisa ser admirado para gostar de si prórpio. A A mulher que fez da luta contra os cabelos brancos e as rugas seu maior projeto de vida tornou-se a vítima preferencial de um massacre perpetrado pela indústria de cosméticos. Como foi demonstrado pela feminista americana Naomi Wolf, o segredo da indústria da boa forma é que as pessoas nunca ficam em boa forma: os métodos de rejuvenescimento não impedem o envelhecimento, 90% das pessoas que fazem regime voltam a engordar, e assim por diante. O que se vende não é um sonho, mas um fracasso, uma angústia, uma derrota.

Estamos atrás de uma beleza frenética, de um padrão externo, fabricado, que não é neutro nem inocente. Ao longo dos séculos, a beleza sempre esteve associada ao ócio. As mulheres do Renascimento tinham aquelas formas porque isso mostrava que elas não trabalhavam. As belas personagens femininas do romantismo brasileiro sempre tinham a pele branca, — alabastrina — qualquer tom mais moreno, como se sabe, já significava escravidão e trabalho. Beleza é luta de classes. Estamos na fase da beleza ostentatória que faz questão de mostrar o dinheiro, o tempo livre para passar as tardes em academias e mostra afinal, quem somos: bonitos, ricos e dignos de ser admirados.


”Criou-se uma tirania que não suporta quando um cidadão tenta ser feliz como gosta e como pode, mesmo que seja comendo uma pizza”.

Esse artigo foi publicado na Veja em 23 de agosto de 1995

Calendário hormonal

****************************************

Ciclo Hormonal

Como eu tenho visto muita gente reclamar sobre TPM e sei que muitas mulheres passam por esse tormento, hoje lendo o post da Déia lembrei deste texto que eu tinha e resolvi colocar aqui para compartilhar.


Entenda seu calendário hormonal

Ao menos já se sabe por que “mulher é um bicho esquisito”. Enquanto os homens passam a maior parte da vida produzindo testosterona regularmente, a mulher tem variações na produção de estrogênio e progesterona. Essa oscilação hormonal divide o ciclo menstrual em fases bem definidas marcadas por instabilidade emocional e física, o que reflete diretamente no seu comportamento e disposição. O quadro só piora se o desequilíbrio entre os dois principais hormônios femininos é muito acentuado, causando um rebuliço tão grande que caracteriza a TPM (tensão pré-menstrual). Estudos mostram que cerca de 80% das mulheres apresentam algum tipo de alteração no período pré-menstrual, e 52% delas têm mudanças drásticas no humor e no comportamento.

Nos últimos anos, alguns tratamentos têm amenizado os sintomas com o uso de antidepressivos, hormônios como a progesterona e o estradiol, além de vitaminas, minerais e aminoácidos. Os médicos, no entanto, dizem que mudanças nos hábitos alimentares, alívio nas tensões do dia-a-dia e inclusão de atividades físicas podem resolver a maioria dos casos. O calendário menstrual abaixo mostra as principais mudanças que acontecem durante o ciclo e dá dicas para lidar com cada fase. Compare com o que você sente e entenda melhor por que há dias em que você está cheia de energia e outros em que é difícil até levantar da cama.

1º ao 3º dia: Menstrual

Físicos
• Alívio do “peso” nas pernas
• O corpo desincha
• Pele opaca
• Cabelo rebelde

Psíquicos
• Sonolenta
• Muito sensível

Emocionais
• Atenciosa
• Introspectiva
• Reservada
• Intimista

Comportamento
• Normal
• Preguiçosa para atividades físicas

Apetite
• Normal

Dica: Prefira alimentos com vitamina K, que diminui o fluxo menstrual (fígado, farelo de farinha, óleo de soja, vegetais verdes). A vitamina A ajuda na recuperação do endométrio (fígado, margarina fortificada, damasco, melão e pêssego) e a vitamina C melhora a absorção de ferro (acerola, abacaxi, limão, laranja e kiwi). Tome bastante água para combater a retenção de líquidos.

4º ao 10º dia: Pós-menstrual

Físicos
• Pele saudável
• Cabelo macio
• Peso normal
• Sono tranquilo

Psíquicos
• Boa memória
• Espírito empreendedor

Emocionais
• Calma
• Lúcida
• Afetuosa

Comportamento
• Normal
• Desejo sexual ativo
• Extrovertida

Apetite
• Baixo

Dica: Aproveite, é a melhor fase do Dê preferência a alimentos em soja para aumentar os de estrogênio.

11º ao 17º dia: Fértil

Físicos
• Pele viçosa
• Cabelo sedoso
• Lubrificação vaginal intensa

Psíquicos
• Hiperativa
• Competitiva
• Dominadora
• Decidida

Emocionais
• Sedutora

Comportamento
• Desejo sexual no ápice

Apetite
• Pouco

Dica: Inclua vitamina E, encontrada em peixes (salmão e atum), folhas verdes, germe de trigo e óleos vegetais (canola e milho). Evite gordura animal que destrói a vitamina E. Aumente o nível de ferro com legumes escuros (brócolis e espinafre) e carne vermelha magra.

18º ao 25º dia: Pré-menstrual com TPM

Físicos
• Dor muscular e de cabeça
• Tonturas
• Palpitação
• Retenção de líquido
• Ganho de peso
• Seios doloridos
• Ondas de calor
• Fadiga
• Náuseas e vômitos
• Cólicas
• Acne

Psíquicos
• Ansiosa
• Esquecida
• Insone
• Ataques de pânico
• Falta de concentração

Emocionais
• Depressiva
• Irritada
• Choro fácil

Comportamento
• Queda de motivação

Apetite
• Fome exagerada

Dica: Aumente em 10% a ingestão de carboidratos, que melhoram a sensação de bem-estar, e coma produtos integrais, que auxiliam na prisão de ventre, além de serem ricos em magnésio e vitamina B6. Evite alimentos embutidos que aumentam a retenção de líquido por causa do sal. Corte cafeína (Coca-Cola, café, chá preto, chá mate etc.), que aumenta a ansiedade. Tome muita água. Faça exercícios.

18º ao 25º dia: Pré-menstrual normal

Físicos
• Seios doloridos
• Aumento de peso
• Abdome distendido
• Sensação de peso no baixo ventre
• Pele opaca
• Cabelo rebelde

Psíquicos
• Esquecida e distraída
• Sonolenta
• Muito sensível

Emocionais
• Agitada
• Insônia

Comportamento
• Baixa produtividade
• Baixa criatividade
• Impaciente
• Carente de afeto
• Desejo sexual em baixa

Apetite
• Grande

Dica: Limite a quantidade de sal por causa da retenção de líquido. Abuse de alimentos à base de magnésio, que previnem a retenção, diminuem a compulsão por doces (castanhas, legumes e vegetais verdes). Inclua vitamina B6, que tira a dor da mama e funciona como antioxidante (farelo e germe de cereais, gema de ovo, farinha de aveia e legumes). Cereais integrais, banana e chocolate são ricos em um tipo de aminoácido que aumenta a síntese de serotonina, um neurotransmissor que regula o sono e o humor.

Fonte: Eliezer Berenstein, ginecologista e autor de “A Inteligência Hormonal da Mulher” (ed. Objetiva) e Alessandra Rascovski, endocrinologista e especilialista em TPM.

Dia da Mulher

****************************************

Dia Internacional da Mulher

Porque amanhã é o Dia Internacional da Mulher e esse poema apesar de muito batido pela internet afora é a coisa mais linda e diz tão bem sobre o ser mulher…

Com licença poética

Quando nasci um anjo esbelto,
desses que tocam trombeta, anunciou:
vai carregar bandeira.
Cargo muito pesado pra mulher,
esta espécie ainda envergonhada.
Aceito os subterfúgios que me cabem,
sem precisar mentir.
Não sou feia que não possa casar,
acho o Rio de Janeiro uma beleza e
ora sim, ora não, creio em parto sem dor.
Mas o que sinto escrevo. Cumpro a sina.
Inauguro linhagens, fundo reinos
— dor não é amargura.
Minha tristeza não tem pedigree,
já a minha vontade de alegria,
sua raiz vai ao meu mil avô.
Vai ser coxo na vida é maldição pra homem.
Mulher é desdobrável. Eu sou.

Adélia Prado

Marina

****************************************

Feliz Aniversário, Marina!

CICLO

****************************************

CICLO
Image Hosted by ImageShack.us

Oração

****************************************

Oração

Recebi desta lista de discussão, não sei o autor, mas achei engraçado e oportuna para fechar o carnaval e começar um novo mês, novinho em folha, com mais oportunidades para todos nós.

Oração da Mulher

Senhor, me ajude a nunca desistir de ser mulher.
Coloque um espelho no meio do meu caminho entre a lavanderia, o supermercado, o sapateiro, o colégio e a locadora.
E que, ao me olhar, eu goste do que veja.

Não deixe que eu passe uma semana sem usar um batom bem vermelho, uma
bota bem alta ou um jeans bem justo.

Proteja meus cachos do vento e os brincos e anéis dos olhares invejosos.
Nunca deixe faltar na minha vida comédias românticas e boas depiladoras.

Se eu estiver com vontade de chorar, faça com que eu chore um dilúvio.
E que tenha saído de casa sem pintar o olho.

Para cada dia de TPM, me dê uma vitrine com sapatos lindos.
Já que eu nunca pedi milagres, faça que minhas celulites sejam ao menos discretinhas.

Dê-me saúde, tempo livre, silêncio.
E que nunca falte absorvente na minha bolsa.

Nos engarrafamentos, faça com que eu ligue o rádio e esteja tocando
minha música preferida.

Dê forças para eu insistir que meus filhos comam salada, digam “por favor” e “obrigado”, limpem a boca no guardanapo, façam as pazes e puxem a descarga.
Cegue meus olhos para as sujeiras nos cantos e os brinquedos no meio
da sala (eles vão estar sempre lá, isso eu já vi).

Ajude para que eu chegue do trabalho e ainda consiga brincar, ver
desenho, contar história ou fazer cócegas!
E se eu não tiver a menor condição de me manter em pé, faça com que
meu filho chegue dormindo da escola.

Em dias difíceis, me dê persistência para seguir na dieta.
Dê também firmeza para os seios…

Proteja minhas poucas horas de sono e não me julgue mal caso eu não
acorde no meio da noite para cobrir meus filhos.
Não deixe que a minha testa fique tão franzida a ponto de parecer uma
saia plissada, e eu, uma louca estressada.

Faça com que o sol seja meu personal trainer, meu complexo de
vitaminas, meu carregador de bateria, mas quando eu pedir um diazinha
de chuva, não pergunte por quê.

Para cada batata quente no trabalho, me dê um café recém-passado.
Entenda que, quando eu rezo para cancelarem uma reunião não é gastar
reza à toa, pode ter certeza.

No meio de tudo isso, faça com que eu ache tempo para virar namorada
de novo, ir no cinema, jantar fora, beijar na boca, dormir abraçadinha.

Ilumine o espelho do banheiro e proteja minhas pinças, meus cremes e segredos.

Ajude a não faltar gasolina e não furar o pneu e, por favor, afaste
os motoqueiros do meu retrovisor.

Senhor, por pior que seja o meu dia, faça com que ele termine, e não
eu.

Amém.

Pessoa, sempre

****************************************

Pessoa, sempre…

“Há um tempo em que é preciso abandonar as roupas usadas que já têm a forma do nosso corpo, e esquecer os nossos caminhos, que nos levam sempre aos mesmos lugares. É o tempo da travessia: se não ousarmos fazê-la, teremos ficado, para sempre, à margem de nós mesmos”.

(Fernando Pessoa)

Bruna Lombardi

Bruna

Passando rapidamente, porque a vida tá uma loucura…

Essa mulher, além de belíssima, é muito interessante. Dêem uma olhada…

Significados Comuns do Excesso de Peso

****************************************

Significados Comuns do Excesso de Peso

Estou lendo um livro MUITO INTERESSANTE, chamado “Emagrecendo pelo poder do espírito” . Espírito entendido não no não no sentido da religião espírita, mas no sentido de alma, de interior mesmo. E tem uma parte tão incrível, um capítulo sobre os significados mais comuns do excesso de peso, que eu adorei tanto que me dei ao trabalho de colocar as 13 páginas que falam sobre o assunto aqui para todo mundo ler. Pessoal, não deixem de dar uma olhada, é muito importante para compreendermos muitas causas ocultas da obesidade. Se for possível, imprimam, leiam, depois reflitam sobre o item que mais se encaixa no seu caso. No livro a autora dá depois uma série de afirmações que podemos fazer para contra-atacar essas causas. Depois quem quiser saber mais e não tiver acesso ao livro, pode me escrever.

E compreendendo um pouco dessa dinâmica, temos mais chance de não fazermos parte da terrível estatística que diz que 97% (isso mesmo, 97%) das pessoas que emagrecem voltam a engordar tudo e às vezes um pouco mais no período de um ano. Também vou deixar o link aí do lado.

****
Cris e Vanessa, linkei vocês, ok?

Mais dicas




****************************************

Mais uma dica magra:

Essa dica eu ainda estava testando para ver como é que funcionaria e descobri ótimas coisas a respeito dela. Descobri alguns padrões alimentares que tenho, descobri algumas emoções e algumas atividades que me despertam a compulsão. Penso que foi um instrumento maravilhoso de auto-conhecimento, então vou compartilhar aqui.

Faça assim, copie ou adapte uma tabela como a colocada aí embaixo e preencha durante sete dias, faça um acompanhamento diário. Mesmo que não dê para você ir anotando na hora em que estiver comendo (o que seria o ideal) antes de dormir preencha a tabela e depois de sete dias (ou até mais se quiser) olhe todas com calma e procure descobrir seus padrões, os horários em que você tem mais fome, os sentimentos que despertam a compulsão. Procure ver se você comeu porque estava mesmo com fome e não por outros motivos. É muito legal, eu descobri algumas coisinhas que nem imaginava… E já estou tentando modificar alguns hábitos.

Ontem completei dois meses sem fumar. E hoje me dei conta de que faltam exatamente cem dias para eu completar 35 anos. Acho que é uma idade muito significativa, merece ser comemorada e resolvi então me dar de presente um corpo novo, mais leve e mais bonito. Agora quem quiser pode ver aqui nesse outro blog o que eu vou fazer e comer durante esses cem dias. Esse aqui vai continuar firme e forte, como reflexão das práticas que ocorrerão lá.

2 Meses

****************************************

Parabéns!!!

Parabéns para mim mais uma vez. Dois meses sem fumar!


E nem um quilo a mais…

Meditar

****************************************

Meditar

Eu sou uma pessoa (como vocês já devem ter notado) que acredita muito que a interação mente/corpo é muito importante e determina muitos dos males que a gente tem, inclusive a obesidade. E eu sempre fui adepta de práticas que envolvam exercícios mentais, que tenham por fim desenvolver a mente. O Qi foi uma delas, mas ele tem um fim específico. O Programa Espiritual idem, mas ele também tem um objetivo.

Há muito tempo eu procuro aprender sobre meditação, amo de paixão o assunto, leio o que posso ler sobre isso, já pratiquei alguns métodos, tanto de meditação como de relaxamento (são coisas bem diferentes) e posso dizer que cada um à sua maneira me ajudou a expandir a mente, a ficar mais tranqüila (eu venho de uma estirpe muito ansiosa, muito nervosa e muito raivosa).

Mas tanto nas leituras como na prática da meditação eu aprendi que ela tem que ser incorporada na vida como uma constante, não é algo feito num momento de aflição só para se acalmar. Tem que ser diária para ter efeitos duradouros. Funciona feita esporadicamente, mas nem tanto e não é esse o substrato da coisa.

(Nessa edição da Revista Viver Mente e Cérebro tem uma ótima reportagem sobre o assunto, pena que a edição on-line não disponibilizou todas as matérias, pois esse número dessa revista está maravilhoso.)

Há muitos anos atrás fiz um curso de Meditação Transcendental, meditação de base hinduísta, que eu praticava, mas sentia que não era ainda “a” meditação pra mim. Havia algumas coisas que ainda iam contra qualquer coisa muito íntima minha.

Mas ano passado descobri uma meditação que é praticada exatamente da mesma maneira que a transcendental, parte do mesmo princípio, dura até o mesmo tempo, mas que é uma meditação cristã, católica para ser mais precisa. É católica, mas eu sei que alguns grupos protestantes, como os luteranos, os presbiterianos e anglicanos (até onde sei, posso estar enganada e pode haver mais igrejas protestantes que adotem a prática) não fazem restrição alguma a ela.

Ela se chama Meditação Cristã, ou Oração Centrante, vem da tradição dos padres do deserto (cristãos dos primeiros séculos) e foi recuperada (ao menos a meditação cristã) por um religioso que também havia feito um curso de meditação transcendental. Eu me identifiquei muito com essa prática, porque fui criada como católica, embora não siga mais essa religião.

É uma meditação absurdamente simples de fazer, (tão simples que chega a impressionar) mas que dá resultados (no tocante à serenidade, alegria, bem estar e qualidade de vida) incríveis. E ao contrário da meditação transcendental não é necessário pagar um horror para aprender, é de graça e existem muitos grupos Brasil e mundo afora que praticam e ensinam.
Mas para quem quiser saber já, separei a essência da prática que foi distribuída gratuitamente numa livraria católica aqui em BH há algum tempo e coloquei aqui, se quiserem aprender, dêem uma olhada. É simples, muito pacifica, é cristã e os resultados são espantosos.

Não tem nada a ver diretamente com o emagrecimento, mas eu acredito que quem está em paz emagrece mais facilmente, por isso resolvi partilhar aqui para quem se interessar.

Existe uma diferença muito pequena entre Oração Centrante e Meditação Cristã, muito pequena mesmo, que não interfere no roteiro que coloquei, mas a essência das duas é a mesma e são praticadas de modo quase igual. E nada mais são do que uma forma regular e disciplinada de orar e que por ser exatamente regular e disciplinada trazem os efeitos benéficos para o corpo e o cérebro da meditação e da oração.

Como me faz MUITO BEM, acho que poderá ser útil também a alguém, e acredito que quanto mais pessoas praticando meditação no mundo, mais chances de se tornar um lugar pacífico e tranqüilo existirá.

Pesquisando no google também sobre meditação cristã, ou oração centrante também se encontra informações muito boas.

*****

Eu não tenho postado cardápio, nem peso aqui porque continuo com o mesmo peso da última vez, uns dias um pouco menos, outros um pouco mais. E outra coisa é que eu também ando cansada, ficar sem cigarro está me consumindo muita energia, eu estou precisando de tempo para me dedicar a um tanto de coisas que preciso resolver e preciso resolver essa questão de parar de fumar primeiro, que dura mais tempo do que eu esperava.

Tenho consciência de que só não engordei por causa da Meditação, do Qi , do Programa Espiritual e dos pensamentos magros. Mas preciso me dedicar mais disciplinadamente a eles e é isso que vou fazer. Estou precisando me renovar, repensar prioridades e preciso fazer uma viagem íntima muito pessoal, muito minha.

Aconteceram alguns eventos esses dias que me fizeram pensar sobre toda uma coleção de coisas que eu achava já estarem prontas dentro de mim. Mas na verdade nada é pronto dentro da gente, tudo muda a toda hora e eu agora preciso aprender a conviver e respeitar isso.

Então vou ficar uns dias sem aparecer, mas logo volto com mais pensamentos magros, que eu não paro de colecionar e que preciso e adoro partilhar também.

Voltando à Pré-adolescência

****************************************

Voltando à Pré-adolescência…

No caminho do pensar magro, além de voltar a ser criança, funciona também voltar à pré adolescência…Assim, sabe adolescente fazendo agenda, toda colorida, cheia de recadinhos, bilhetinhos, ticket de filme, papel de bala, flor amassada, etc.,etc., etc.?

Pois uma dica magra que funcionou bem comigo é a seguinte: pegue uma agenda, um caderno, um bloco, fichário, seja o que for, muitas canetinhas coloridas, adesivos diferentes, (pode fazer os seus com pensamentos magros) e faça um registro positivo do seu emagrecimento, um caderno cheio de anotações e afirmações positivas, com frases que te motivem, cole nele uma (ou mais) foto sua bem bonita e sorrindo, fotos de lugares e pessoas que você ama, que te relaxam, te alegram e olhe sempre essa agenda. É melhor que seja um caderno ou bloco que você possa carregar, pra dar uma olhada de vez em quando, no transito, no ônibus, na fila do banco, do médico, etc.

Mas encha, encha mesmo o caderno de anotações positivas, de frases dizendo que você se ama, que você é linda, que a cada dia você acorda mais magra, mais bonita, mais feliz e olhe sempre. Procure escrever só coisas do bem, não é um diário, é uma espécie de lembrete das suas qualidades, da sua beleza, do que você ama, das suas frases preferidas.È um registro do alto astral. E só serve se for no papel mesmo. Apesar do blog funcionar um pouco às vezes dessa forma, precisa ser algo que você possa olhar até deitada, antes de dormir, pra carregar seu inconsciente com mensagens magras.

Faça uma coisa bem colorida, visualmente chamativa, e tenha sempre à mão. Eu escaneei uma página da minha agenda pra vocês terem uma idéia. É uma coisa que tem me ajudado muito. Quando estou desmotivada com meu desenvolvimento, eu vou lá e leio tudo, escrevo mais um pouco, colo recortes e só de fazer isso já me sinto melhor.

E obrigada a todas pelos comentários carinhosos.

P.S. Dêem uma olhada: O que querem as mulheres

Manifesto da Gentileza Blogueira

Já é velho, mas eu acho que ainda não perdeu o vigor.

Manifesto da Gentileza Blogueira:

  • Seja gentil.
  • Linke para quem te linka.
  • Se você despreza o blog que te linka e jamais conseguiria linkar pra ele, tenha hombridade de pedir pra ele retirar o link.
  • Clique nos banners de quem vive de publicidade.
  • Quando ler um post muito legal, cite e dê link, para que outras pessoas também vejam.
  • Aliás, SEMPRE cite a fonte e dê o link. Senão, é plágio.
  • Se encontrar um post que não gosta, pule.
  • Se encontrar vários, não volte mais.
  • Se voltar, não reclame.
  • Não xingue ninguém. Nunca.
  • Se quiser aderir à Campanha Gentileza, pode copiar o botão, mas diga de onde tirou.Senão, você não entendeu nada do espírito da coisa.

    ****************************************

    Hoje meu coração está muito partido, aconteceram duas coisas ontem que me machucaram muito. Por isso, quando a dor passar eu volto. Beijos

    Não se esqueçam que hoje é dia de começar o Programa Espiritual.

Voltando a ser criança

****************************************

Voltando a ser criança

Essas dicas que venho colecionando aqui, todas elas por enquanto têm a ver com visualização e imaginação. Dizem que a imaginação é o começo de tudo, e todo bom projeto começou antes na imaginação de alguém. O Qi é imaginação e visualização, a neurolingüística usa muito esse expediente, e alguns dos livros que eu tenho lido também falam do papel importante que têm o cérebro no processo todo. Como sobre a dieta especificamente cada um segue a sua e são diferentes, eu estou buscando um mergulho no meu interior para me conhecer melhor (afinal sou a minha mais freqüente companhia) e nessa brincadeira estou descobrindo essas dicas.

Então, eu li esses dias que a gente tem que voltar a ser criança neste exercício de imaginação. Assim: Vocês já viram criança brincando de qualquer coisa, né? De casinha e boneca, de Power Rangers, de motorista, de lutador, etc. Elas não só estão fazendo de conta (na cabeça delas), mas elas realmente são o que estão ali representando. Elas incorporam o papel, imaginam tudo que está acontecendo nos mínimos detalhes (alguém já viu um desenho infantil chamado Backyardigans?, pois é aquilo ali) e vivem tudo ali. Se bobear elas sentem cheiros, texturas, cenários e tudo.
Então, quando a gente for exercitar o pensar magro e alguma visualização, vamos nos tornar crianças por um instante e entrar de corpo e alma e coração lá naquele lugar, naquele momento onde queríamos nos ver magras e felizes e deixar a imaginação tomar conta.

Dica magra

****************************************

Dica magra

Uma outra coisa que pode ser feita para exercitar o pensar magro é você criar uma imagem-chave, aquela imagem de como você se vê magra. Quando estiver desanimada, triste, ou qualquer coisa assim, você pode se lembrar dessa imagem. Pensar nela e visualizá-la o mais detalhadamente possível. Faça dessa imagem uma espécie de escudo que te protege de todo pensamento “gordo” ou das pessoas “engordativas”. E por aí vai.

****************************************

Só uma coisa tem tirado minha vontade de fumar: Prestígio. 150 kcal. Imaginem, eu fumava 20 cigarros por dia. Esse alimento é minha compulsão.

Preciso vencer meu medo da comida, ou vou trocar um vício por outro. Mas ainda está cedo pra eu me desesperar, não tem nem dois meses ainda, não é hora de misturar as coisas, por isso ando exercitando mais o “pensar magro”, e colecionando dicas. Só isso já está fazendo com que eu não engorde. E isso por si só já é uma vitória.

Mais pensamentos magros

****************************************

Mais pensamentos magros

Lendo o post da Débora, maravilhoso por sinal, que fala de um exercício que ela fez com o alimento que gerava compulsão nela, eu me lembrei de um outro exercício que também é daqueles para pensar magro ( proposto por Debbie Johnson, uma autora que escreve sobre técnicas de visualização para o emagrecimento) e é o seguinte: Tentar colocar no papel todas as suas dietas (pelo menos as que você se lembrar, ou as mais recentes), as suas relações com elas, quanto tempo durou cada uma, o que, quando e porque fracassaram, enfim tudo que você lembrar a respeito do assunto, mas são as suas dietas.

Escreva tudo que você pensar, tudo que vier à cabeça sem censura. Mas escreva no papel mesmo. Pra quem está tentando descobrir as causas do seu engordar pode ser um exercício muito revelador, e pode ser bastante emocionante também.

**********************

Sobre o post debaixo, a Gaby perguntou sobre como manter uma auto-imagem excelente e pelo que pude me lembrar é assim, sua auto-imagem tem que ser boa o tempo todo. Repare nos diálogos internos que você mantém consigo mesma e sempre que alguma coisa depreciativa sobre você vier a cabeça e você se lembrar, pense “apague” e coloque uma coisa positiva no lugar. Faça isso até virar um hábito e a auto-imagem só vai melhorar.

E auto-imagem boa pode significar não que você seja perfeita, linda, maravilhosa, está tudo 100%, mas significa tentar manter o foco no fato de que você é uma criatura que tem o potencial de realizar o que se propõe. E o fato de estar acima do peso, de ter problemas com o marido, o namorado, a falta deles, o chefe, a casa, os filhos, dinheiro, cachorro, papagaio, etc., não apagam o fato de que você é alguém que está rumando para seu objetivo e isso lhe torna cada dia melhor.

Obviamente também para o sucesso acontecer, deve-se respeitar o equilíbrio das coisas e a lei do retorno, o karma, pecado, (enfim, tenha o nome que tiver). Ou seja, você não deve prejudicar ninguém com sua busca, seja pela ação, pela omissão, pela negligência ou pela ignorância. Se for justa sua busca e não prejudicar a ninguém então você tem todos os motivos para manter sempre uma auto-imagem excelente.

Começando a pensar magro

****************************************

Para começar a pensar magro

Algumas atitudes que ajudam desenvolver o hábito de pensar magro (acho que são princípios da neurolingüística). Funcionam! (Eu li e anotei isso há algum tempo, mas não lembro quem é o autor.)

  • 1. Manter uma auto imagem excelente.
  • 2. Estabelecer uma meta realista, alcançável dentro do período de tempo que você se propôs.
  • 3. Escrever no papel seu objetivo. Não só no blog, mas no papel mesmo.
  • 4. Marcar uma data final para atingir a meta (data não numérica, um evento, como explicado no Qi mental)
  • 5. Visualizar detalhadamente a sua meta, com o máximo de nuances possíveis
  • 6. Imaginar e procurar reproduzir agora os sentimentos que você terá quando a meta for alcançada: a gratidão, a alegria e o seu estado de espírito, seu ânimo no momento em que seu objetivo vier.
  • Vale a pena ler

    ****************************************

    Ótimo post

    Vale a pena ler o post chamado “O direito de ser… gordinha e gostosa”, que está no site www.sindromedeestocolmo.com

    A autora faz uma reflexão interessante sobre a mulher brasileira, sua relação com o peso, etc. Enfim, é legal dar uma olhada.

    Luz e Sombra

    ****************************************

    Luz e Sombra

    Então, é uma beleza ver aquilo em que você acredita acontecendo. Por muito tempo achei que certas coisas não iriam acontecer, que simplesmente não era possível acontecer sem dor, mas eu tenho visto que é possível, que não há necessidade de extremos nem de extremismos. Eu tendo a acreditar que o budismo está com toda razão, o melhor caminho é o caminho do meio, é o equilíbrio, a balança. Aquele lugar onde se pudesse enxergar os dois lados. De uma pessoa, de uma questão, de um conflito. E um lugar onde pudéssemos estar condições de ver a nossa sombra e nossa luz, porque luz demais também cega, também não deixa enxergar. E nos recolhermos a um local onde ficasse claro que não somos só luz, que nossa sombra é enorme e as vezes ofusca nosso brilho e se lança sobre outras pessoas prejudicando-as e atenuando seu brilho. Nem tanto ao céu nem tanto à terra ou ao mar. E é interessante ver como isso vale para as relações humanas também. Ninguém é tão bom ou tão mau quanto parece, mas às vezes é muito complicado lembrar disso. Especialmente se a pessoa em questão for a gente mesmo.

    Agora

    ****************************************


    Agora

    Da série “Uma coisa que você pode fazer agora“:
    Você consegue fechar os olhos e num relance listar cinco partes belas do seu corpo? Se conseguir escreva e olhe de vez em quando. Mal não vai fazer, né?

    P.S. As minhas cinco são: pernas, pés, mãos, colo e cílios.

    Alimentos transgênicos.

    ****************************************

    Alimentos transgênicos.

    Link para cartilha em pdf elaborada pelo Greenpeace com os alimentos que contêm transgênicos com nome, produto e marca. Vale a pena ao menos conferir. Pois isso é o que vai à nossa mesa, não é?

    Guia do consumidor.

    Afinal, o que são transgênicos?

    Transgênicos – ou organismos geneticamente modificados – são seres vivos criados em laboratório com técnicas da engenharia genética que permitem “cortar e colar” partes do DNA de um organismo para outro. Essa técnica muda a estrutura genética original do organismo para obter novas características específicas. Não ha limite para esta técnica: é possível criar combinações nunca imaginadas, como animais com genes de plantas e plantas com genes de bactérias. A soja transgênica da Monsanto, por exemplo, recebeu genes de duas bactérias, um vírus e uma flor para se tornar resistente ao agrotóxico Roundup, da própria Monsanto.
    Quais são os impactos dos trangênicos? A utilização de transgênicos na agricultura tem causado o aumento do uso de agrotóxico. E isso significa uma maior quantidade de resíduos que vão parar na nossa alimentação diária.
    Além disso, a liberação de transgênicos no meio ambiente também causa o aparecimento de ervas daninhas e pragas resistentes, a perda de biodiversidade e a contaminação genética. Isso sem falar nos impactos sobre a economia e a rotina dos agricultores brasileiros.

    Fonte: www.greenpeace.org.br


    Terceiro dia do Programa Espiritual

    3º DIA – TERÇA FEIRA:

    Por isso vos digo, que tudo quanto pedirdes em oração crede que receberás, e assim será para convosco.

    .

    2° Dia

    ****************************************


    Segundo dia do Programa Espiritual

    Em verdade vos digo, se dois dentre vós, sobre a terra, concordarem a respeito de qualquer coisa que desejardes pedir, isto será concedido por meu PAI que está no céu. Porque, onde estiverem dois ou três reunidos em meu nome, ali estou EU ao meio deles.

    Domingo

    ****************************************
    Domingo é dia de começar.

    É o primeiro dia do Programa Espiritual

    Escolhendo Refletir

    ****************************************

    Escolhendo Refletir

    Ontem eu estava lendo a edição de novembro da Revista Bons Fluidos. Tem dois artigos interessantes, um do Rubem Alves, que faz uma brincadeira com aquele poema Instantes (que muita gente acha que é do Jorge Luis Borges, mas que não se tem certeza da autoria, atribui-se a uma estadunidense chamada Nadine Stein) em que ele diz que viveria sua vida de novo como ela foi vivida, que sua trajetória foi feita pelo que ele planejou e também pelo que ele não planejou, que o fato de seus planos muitas vezes não terem dado certo fez com que ele chegasse onde chegou, e por aí vai…E um outro artigo falando sobre o quanto seríamos livres para mudar de rumo a qualquer momento, e que começa falando do Eterno Retorno, (um conceito que o filósofo alemão Friedrich Nietzche desenvolveu tão bem, e que grosso modo diz o seguinte: a nossa vida repetir-se-á eternamente, cada instante vai ser repetido e repetido infinitamente, seria a sina humana, ter cada minuto de sua vida numa eterna repetição. Está lá na revista).

    Obviamente os dois textos falam sobre nossas escolhas. Escolher parece fácil, mas eu particularmente acho bastante difícil. E é engraçado, é estranho, perceber como somos presas de nossas escolhas e sequer temos coragem de admitir isso, sempre preferindo culpar qualquer coisa. O que não é novidade, mas nem por isso deixa de acontecer a toda hora.

    Em um dado momento do meu passado eu escolhi me afundar na comida, eu escolhi deixar que esse prazer fosse maior que o prazer de ser visualmente admirada, de ser tida como alguém com força de vontade, etc., deixei pra trás essas alternativas e me entreguei ao prazer momentâneo e sensorial de comer. Como também num momento bem mais longínquo da minha vida eu escolhi fumar. E hoje, com 30 quilos acima do meu peso inicial de adulta, e tendo fumado por uns 16 anos estou aqui sofrendo as conseqüências dessas duas escolhas que na verdade nem pensei para fazer e foram acontecendo devagar trazendo essa conseqüência que eu não imaginava o tamanho.

    E fiquei pensando, essa vida é tão inesperada, temos tão pouco controle do seu rumo, não sabemos nada de nada de nada, somos simples e arrogantes poeira das estrelas, e achamos que somos grandes coisa. Não, não somos, e nesta vida pelo menos não saberemos o que somos nem para onde vamos.

    Então o que isso quer dizer? Quer dizer que, enquanto não sabemos o nosso rumo real, o sentido da existência e a resposta para essas perguntas metafísicas que todos já nos fizemos em algum momento (nem que seja na infância), tem uma pequena, mas não pouco importante parcela de fatos da vida que podemos controlar. Fatos para os quais temos uma mínima autonomia de escolha, e entre esses fatos está a decisão de não se afundar na comida e de não fumar, por exemplo. E sendo assim, porque então nos deixamos ainda levar pela maré e nem esse pequeno direito de escolha exercemos?

    Claro que eu sei, existem razões outras e incontroláveis, imponderáveis e etc., atrás de cada passo nosso, mas eu não estou falando dessa dimensão. Eu estou falando da parte que realmente podemos escolher e sabemos que controlamos e assumimos fazer dessa ou de outra forma.

    Então, já temos tão pouco controle real da vida, porque não começar a exercer o direito de escolha e escolher caminhos menos tortuosos dessa vez? Como sempre eu sei que é fácil falar e nem tão fácil fazer, mas eu penso que somos seres dotados de RAZÃO, essa coisa bonita que nos difere dos animais, e podemos começar pensando, refletindo sobre isso. Acho que refletir também é uma escolha.

    E é uma escolha muito importante, talvez a mais importante de todas, já que nos leva a quase tudo o mais. E quer reflitamos ou não seremos sempre presa dessa escolha.

    Assim, acho que esse post cumpriu seu objetivo que era o de fazer com que eu exercesse meu pequeno direito de refletir sobre coisas que me afetam de muito perto. Dentre elas a própria Reflexão. Era isso.

    ****************************************

    Parabéns

    ****************************************


    Parabéns

    Hoje eu mereço parabéns, porque nesse momento completo um mês sem fumar. Acho que quem já fumou sabe o que significa isso. E quem nunca fumou pode acreditar, é muuuuuito difícil, por favor, nunca subestimem a dificuldade que é passar por isso. Mas está valendo a pena.

    ****************************************

    Desamparo

    ****************************************
    Desamparo

    O que acontece com o vício de comer eu acho que é parecido com o que acontece com o vício de fumar. Além da oralidade, os dois acabam mexendo numa estrutura que é muito vital para nós, que é a sensação, consciente ou não, do desamparo em que nós seres humanos vivemos. Tentamos compensar essa sensação dolorosa de abandono e desamparo (que eu acredito ter origem no nascimento) naquilo que mais rapidamente alivia a sensação torturante de ter abandonado o prazer da vida uterina. Acho que por isso muitos vícios são orais, já que aprendemos cedo na vida a aliviar essa dor do abandono do ventre materno com algo que se coloca na boca, o seio materno, a mamadeira,a chupeta, o dedo, etc.

    Mas pouca coisa nos salva do pânico (do ponto de vista do bebê que está para nascer) que provavelmente é o parto, o nascer, o rompimento da ligação mais simbiótica e satisfatória que jamais teremos na vida.

    E fumar tanto quanto comer parecem aliviar essa sensação dolorosa. Mas eu acho que isso é engano, a gente fuma, bebe, come, e o desamparo, o abandono continua ali, não vai embora. Daí a gente vicia e começa a comer, fumar ou beber para matar outra dor, e mais uma falta, a falta que faz pra gente aquele objeto do vício.

    Mas o x da questão, (que não é muita novidade, mas que eu preciso dizer em voz alta para acreditar), que custa a entrar de fato nas nossas lindas cabecinhas, é que nada, nada que esteja ou que venha do exterior vai aliviar essa sensação de dor, de abandono e desamparo que são característicos da condição humana, (e que o tempo todo fingimos não perceber nos entupindo de dependências). E não fumar nem me afundar tanto na comida, não aliviaram esse abandono nem um pouco.

    Mas a constatação de que o nirvana só pode ser encontrado dentro de mim e em mais lugar nenhum desse mundão enorme de Deus ajuda. Acho que assim me sinto menos desamparada, já que não vou me privar da minha própria companhia. Saber que é nela que está a salvação é um fardo que ás vezes pesa, mas também é um alívio quase lancinante, pois me diz que eu já não dependerei de nada nem de ninguém.

    Apesar do que falar é bem mais fácil…

    Algo errado no paraíso

    Essa primeira garota aí da foto é uma amigona que eu tenho, menina super inteligente, é juíza em São Paulo, é bem informada, culta, super gente boa. Fazia uns dois anos que eu não a via e nós tivemos um encontro esse fim de semana. Ela tem esse corpinho que vocês estão vendo aí, até mesmo atualmente está um pouco mais magro. Daí ela disse no encontro (estávamos eu ela, meu marido, marido dela e outra amiga da faculdade com o marido) que estava GORDA, que tinha pneuzinhos na barriga, que precisava emagrecer, coisa e tal.

    E ela realmente acha isso, ela está genuinamente preocupada com isso. Eu fiquei com uma sensação incômoda, não tanto pelo fato de estar bem uns 25 quilos mais gorda que ela, mas pelo fato de que a maioria, mas a maioria das mulheres que eu conheço, (incluindo minha sobrinha linda de dez anos completados hoje e a outra de seis anos), terem a auto imagem tão distorcida.
    E me lembro de quando pesava 61 quilos e achava que eu estava MUITO gorda. Fico pensando, só pode ter alguma coisa muito errada, mas muito errada mesmo com uma sociedade que fomenta essa imagem feminina


    como modelo de beleza. (É claro que eu exagerei um pouco na foto, mas não está muito longe do real, não, afinal ela é modelo…).
    Porque certamente isso não é um delírio coletivo, não é uma ilusão de nós mulheres. As mulheres não conseguem enxergar seu corpo.

    Como dizem os antropólogos, o corpo é uma poderosa forma simbólica, o corpo é uma metáfora da cultura, é palco de um microcosmo social. E como é que viemos parar aqui, heim?

    Olhem essas mulheres das fotos que eu botei aqui: Marilyn Monroe, Leila Diniz, Sophia Loren, Ingrid Bergman, Luz del Fuego, Marta Rocha. Mulheres que foram ícones indiscutíveis de beleza, foram referência de imagem para as mulheres de sua geração. E não faz tanto tempo assim. E hoje todas elas seriam gordas. (Mesmo assim eu continuo achando que elas são lindas, parecem mulheres de verdade.)

    Será que o conceito de beleza varia rápido assim mesmo ou será que esse modelo anoréxico de beleza que temos hoje não está a serviço dessa ideologia tão contraditória que nos arrasta neste ranço (que ainda resta) de uma sociedade machista e patriarcal? Quero dizer, será que não é mais uma vez uma forma de negação da feminilidade genuína? Será que a contenção, a transformação da fome feminina em vergonha não é a expressão de uma regra subjacente que diz que a fome da mulher, por poder na esfera pública, por trabalho, por igualdade de salários, por uma sexualidade gratificante, tem que ser contida?

    Será que não é para ocuparmos nossas lindas cabecinhas, antes com os pneuzinhos na barriga, do que com algo como a política ou qualquer coisa mais socialmente abrangente? Pode ser que eu tenha viajado, não sei, mas neste livro tem umas reflexões maravilhosas sobre esse tema.

    *****************************


    Respondendo ao comentário da Gaby, que colocou o seguinte: “Mas tem um lance, Evel. Ate antropologico. A mulher sempre teve que ser atraente pra atrair o macho alfa…hahaha…certo? A mais bonita pegava o macho mais competente da caca, etc e isso deve ter gerado uma ciumeira animal nas concorrentes e dai da-lhe se esforcar pra ficar em shape. Alias, na Antiguidade as romanas morriam ao tentar pintar sei la com o que, mas sei que toxico os cabelos de loiro. No fundo, a vaidade esta enraizada no subconsciente feminino coletivo ha milhares de anos, ate por questao de sobrevivencia ou so pra relembrar o QI Mental e o Dr. Joao pra afastar o medo ancestral de morrer de fome.”

    Gaby, o que você disse está certo, acontece e aconteceu mesmo, mas eu me pergunto o seguinte:

    1º) Será que sempre foi assim mesmo, digo será que sempre foram as mulheres que se pavonearam e se torturarem fisicamente por causa dos machos alfa?

    2º) Será que não isso não aconteceu depois que o homem percebeu que afinal, ele também tinha participação na procriação. Porque afinal de contas, o que é raro na natureza são os óvulos, não os espermatozóides. Eu fico só pensando o seguinte, será que em Çatal Huiyuk (provavelmente a primeira aglomeração humana de que se tem vestígios, um dos sítios arqueológicos mais antigos, e que, especula-se não era patriarcal e onde havia vários tipos de cultos à deusas)era assim? Çatal Huyuk nem está tão longe assim, são mais ou menos 8.000 anos atrás, nós já temos no planeta mais de 35.000 anos. (Corrijam-me se eu estiver errada). Porque a história de que temos notícia é muito recente em termos da idade da humanidade, o período romano, por ex., está muito perto ainda. E nos primatas há exemplos de comportamentos tanto de cunho machista como igualitário (se é que eu posso usar esses termos para primatas, hahahaha), tanto violento como pacífico. Enfim, são dúvidas que provavelmente não serão sanadas facilmente, mas de todo modo, eu acho que há algo errado, muito errado sim. O tempo passa, a sociedade “evolui” para uma vida mais igualitária (pelo menos é a idéia que se vende e nós compramos aqui no Ocidente “democrático”) e as mulheres cada dia se torturam pelos machos alfa de maneiras mais bizarras? Sério, eu não acho que isto seja certo, nem muito menos natural.

    Se quiser, dá retorno, ok?

    Sobre Çatal Huyuk, site da UNB http://www.unb.br/ih/his/gefem/labrys6/labrysbr.html

    Wikipedia: http://pt.wikipedia.org/wiki/%C3%87atalh%C3%BCy%C3%BCk que aliás já é machista só na colocação do assunto .

    E um livro que em português já está esgotado, mas tem sobre o assunto uma discussão excelente, às vezes se encontra em sebo. Chama-se O Cálice e a Espada, de Riane Eisler. Link para o livro em inglês:
    www.amazon.com/gp/product/0062502891/ref=sib_rdr_dp/002-2131227-3966415?%5Fencoding=UTF8&me=ATVPDKIKX0DER&no=283155&st=books&n=283155

    *****************************

    Mais uma coisinha, momento mastercard:

    Estar há 26 dias sem fumar e ainda conseguir emagrecer, não tem preço.

    E deixa eu ir trabalhar que já estou atrasada. De noite volto.

    Post Clichê

    ****************************************
    Post Clichê

    Estava assistindo hoje o filme Osama (não deu pra terminar de assistir ainda porque o filhotinho acordou) que trata da situação das mulheres no Afeganistão do regime Talibã. Aí eu vi todas aquelas mulheres de burka, com uma vida mais difícil e dolorosa que a de muitos animais, ou de muitos seres humanos da Idade Média, do Paleolítico, em pleno séc XXI e fiquei angustiada.

    Fui ficando triste, nervosa, inconformada, revoltada (o que acontece muito facilmente com quem está em abstinência de cigarro) e passados alguns minutos eu resolvi descer até a mercearia para comprar alguns prestígios (não tinha e eu fui de Bis mesmo, ainda bem, é menos calórico).

    Na volta, nos poucos passos que separam a mercearia da portaria do meu prédio, por um instante eu me esqueci do cigarro, dos quilos a mais, da tristeza e da angústia e pude sentir como é impagável ser mulher e viver num lugar onde, com todos os senãos e poréns ainda podemos andar livremente sem sermos agredidas, vestindo o que bem entendermos e beijarmos o homem que quisermos na rua e isso não vai nos render uma tremenda brutalidade física e psicológica.

    Eu não pude escolher onde nasci, (né Gaby?), mas acho que tive sorte. Ou karma. Então, foi isso.

    ***********************

    Não é bem assim, mas eu achei uma graça ler isso aqui:

    “MULHER GORDINHA É IGUAL MORTADELA: REDONDINHA, CHEIA DE GORDURINHAS, QUEM COME, ADORA, MAS NÃO CONTA PRÁ NINGUÉM!”

    “MULHER MAGRELA É COMO FOLHA DE ALFACE, “VERDE”, “CHATA”, “SEM SABOR”, SERVE PRA DECORAÇÃO, E TODO MUNDO DIZ QUE COME!”

    Recomeço e Prioridades

    Recomeço e Prioridades
    Resolvi voltar. Apesar de nesse momento o emagrecimento ter ficado em segundo plano. Eu me permito agora até mesmo voltar aos noventa quilos iniciais. O maior peso que eu tive (visto na balança). Explico: quase por acaso eu estou há três semanas e meia sem fumar. O plano inicial não era esse, eu tinha pensado em emagrecer primeiro, depois parar de fumar, coisa que teria que fazer mais dia menos dia mesmo. Mas agora, depois desse tempo sem o cigarro, e vendo o tanto que é difícil, (especialmente para a mulher) largar o cigarro eu decidi acabar com essa história de uma vez por todas, aproveitar que minha vida está bastante tranqüila para sair de vez dessa e daqui a um tempo retomar o plano de emagrecer.

    Não vou deixar esse blog nem o Aprendizado, mas eu já sei que vão existir momentos em que vai ser muito complicado não encher de chocolate, não jacar. De ontem pra cá eu comi 15 (QUINZE!!!)prestígios.

    Mas esse blog é uma ferramenta de controle muito boa. Estou precisando de voltar a praticar o Qi, mas não faço isso desde o dia 11/12 porque não quero misturar as coisas. Senão a cabeça fica muito sobrecarregada. Agora eu vou me mobilizar para largar o cigarro, isso é prioritário. Mesmo tendo engordado bastante. Digo bastante pelo ritmo em que eu estava emagrecendo. Mas eu sou nova ainda, essa fissura do cigarro vai passar logo e eu vou voltar a me concentrar no meu processo.

    Vou ser condescendente comigo, pois parar de fumar é algo muito difícil (no meu caso muito mais difícil do que emagrecer), e se eu conseguir largar o cigarro sei que terei forças para qualquer empreitada a que me propuser. Então é isso. Vou postar aqui, até mesmo para não trocar uma compulsão por outra. Eu quero resolver mesmo esse problema da “oralidade”, essa inquietação oral, que ainda tenho, como chama o Flávio Gikovate. Não quero trocar o cigarro pela comida, pois aí não terei resolvido nem uma das duas coisas. É dependência do mesmo jeito…

    Eu sei que largando o cigarro a tendência natural é engordar mesmo, muda o metabolismo, além do mais, eu já li em algum lugar que cada cigarro queima um número x de calorias. Mas é uma forma terrível de queimar calorias.

    Enfim eu quero recuperar a calma e a serenidade que eu perdi em algum momento e vou me esforçar para isso esse ano. E claro, recuperar a saúde, a boa forma…

    Saí de um ano de muita crise, um ano complicado que quase teve um desfecho complicado também, me estressei muito, mas esse ano não quero que seja assim. Eu sei que sou capaz de retomar a minha serenidade, meu equilíbrio, mas preciso me concentrar. Então vou continuar aqui refletindo sobre a comida e sobre o Aprendizado. Até para não me descontrolar tanto.

    Então vou continuar colocando o peso semanal, vou tentar comer as porções de frutas, verduras e legumes diárias e beber água, o que já está incorporado. Também já saí bastante de uma certa cultura de preguiçosa, de ficar pedindo tudo, de ter preguiça de ir buscar as coisas que quero, e isso já vai me ajudar a não engordar tanto. Também vou retomar a ioga semana que vem, quando volto a trabalhar e aproveitar que no meu serviço tem ioga.

    Bem pra começar o ano é isso, não entreguei os pontos, só mudei as prioridades. Temporariamente.

    O Qi mental…


    Então meninas, sobre a consulta do Qi….

    Como disse, basicamente é aquilo mesmo que está nesse link. Fazer isso já é quase tudo, obviamente seguido de uma reeducação alimentar, estilo de vida saudável, todo aquele caminho que estamos mesmo tentando trilhar…

    O que foi passado a mais vou tentar resumir abaixo, se ficar alguma dúvida, pergunte, que o que eu souber eu digo.

    O mais importante de tudo é visualizar, é tentar ver a imagem mesmo. Por exemplo, é preciso criar uma espécie de filme mental com detalhes da imagem que você quer ter.

    Quando forem fazer pela primeira vez (ou mesmo se estiverem recomeçando), é bom deixar a imaginação um pouco solta pra que a imagem que apareça primeiro (aquela do modo como você se imagina perdendo gordura) seja uma imagem espontânea, pegue essa imagem, mesmo que no começo ela seja esquisita.

    Isso é porque o inconsciente tem sua própria noção das imagens às quais melhor se adapta. É bom também que a imagem de você magra seja uma imagem feliz, procure se ver sempre sorrindo e sinta-se interiormente feliz, pois segundo o médico o inconsciente tende a se apegar naquilo que melhor preserva a espécie e nada melhor para a preservação da espécie do que a felicidade.

    É importante também que durante as refeições ou um pouco antes você tente se lembrar de algo tipo assim: para estocar alimentos eu tenho armários, tenho a geladeira, tenho minha fruteira, existem lojas, mercados, padarias, lanchonetes, etc.. Eu vivo num país onde os alimentos são abundantes o ano inteiro e é melhor consumi-los frescos, não tenho que ficar estocando nada, muito menos dentro do meu corpo. Isso é para que você vá eliminando aos poucos do corpo a necessidade de guardar comida na forma de gordura. A gente precisa se acostumar com a idéia de que a comida não vai faltar, que não estamos mais na era glacial onde comida era um imperativo, e que a ameaça de morrer de fome é coisa do passado.

    Segundo o Dr. João Yokoda , o excesso de peso está muito ligado ao medo, não direta ou conscientemente ao medo de morrer de fome, mas qualquer situação de medo pode desencadear um medo ancestral que é esse tal medo de morrer de fome, ou seja; morrer de fome é o medo mais antigo da humanidade, fomos uma sociedade de caçadores e coletores por muito, mas muito mais tempo do que de agricultores ou criadores de animais, ainda não deu tempo desse receio desaparecer de nossa herança genética.

    E por falar em genética, os obesos são mais bem sucedidos que os não obesos do ponto de vista da evolução, pois foram os que melhor se adaptaram a necessidade de estocagem de gordura e conseqüentemente de proteção sua e da espécie.

    Então na verdade a questão é meio que informar ao nosso corpo (através do inconsciente) que esse medo já não faz mais sentido atualmente, que nós podemos eliminar a gordura tranqüilamente sem que isso represente um perigo para a sobrevivência, seja a nossa ou a da espécie.

    E o processo do Qi deve ser feito quando a gente está o mais relaxada possível, pois (e isso todo mundo que entende um tiquinho de meditação sabe), o acesso ao inconsciente é mais facilmente conseguido durante a fase de relaxamento, onde o instinto lutar-ou-fugir não está tão ativado.

    Sobre os remédios para emagrecer (do tipo anfetaminas e derivados, não os sacietógenos), no entendimento dele são perigosos porque mais do que os efeitos colaterais que todos sabemos ser bem punk, eles deixam o corpo num estado que o inconsciente lê como sendo de fome permanente, (mesmo que a gente não sinta a fome), é como se o corpo estivesse em alerta máximo para sobreviver, gerando além de tudo mais adrenalina e cortisol. E daí, quando se interrompe o uso dos remédios é como se o corpo fosse obrigado a tornar o metabolismo e a queima de gordura ainda mais lentos, fazendo com que a gente engorde tudo de novo e mais um pouco. Não é que os remédios (repito, as anfetaminas e derivados) em si provoquem esse efeito, é o corpo que entende estar em situação de perigo. E entende que precisa estocar ainda mais gordura.

    Sobre os exercícios físicos (obviamente ele entende serem muito importantes) também disse que quando estivermos fazendo é bom pensar na imagem de eliminação de gordura, tipo visualizar que o exercício está queimando ou derretendo, ou seja lá o que for, a gordura, que ela está sendo eliminada fisicamente, literalmente, do corpo. Durante os exercícios não é necessário fechar os olhos nem fazer o ritual todo, até porque dependendo do exercício nem tem jeito, é só em algum momento da prática imaginar e visualizar isso.

    Ele disse também que quando a gente for colocar imagens da gente magra para dar incentivo (tipo colocar foto na porta da geladeira, ou em lugares que a gente quer ver pra lembrar) é imperioso colocar fotos sorrindo, por causa do que já disse, o inconsciente precisa associar o corpo esbelto com saúde e felicidade.

    As outras recomendações têm muito a ver com a medicina chinesa, ou seja, evitar corantes e conservantes, tomar muito chá, muito líquido, evitar refinados, enlatados e embutidos e etc… Aquela história mesmo da alimentação saudável.

    Ah, e outra coisa, especialmente para as meninas que não gostam de chá verde: ele disse que qualquer chá é bom, mas o que tem o efeito mais parecido com o verde é o chá de hortelã que além de ajudar muito na eliminação de peso, ainda é anti oxidante, combatendo os tais radicais livres.

    Outro ponto é que (no começo pelo menos) devemos manter um horário fixo para as alimentações, para não dar o sinal para o inconsciente de que o corpo está em perigo. Essa recomendação é muito importante e ajuda a otimizar o processo todo.

    Acho que é isso, quem ainda tiver alguma dúvida, grita aí que se eu souber estamos as ordens. (Se eu me lembrar de mais alguma coisa, também eu venho aqui e completo). Até porque para mim conhecimento só faz sentido se for compartilhado.
    E afinal somos uma irmandade do anel mesmo, né não?

    Estamos aí pra nos ajudarmos e crescer esbeltamente juntas, ok?

    Beijos em todas.

    P.S. Lembrei de uma outra coisa, se você colocou a primeira data como, digamos, o próximo ano-novo e sentir que quando estiver chegando lá não vai conseguir, não mude a data antes dela chegar, espere o dia tal chegar e só então refaça o prazo, porque segundo o Dr. João Yokoda, o inconsciente não entende dois comandos distintos de uma vez e aí trava, não indo a lugar nenhum, preferindo deixar tudo como está. Então espere o dia chegar e só então refaça o filminho do final.

    Também quando terminar lembre-se da data atual em números mesmo, para que a ponte consciente/inconsciente seja estabelecida.

    ***********************************************



    Agradecendo, porque agradecer é viver, quem tem gratidão no peito é mais feliz…
  • Beth, seus comentários aqui tem feito um bem enorme para mim, sua delicadeza e sabedoria são sem palavras, obrigada, não podia deixar de agradecer publicamente, afinal, seu blog, sua história e seu exemplo foram dos maiores incentivos pra eu fazer esse aqui e ver que também sou capaz.
  • Gaby, você com todo esse entusiasmo e me puxando pra frente assim, é também um forte motivo pra eu não desistir e jogar a toalha. Thank you…
  • Eu e a Dona Felicidade

    Eu e a Dona Felicidade

    Cada vez me entendo menos. Entrei em curto-circuito!!!

    Vai ver é que eu tenho uma bela veia sadomasô e não me dava conta…

    Olha só, eu tava indo bem, fiquei felicíssima com o resultado dessa semana, fui viajar duplamente animada, porque tinha emagrecido e porque ia poder continuar no Aprendizado numa boa, já que a maravilhosa comida da minha sogra é super leve, ultra saudável (nunca vi um almoço feito por ela que não tenho no mínimo quatro qualidades de legumes e verduras diferentes). Mas alguma coisa me fez surtar, acho que eu tenho um problema muito sério com a tal da dona Felicidade. É triste, mas eu afundei na jaca esses dias, aparentemente sem razão nenhuma, estava tudo bem!!! Eu fiz cada uma que até Deus duvida. A calça que eu fui viajar na volta estava mais apertada. Eu não pesei, que hoje não é dia, sei que engordei. Fiquei arrasada, não tinha porque eu fazer tanta coisa pra me sabotar.

    Aí lembrei da minha terapeuta mandando eu ler um texto do Freud que chama “Os Arruinados pelo êxito”, e bingo! Lá vem a minha parte derrotista de novo… Vou explicar melhor: Não sei porque cargas d’água, eu tenho problema sério com aquilo que (nem que seja aparentemente) é fácil. Parece que eu tenho um complexo de mártir que vai acabar me estrepando se eu deixar! Pensando sobre o que aconteceu esses dias (eu cheguei ao cúmulo de comer dois sanduíches cheddar de uma vez. Não que isso seja assim tãããão terrível, mas nem nas piores épocas eu fazia isso). Eu saí da casa da minha sogra e fui comer porcaria fora. Me afundei no chocolate, em sorvete, em todas as coisas que eu sabia iam arruinar o resultado conseguido. Não pratiquei o Qi nem uma vez. Isso tudo porque alguma parte muito obscura e fdp do meu inconsciente achou que como foi “fácil” perder esses quilos (o Qi certamente ajudou, eu não fiquei morta de fome e ainda cometi alguns deslizes) eu não merecia colher os louros dessa “vitória”.

    Hoje já chorei muito, fiquei mal mesmo. Mas Resistência é meu segundo nome, e quero ver quem (mesmo que seja eu mesma) vai me fazer desistir!!!

    Aí me lembrei porque nunca dava certo com os Vigilantes do Peso, (devo ter entrado umas oito vezes) porque lá se a gente seguir legal, não passa fome, não sofre tanto. Daí meu inconsciente acha que daquilo que não é sofrido, sacrificado, conseguido com o coração sangrando, eu não posso ser digna. Parece que eu tenho que sofrer e não basta ser pouquinho, tem que ser muuuuito. Olha que caldo isso não dá pra um psicanalista?

    Mas ainda bem que lembrei disso a tempo, sei que nem tudo está perdido, afinal eu também tenho meu lado herói. E posso ser alguém que vai fazer diferença. Não no mundo, não pros outros, mas fazer diferença pra mim mesma, pro meu filho, meus amores.

    Quero atravessar a jornada no vale das mil tentações saindo salva, linda, leve e magra, e quero ver se não boto tudo a perder como de tantas outras vezes.

    Cheguei a pouco, estou meio baqueada ainda, não consegui tomar a minha decisão cem por cento. Então depois passo pra visitar todo mundo com calma.

    P. S. E tem mais uma coisa, eu não ia dizer isso porque pode ficar parecendo propaganda, parecendo que eu estou ganhando algo com isso e não é verdade, mas aqui é meu cantinho, eu tive vontade e vou dizer sim. Eu fui a Sampa, entre outras coisas para me consultar com o médico que inventou o Qi Mental. Meu raciocínio foi o seguinte: se eu sem conhecer o método na sua inteireza, já vi benefícios óbvios dele, porque não ir falar com quem praticamente inventou a coisa? E basicamente é aquilo que está lá no link mesmo, que as revistas publicaram, só com algumas coisinhas a mais que ele passou, tipo mais personalizadas. A consulta é carésima, como já era de se esperar.

    Ele é um médico de uma linha mais holista, tenta entender a pessoa, não a doença, e a consulta dura muito tempo, você esclarece bem as dúvidas. E ele dá uma aula sobre a obesidade (do ponto de vista de sua linha de medicina, óbvio). Pra mim fez muito sentido, muito mesmo, mas eu sei que não vai fazer pra todo mundo que tá tentando emagrecer.

    Novo peso

    Novo Peso
    Nem acredito que no meio de tanta turbulência eu consegui perder quase um quilo! Achei até que a balança estivesse errada, pesei de novo, outra hora, depois em outro lugar, é incrível! Com tantos deslizes que eu nem tive coragem de postar o cardápio aqui. Mas na verdade não tem nem comparação com o tempo em que eu deixava correr solto. Pelo menos eu controlo as porções e não me afundo mais em chocolate. É por isso que mesmo não estando ainda nos trilhos direitinho eu não vou desistir, tá tudo sinalizando que é pra eu continuar.

    Ainda não tomei minha decisão e estou aflita por isso, mas não estressada. Não vou me desgastar além do necessário, não nas minhas férias.

    Hoje vou pra Sampa e volto domingo. É bom que pelo menos vou viajar feliz da vida.

    Quando voltar respondo aos comentários de novo, ok? Gaby, gostei muito das dicas do seu último post. Ana San, obrigada pela resposta sobre sua dieta. Ester, te mandei o email com o programa ok? Val, demais o post sobre a auto estima, é isso mesmo que a gente tá precisando de ler.
    E a todas as outras um abração, continuem firmes que o caminho é mesmo assim cheio de tropeços.
    Mas nós continuaremos aqui, prontas para outra, certo? Quero ver quem é que vai nos fazer desistir. Alías, tem uma música linda do Chico Buarque e do Tom Jobim, cantada pela Mônica Salmaso, chamada “A Violeira” que pode servir de inspiração pra quem tá meio desanimado. Essa música fala da força, da luta e da jornada de uma mulher nordestina. Quem quiser escutar, vale a pena.
    Beijão e fiquem bem.

    Tempo de perdoar

    Tempo de perdoar
    Nesses tempos de decisão, de recomeços, daquele sentimento que sempre atravessa a gente no fim de ano, eu, ainda mais reflexiva que o normal (devido às decisões que tenho que tomar) andei refletindo sobre a culpa que pesa muitas vezes naturalmente sobre as mulheres. Culpa de muita coisa, culpa de não ser mais magra, culpa de comer o que não devia, culpa de trabalhar fora e ter que se ausentar da companhia dos filhos, culpa de trabalhar demais, trabalhar de menos, enfim o cardápio da culpa é extenso e podem ter certeza que engorda. E muito.

    Decisão.

    Decisão
    Quando eu disse ai aí pra baixo que a nossa luta pelo emagrecimento poderia ser equiparada à jornada do herói, juro que não estava esperando ter que tomar em alguns dias uma decisão que provavelmente vai alterar TODO o rumo da minha vida.

    E conseqüentemente da vida do meu filho e marido.

    Só mesmo respirando fundo e tendo muita força para seguir em frente com o Aprendizado. E tentando lembrar que qualquer jornada heróica é assim mesmo, cheia de percalços, dragões e sereias cantando. Tentando não perder o foco, como diz a Beth. Forçando minha cabecinha a pensar que o pote de ouro está lá ao fim do arco-íris aguardando reluzente.

    Segue-se então que eu (de novo) não controlei o que comi hoje nem ontem, mas apenas em qualidade, não em quantidade, essa está bem controlada.

    Ontem também, eu que sou metida a fotógrafa amadora, inventei de fazer uma sessão de fotos com algumas crianças de seis anos. Imaginem vocês controlar sete crianças de seis anos de idade durante cinco horas! Acho que queimei umas boas calorias, além de ficar com as mãos e cabeça devidamente ocupadas, com uma coisa que me alegra e me distrai.

    Acabo achando que a arte e o lúdico também são remédios bem eficazes contra a obesidade.

    Quarta- feira tenho que ir a SAMPA. Vou ficar até domingo. Nossa eu amo São Paulo. E a minha sorte é que a comida da minha sogra além de ser divinamente deliciosa, é super light, comida japonesa, mas bem do jeito dela, sem fritura, sem gordura, muito peixe, muita verdura, legume, muita fruta. Vai ser ótimo.

    A sua fome

    A sua fome

    Eu tenho fome de pão, de afeto e de bondade.
    Tenho fome de beleza, de arte e de sorrir.
    Tenho fome de correr, de damasco e de caju.
    Tenho fome de voar, fome de subir e fome de morango.

    Também tenho fome do porvir, fome de escutar e fome de crescer.
    Eu quero doçura, caloria e poesia.
    Eu quero arroz, quero feijão e quero um pouco de solidão.

    Mas eu quero um tantão de amor, de calor e de sorvete.
    Eu quero água, nutrientes, quero paixão.
    Eu tenho a fome do espírito, tenho dentes afiados.

    Eu quero ser, quero viver, mas quero doer.
    Eu quero meu corpo em dia, mas quero minha alma inteira.
    Eu tenho a fome dos justos, dos desvalidos, não sou só pão.

    Minha fome é antiga, minha língua quer sentir
    todo sabor toda cor, toda comida
    que engrandeça a alma, que emagreça o corpo,
    Mas que alimente o espírito.

    Também tenho fome de beijo de abraço e de livro bom.
    Faz falta em mim sua música, perfume e ilusão.

    Eu sou faminta de selva, de cinema e de licor.
    Tenho suor feito de óleo e lágrimas de folhas de louro.

    E sem dourar a receita, você tem fome de quê?

    ***

    (Evel)

    ****************************

    Hoje:
    Jejum total até as 12:00, por conta de exames e de um mal entendido do laboratório. Ninguém merece.Beleza.
    Almoço:
    Arroz, duas porções, meia porção de feijão, pimentão, tomate, um bife de lombo bem fino e sem gordura.
    Lanche: Uma banana
    Café da tarde: 1 xícara pequena de café com açúcar (sem açucar ainda não tomo).
    dois pães sem miolo e meia colher de requeijão light.Uma laranja.
    Ainda tem ponto pra consumir, porque fiquei o dia todo fora de casa. Andei feito uma maluca, mas pelo menos não fiquei parada.
    Água: já tomei seis copos.
    Devagar vou melhorando a cota de frutas e verduras.

    Agora é pra valer

    Agora é para valer…
    A pesagem de hoje, oficial, é que vai me orientar daqui pra frente. Meu dia de pesagem é quarta feira,que é meu dia de sorte. Também é meu primeiro dia do ciclo, dia de renovação física, mental e espiritual.
    (Que bom que nós mulheres somos cíclicas, a cada mês temos a chance de nos renovar…)E também é o primeiro dia das minhas tão sonhadas FÉRIAS!
    Então a balança acusou hoje 83,8!!! O que significa que esse blog está dando resultado, que o QI mental funciona mesmo (já tinha me ajudado a perder 5kg anteriores), e que talvez eu já esteja começando a pensar magro. Não é bom?

    Sem tesão não há solução

    ****************************************

    Sem tesão não há solução

    Depois de dias de preparação, adiamento, confusão, gente hoje eu entrei para o Aprendizado de vez. É, eu relutei em falar e admitir isso, tinha aquela vozinha na minha cabeça dizendo, não ainda não, se vc disser isso em voz alta vai se comprometer.

    Mas hoje eu tava pensando nisso de novo e de repente me vem a musiquinha da jaca na cabeça e eu digo, ora bolas quem tá falando aqui na minha cabeça é a Dona Jaca! Ah, cara eu não sou escrava da jaca, vade retro!. Até quando eu ia adiar essa decisão? Então é AGORA, vou prestar atenção dia todo e vou conseguir.

    Ficava enrolando porque eu não queria me comprometer. E gente, dá pra fazer alguma coisa bem feita na vida sem se comprometer?

    Não é uma questão de ficar fanática, obsessiva com o assunto, só pensar nisso, mas tem que colocar paixão.

    Já não dizia um cara aí que sem tesão não há solução? E agora caiu mais essa ficha, eu estou é me apaixonando por esse Aprendizado. Né verdade que tudo na vida que a gente faz com paixão fica mais bem feito, dura mais e dá mais resultado? É só olhar quem é apaixonado por sua profissão, por seu hobby. E quem acabou de se enamorar de alguém? Não é uma coisa linda de se ver?

    Acho que o olho tem que brilhar quando a gente pensa no assunto, quando a gente conversa sobre ele. E agora ao invés de encarar a coisa como tortura, restrição, resolvi encarar com tesão, pois gente, se eu não me apaixonar por mim, já que o Aprendizado é meu, como é que vai ser? Basta um pequeno grande desvio no modo de encarar a coisa. Então a questão é bem mais embaixo do que simplesmente emagrecer. Olha só, não é legal crescer?

    ****************************************

    Exercitando o pensamento…


    Exercitando o pensamento
     
    Por causa de um livro que estou lendo, “Gordura é uma questão feminista” hoje fiquei refletindo sobre um lance que também tem a ver com um comentário que a Gaby fez num post aí pra baixo.
    A Gaby falou assim: “Nao se cobre tanto…eu ja fiz plásticas, tratamento ortomolecular, acupuntura e nada deu grande efeito. Porque? Porque eu não estava aberta. Porque eu estava preocupada com o momento: uma festa pra brilhar, um casamento pra ir, um namorado pra agradar, opiniões alheias pra acalmar. Eu queria o agora e vejo que emagrecer é um sempre e um todo.”

    Fiquei matutando sobre isso, sobre o livro e pensei: porque será que esse tanto todo de dietas, programas de emagrecimento e afins tem uma taxa boa de sucesso, mas tantas vezes fracassa na manutenção?

    Nós mesmas não conseguimos (um tanto de vezes) emagrecer e depois engordamos tudo de novo ou ainda mais? E ainda seguindo o fio da meada, será que isso não acontece porque esses programas, dietas e afins raramente atacam questões mais fundas que estão por trás da compulsão alimentar. E duas dessas questões são a vivência da fome para cada uma de nós e a necessidade (às vezes tão desesperada) de acabar com esse comer descontrolado.

    Acho que nós “gordinhas” não temos tanta consciência do mecanismo da fome real (o corpo sinalizando que falta comida) como as pessoas de peso “normal” (ai, eu detesto essas classificações, normal, anormal, mas não acho outro termo agora).

    Pelo menos não ainda, e é por isso que lutamos. Mas acho que a comida assume um papel tão grande que a gente chega num ponto em que não sabe mais distinguir essa fome real. Aliás, a gente come de tal maneira que nem dá tempo ao corpo de sentir fome física. E nessa brincadeira acabamos classificando a comida de maneira errada. Um sundae vira pecado mortal, um chocolate um crime, uma comida frita então é um caso de polícia!

    E sabemos também que não é por aí, não precisamos decretar nosso julgamento, nos dar a pena e nos aprisionar numa vida de restrições, culpas e punições. (Hoje minha veia psicanalista atacou) Dieta acaba virando camisa de força moral. Nós nos aprisionamos e deixamos os outros nos aprisionarem.

    Ah, fala sério, quantas de nós já não teve uma vergonha bem real, bem palpável, quase criminosa de comer em público algo declaradamente engordativo? Eu mesma anteontem (aí que jaca!) me peguei indo esconder um cheddar lá nos banquinhos do fundo do MC Donalds, e de costas, pra ninguém ver.

    E como é que fica, nisso tudo a redescoberta da fome verdadeira (fome física), a descoberta do que a gente de verdade gosta de comer, quando a gente gosta de comer e como a gente gosta de comer? E não os sentimentos que a gente come?

    Talvez essa “pensação” toda seja contraproducente para quem quer emagrecer rápido, quer ver o resultado logo na balança.

    Mas eu não consigo colocar nada na minha vida sem refletir exaustivamente sobre aquilo e não vai ser diferente com o emagrecimento. Muito pelo contrário, acho que se a gente descobrir de verdade aquilo no comer que não é só o vício, mas o gosto real, o emagrecimento será mais duradouro. Por isso é preciso ouvir o corpo e por isso eu gostei tanto do que a Gaby disse “Eu não quero mais dieta da lua, do abacaxi, do jejum, do arroz integral…quero a minha dieta, que cabe na minha vida, no meu bolso e no meu momento. Eu quero brilhar. Eu também quero e quero brilhar de modo duradouro.

    E é por isso que deixei de chamar esse processo todo de reeducação, de dieta, de programa de emagrecimento (nada contra quem chama assim, é só o meu jeito) mas agora para mim é o Aprendizado. Ainda bem que eu arranjei esse nome, pois sou viciada em aprender, acho que até mais do que em comer.

    Obrigada a todas que vieram me visitar, adoreeei, já estou me sentindo em casa!!!
    Beijos a todas.

    P.S. coloquei um novo sistema de comentar, que acho é mais fácil, pois não precisa ficar contando caracteres e todos os comentários aparecem na mesma página. Quem quiser me fazer feliz:o)

    ****************************************

    Gente eu não ia pesar, até porque não fui pra parte prática do Aprendizado ainda, mas não resisti! E olha que o fato de eu estar anotando tudo, (que por si só já faz a gente se segurar um pouco) essa “pensação” toda, junto com os incentivos, e a água acabou funcionando? E eu estou em semana de TPM, que sempre me engordava! Nem acredito! Ai Jesus, dissolvi 600 gramas! Que delícia!

    Turma

    Turma
    Nossa, como eu li post e comentário bom por aí hoje!!! A Gaby, a Beth, a Ana San… Adorei as reflexões, e vejo cada vez mais como essa teia que vai se definindo aos poucos de pessoas com objetivos parecidos faz bem pra gente, como é motivador. E um agradecimento da Marina me fez pensar isso, como é bom ter apoio. Principalmente eu que estou na vida de blogueira há pouco tempo, tentando me disciplinar, me fazer diferente..

    Pensando alto

    Pensando alto
    Será que existe algum medo (meio subjacente) de ficar magra?
    E se existe, porque ele está aí? É engraçado a gente se sabotar tanto, engraçado a gente cometer os mesmos erros todos os dias sabendo que está errando… O ser humano é curioso mesmo. Qual será o medo real embutido por trás de não conseguir emagrecer? E será que é medo realmente? Eu vejo gente que é teoricamente fraco diante da comida (como eu) e são umas fortalezas para coisas muito mais complicadas para a maioria dos mortais (ditos) normais. Então certamente não é uma questão de fraqueza de caráter, embora sejamos toda hora bombardeados com essa mensagem. O que será então? Bem estou só pensando alto…

    A reeducação por escrito (01)

    A Reeducação por escrito (01)
    Agora, rumo à dieta (dieta não, reeducação alimentar), enfim!!! Vamos escrever, porque, como diz outra blogueira light, a Gaby, escrever emagrece!
    Programa de cores
    São três as cores que vamos seguir. A inspiração é o semáforo e o programa tem analogia com ele.
    Assim, são três grupos de cores, vermelho, verde e amarelo.


    Verde – Os alimentos do grupo verde são de consumo mais livre, são os que têm menos calorias e são ótimos para a saúde. São as frutas, verduras, ervas, temperos e algumas bebidas.


    Amarelo – Esses os alimentos (que são a base do programa) e seu consumo variam de acordo com a quantidade de quilos que se quer perder. Neste grupo estão os carboidratos, os laticínios, os frios, as carnes e alguns alimentos mais oleosos.


    Vermelho – Estes são os alimentos que se deve consumir com muito cuidado e atenção, são o tempero da reeducação. Esses são os itens com os quais se deve tomar mais cuidado.

    Na minha reeducação, eu tenho que comer diariamente:

    3 porções do grupo verde (mínimo de duas)
    11-12 porções do grupo amarelo, sendo obrigatoriamente uma porção de gordura.
    8 porções (no máximo ) do grupo vermelho POR SEMANA

    Em Forma de Dentro para Fora


    Do livro “Em forma de dentro para fora”, de Victoria Moran
    516dNOZFTYL01. ACEITE-SE COMO VOCÊ É HOJE
    Se você não se aceitar como a pessoa que é,
    não viverá plenamente e, se não viver plenamente, terá de
    encontrar essa plenitude de alguma outra forma.
    ACEITAR QUEM VOCÊ É, DE CORPO E ALMA, não garante que você vá emagrecer. Contudo, isso a coloca na posição ideal para emagrecer — não apenas mais uma vez, mas de uma vez por todas. Se você não se aceitar como a pessoa que é, não viverá plenamente e, se não viver plenamente, terá de encontrar essa plenitude de alguma outra forma.
    Pode ser difícil aceitar a si mesma se você for uma pessoa obesa (ou se pensar que é), porque a cultura de massa veiculada pela imprensa e pela televisão sugere que ser gordo é abominável. Isso induz ao ódio por si mesmo, a mais comida e a menos exercício (“Não posso ser vista em roupas de ginástica. Vou fazer ginástica depois que eu emagrecer os primeiros quatro quilos”).
    Read more

    Inimigos da dieta

    ****************************************

    Inimigos da Dieta

    A ansiedade e o stress são inimigos mortais de qualquer dieta alimentar. Em sua maioria as pessoas abrem geladeiras e beliscam por pura compulsão. A primeira coisa a fazer é se questionar se realmente está com fome e se de fato estiver, o que comer para saciar essa fome.

    A melhor forma para não sentir a primeira tentação é comer regularmente entre os intervalos das principais refeições pequenos lanches (de preferência nos mesmos horários), sempre priorizando alimentos que nutrem, mas não engordam. No início é mais difícil, mas com força de vontade e determinação o hábito cria raízes e com o tempo fica bem mais fácil.

    Nutricionistas recomendam frutas, barras de cereais, iogurtes, biscoitos ou torradas e alguns tipos de queijos. Mas não esqueça que todos os alimentos devem ser naturais ou light para manter cada lanche abaixo das 100 calorias.

    Algumas opções são:

    02 biscoitos de água e sal com uma colher de chá de requeijão light

    01 suco de morango (c/ água e adoçante) com uma torrada grande e um polenguinho light

    01 fatia de melão ou abacaxi com duas fatias de blanquete de peru

    04 biscoitos maisena com uma colher de sopa de geléia diet

    01 barra de cereais light

    01 pote de iogurte de frutas light

    01 goiaba, maçã ou pêra

    Por Patrícia Rodrigues

    Fonte:http://br.news.yahoo.com/articles/health/050322/36/sqde.html

    ****************************************

    A danada da disciplina

    ****************************************


    A danada da discilplina

    Então vamos lá, estou fazendo um caderninho para anotar tudo que eu como, isso é difícil pra mim, já que sou extremamente indisciplinada, mas afinal, quase todos os meus problemas existem porque eu sou indisciplinada. Mas pra emagrecer é preciso ter disciplina, então essa primeira semana que vai de amanhã, (porque hoje já tá tarde), 13/11 até 20/11 eu vou escrever tudo que comer e os horários, vou tomar mais água, caminhar mais e também vou seguir uma dieta. Vou fazer o programa antigo do VP, das cores, que já não é mais o que está rolando, mas éo que mais deu certo comigo até agora, de tudo que eu já tentei. Não me adaptei com esse novo programa deles, mas é porque eu sou indisciplinada. O outro é um pouco mais rígido, mas combina mais comigo. Outra coisa que vou fazer essa semana é o Qi mental, vou tentar fazer as 3 vezes por dia e anotar. Por enquanto é isso.

    Roda Viva.

    ****************************************

    Bem, esse final de semana foi terrível, eu comi feito uma desesperada…Estava muito descontrolada.
    Estou fazendo uma bateria de exames, indo a médicos, e todos me dizem, tem que emagrecer!!! Eu sei, mas o que mais posso fazer? Bem, pelo menos dessa vez prometi que não importam quantos deslizes, eu não vou desistir. Mesmo que demore muito. Mas eu vou voltar a ser o que era. E preciso acima de tudo restaurar a minha saúde. além da auto-estima, que anda no pé.Aos poucos vou me organizar, fazer cardápio, essas coisas. Ainda bem que as férias estão próximas, vou sair dessa correria, dessa roda viva. Que seu eu deixar, vai me engolir.

    ****************************************

    É isso aí…

    ****************************************
    Música ajuda a perder peso
    10/19/2005
    A música não influencia apenas o comportamento, ela também pode ajudar pessoas com excesso de peso e que odeiam fazer exercícios a emagrecer, afirma um novo estudo. Pesquisadores americanos apresentaram o resultado de seu estudo com um grupo de mulheres obesas ou com excesso de peso durante uma conferência sobre obesidade encerrada na sexta-feira em Vancouver, no oeste do Canadá.

    A pesquisa mostra que as mulheres que caminhavam ouvindo um CD perderam mais quilos do que as que não escutaram música. As mulheres do grupo que ouviu música seguiram o programa de exercícios com mais assiduidade e a evasão foi menor, explicou Christopher Capuano, professor de psicologia na Universidade Fairleigh Dickinson, em Nova Jersey.

    “Caminhar com música realmente motivou as mulheres de nosso estudo e as estimulou a fazerem exercícios”, declarou Capuano durante a reunião anual da associação americana para o estudo da obesidade (Naaso). Capuano e seus colegas estudaram um grupo de 41 mulheres, durante um programa de 24 semanas composto por regime, caminhada três vezes por semana e reuniões semanais.

    Um dos principais problemas dos programas de perda de peso realizados por várias semanas é a grande evasão. A música pode ajudar os participantes a serem mais persistentes.

    Fonte: http://noticias.terra.com.br/ciencia/interna/0,,OI715496-EI298,00.html

    ****************************************

    Eu era assim…


    Eu era assim…
    Tem hora que nem eu mesma acredito.

    Fase de Manutenção


    Por enquanto estamos em fase de manutenção…
    Estamos tentando arrumar a casinha, e acertar com uma dieta.Está difícil, porque o meu cansaço chega a níveis alarmantes, mas não vou desistir. Não dessa vez. Não posso.Preciso começar a me cuidar, então o mais tardar segunda-feira estaremos começando aqui e na dieta pra valer. Não que eu esteja cometendo excessos, longe disso, mas ainda não decidi se sigo os pontos, se me inscrevo no VP, se tomo remédio…Estou tendendo a fazer a dieta dos pontos, vou tentar uns dias e ver se me acerto com ela. Enquanto isso, vou me animando, tem muito blog light legal, muita inspiração. Achei só uma pena agora que eu resolvi ser light a blogosfera não estar ativa. Mas como cada um tem seu momento e eu acho que agora é o meu, vamos lá, bola pra frente e ver no que dá.

    Gordura é uma questão feminista


    Estou lendo e gostando, nesse momento: Gordura é uma questão feminista, (Susie Orbach, Ed. Record, 1978) livro antigo, mas que fala bem do que o problema de ser gorda significa para uma mulher nos dias atuais. Achei esse livro num sebo no Salão do Livro em agosto, já comecei a ler há muito tempo, mas como sou leitora compulsiva, estou sempre lendo três, quatro livros de uma vez. Aí às vezes paro algum, depois volto. E apesar de não ser feminista xiita, gosto muito da visão que algumas feministas têm e acho que a contribuição delas para o entendimento da situação da mulher foi indispensável. Por isso de vez em quando tem algum livro feminista na minha cabeceira.

    Está escrito na capa do livro: Gordura não tem a ver com comida. Gordura tem a ver com proteção, sexo, carinho, força, autoconfiança e amor. Gordura é uma resposta à sua maneira como você é vista por seu marido, sua mãe, seu patrão – e por si mesma. Você pode mudar essa resposta aprendendo a diferença entre “fome de boca e fome de estômago, encarando a perda de peso como uma coisa boa e não como um castigo e se convencendo de que a comida não é sua inimiga.

    Eu e a moda atual


    Eu quero emagrecer, pois a moda atual está tão bonita e eu não posso aproveitar!!!
    Nunca gostei de moda, nunca dei a menor bola, tenho um estilo mais meu mesmo. Mas essa moda de agora é a que mais combina comigo!!! Vejo cada coisa linda e não posso usar, nem pergunto, pois além de saber que vou ficar horrível, sei que não tem o meu número.

    Os oitenta e cinco…


    Aí está o resultado trágico…
    A prova viva e palpável de que eu preciso emagrecer…

    Começo ruim…



    Já comecei mal, bem mal… Um copo de coca de manhã é péssimo. Eu tenho péssimos hábitos mesmo!!! Que faço?

    A ficha da coca-cola

    Só agora caiu uma ficha: Todo mundo sabe, eu também já sabia, mas agora de manhã é que me dei conta realmente: Um mísero copo de 200ml de coca-cola tem horrendas 260kcal! Não dá pra tomar mais, né? É realmente esse mundo não é para os gordos mesmo.
    Eu sempre acordo muito dolorida, inchada e desanimada por causa da artrite reumatóide, então acabei quase viciada em tomar coca-cola de manhã pra “acordar”.Mas agora acabou a festa. Passei pra light e aos poucos vou parar até com a light, mudando pra algum suco ou chá.

    Necessidade

    Preciso urgentemente emagrecer. Estou infeliz, alterada, minha vida piorou em TODOS os sentidos depois que eu engordei e a cada quilo ganho é mais infelicidade. Não vivemos num mundo para gordos, essa é a verdade. A sociedade é para os magros, a gordura é feia, socialmente feia.
    E a feiúra também não é sustentável socialmente falando. É muito difícil ser feia, especialmente para a mulher cujo valor é medido sobretudo por sua aparência.
    E o drama é que eu não tenho força de vontade, eu não tenho garra. Sou daquelas pessoas com estômago muito fraco para contrariedades. Já pensei muito sobre como é que se faz para adquirir essa tal força de vontade, mas não cheguei à conclusão nenhuma.
    Mas eu estou um lixo e não é exagero. Não só por causa da gordura, mas porque tenho SOP também, e essa síndrome com a qual eu fui a única premiada da família deixa certas portadoras muito feias. Isso acontece por causa da acne em excesso, pele oleosa, pelos em demasia.
    Sabe, nos tempos atuais é muito chato para uma mulher ser gorda, ter pêlos abundantes, ter acne em excesso somados a um cabelo indomável, feio, uma pele toda manchada, dentes amarelados. É um pacote difícil de disfarçar, de suavizar.
    E como eu estou com o amor próprio detonado, é muito difícil conseguir me cuidar para melhorar isso. Esse blog é uma tentativa de levantar o astral, de emagrecer e de ficar um pouco mais feliz.

    032

    Só para constar, o artigo sobre amamentação aí debaixo é da Revista Pais e Filhos edição de agosto de 2003

    031

    Mais um retrato do meu Toquinho; ele não é lindo?
    TAR006

    Nalu
    Comentários do post 13930020
    Oi Nalu… Muito lindo seu toquinho. Vim retribuir a visitinha. Beijos

    Paty e Dany | Email | Homepage | 21-11-2003 16:23:35

    022

    Buscas a perfeição? Não sejas vulgar, a autenticidade é muito mais difícil…

    Mário Quintana

    034

    É preciso muito pouco. A alegria está muito próxima. Mora no momento. Perdemos a alegria porque pensamos que ela virá no futuro, depois de algum evento portentoso que mudará a nossa vida.
    Rubem Alves

    030

    Um retrato do meu casamento para matar a minha saudade de um dos dias mais bonitos da minha vida…

    033

    21.11.03

    Isso foi o que a Ingrid disse sobre a escolha de uma maternidade para o pessoal da lista partonosso:

    que eu avaliava ANTES de estudar sobre parto:

    – Se era limpinha
    – Se tinha boa aparência
    – Se as pessoas eram simpáticas
    – Pra mim, tinha que ter a melhor uti neonatal
    – Se as pessoas que cuidavam dos bebês no berçário eram jeitosinhas
    – Se tinha estacionamento
    – Se era acessível
    – Se o quarto tinha televisão
    – Se o quarto tinha ar condicionado
    – Se o pai ia poder assistir o parto
    – Se tinha água quente no chuveiro

    basicamente nesse nível.
    Não que isso não seja importante, mas é que tem muito mais coisa MUITO mais importante. UTI Neonatal de última geração, pra grávida de baixo risco não faz sentido.

    O que eu avaliarei agora, depois que eu estudei sobre parto:

    – Taxa de partos normais x cesárea
    – Taxa de partos naturais (cócoras, na água, no quarto, etc)
    – Se tem cadeira de cócoras
    – Se tem banheira
    – Se posso levar quantos acompanhantes eu quiser pra ver/auxiliar o parto(doula, marido, mãe…)
    – Se é alojamento conjunto
    – Se o bebê vai direto pro meu quarto após o parto, ao invés de ir pro berçário
    – Se não dão complemento, e assumem livre demanda (só leite materno)
    – Se posso caminhar livremente durante o trabalho de parto
    – Se não fazem tricotomia/enema/ocitocina de rotina (tricotomia = raspagem de pelos, enema = lavagem intestinal, ocitocina = soro para acelerar contrações)
    – Se tem suíte para parto natural
    – Índice de infecção hospitalar
    – Se posso usar minhas próprias roupas ao invés das vestimentas da maternidade
    – Se posso usar o chuveiro livremente durante o trabalho de parto
    – Se posso parir no quarto se desejar, ao invés do centro cirúrgico
    – Observar a reação das enfermeiras em relação a presença da doula (algumas não gostam)

    Pq eu não me importei com isso na época?
    Pq eu pensava que toda maternidade iria fazer tudo para o meu bem, e que meu médico tinha escolhido aquela pq era boa.
    Bem… deve ter mais coisas, mas agora não me lembro.

    Bjkas, Ingrid
    http://www.partohumanizado.blogger.com.br

    028

    O MUNDO É GRANDE

    O mundo é grande e cabe
    nesta janela sobre o mar.
    O mar é grande e cabe
    na cama e no colchão de amar.
    O amor é grande e cabe
    no breve espaço de beijar

    Drummond

    021

    Meu garotinho está dormindo que dá gosto!

    029

    20.11.03


    Esse é o Tariq segurando um brinquedo e brincando pela primeira vez…

    028

    Hoje me deu uma vontade de ver Ally McBeal…
    Que saudades desse seriado, como eu gostava!
    Pena que acabou, não queria ver os episódios antigos, (tenho quase todos as cinco temporadas gravadas),
    mas um novo. É que além de ser um seriado ótimo, muitas coisas que se passavam com ela combinam com a história da minha vida.
    Só para dar um exemplo, no dia que passou o episódio em que ela fazia trinta anos, eu também estava fazendo 30.
    E no dia que ela ficou sabendo que tinha uma filha foi o dia em que eu fiquei sabendo que estava grávida.
    Pena ter acabado.

    027

    Ontem, bem no dia em que completou três meses, o Tariq segurou um brinquedo por um longo tempo pela primeira vez…
    Fiquei encantada, é claro.
    Nunca pensei que fosse me transformar numa mãe tão babona! Todas as mães são assim. E muitas pensam que não vão babar e olha ai…

    024

    Essa sou eu na melhor fase da minha vida.
    Estar grávida é bom demais, é um estado indescritível, é maravilhoso.
    Que saudade daquela barriga!

    020

    E esse é o meu maridão…

    026

    025

    19.11.03

    Hoje faz três meses que o meu filhote nasceu. Nossa parece que foi ontem que fiquei sabendo que estava grávida. E mais ontem ainda quando ele nasceu. Três meses de felicidade, mudança radical de vida e muito, mas muito muito amor. Amor infinito.
    Feliz Aniversário, Tariq. A mamãe te ama muito.

    018

    Esses são os meus queridos pais

    024

    17.11.03

    Acho que finalmente esse blog ficou com uma cara decente…

    017

    e o meu filhote, não é fofo demais?

    021

    16.11.03

    Aprender a conviver com o efêmero é uma das tarefas mais duras que a vida impõe…

    Marta Medeiros

    016

    Olha se a minha sobrinha não é linda?

    TN001

    Nalu, 02:06
    Deixe seu recado: 0

    015

    15.11.03

    Meu neguinho está tristinho sem o monitor dele…

    Nalu, 01:58
    está tudo azuuuuul

    Neguinho | Email | 15-11-2003 02:02:56

    014

    14.11.03

    Colo Vicia?

    Um dos grandes questionamentos dos pais, principalmente os de “primeira viagem”, é se o colo pode “viciar” o bebê. Bem, depois de tanto tempo cuidando de bebês e participando da rotina de muitas famílias, gostaria de fazer algumas afirmações e alguns questionamentos.
    No útero, o contato do bebê com o mundo externo está muito limitado pelo corpo da mãe e ele fica protegido de odores e sons que poderiam lhe ser desagradáveis. Além disso, a temperatura é perfeita: ele não sente frio nem calor; ele não sente fome; não tem cólicas…
    Mas, de uma hora para outra, ao nascer, o pequeno é bombardeado por uma variedade de cheiros, barulhos, sensações novas e isso deve ser extremamente desagradável, uma vez que ele precisa sentir-se seguro através do que já lhe é familiar.
    “Onde está o barulho do coração da mamãe?? Onde está aquela água quentinha que me envolvia?? Que vazio estranho é esse na minha barriguinha??”
    Bem, vocês acham que após viver nove meses no calor e segurança do útero, envolvido totalmente por um líquido, o bebê vai achar muito normal dormir num berço, que para ele, com certeza, é enorme e onde ele tem contato com novas texturas, onde tudo é novo e muitas vezes assustador?
    Acho que seria natural a consciência de que ele precisa de um tempo para se adaptar ao mundo externo, e isso depende de bebê para bebê, pois cada um é uma pessoa única e especial, com suas necessidades e potencialidades específicas. Creio que também não é difícil perceber que ele vai precisar de todo apoio e segurança que os adultos a sua volta podem oferecer.
    Embora tenha como principal forma de comunicação o choro, muitas vezes achamos que ele só pode chorar se estiver com fome, molhado, com frio, com calor… Bem, alguém pode alegar que ele é manhoso, ou seja, está chorando para enganar o adulto e ganhar um “colinho”. Não existe bebê manhoso! O bebê ainda não tem a capacidade de mentir e enganar que nós adultos temos. Assim que o bebê se sente em uma situação de angústia, ele usa o único idioma que conhece: o choro. Então, se ele está chorando, é sinal de que alguma coisa não vai bem. Isso não quer dizer apenas na parte fisiológica, como fome ou frio, mas talvez ele tenha ouvido um som ameaçador, como o bater de uma porta, que você, por estar acostumada, nem ouviu. Pode ser ainda que ele sinta saudades da sensação de segurança que o útero lhe proporcionava, e esteja sentindo um pouco de solidão.
    Qual a solução?? Colo nele!! Envolva-o nos braços, fale palavras bonitas ao seu ouvido, cante uma canção, explique que tudo está bem, que você está presente e que se importa com ele. Ele vai adorar e retribuir, creia nisso.
    O bebê é um excelente ouvinte e adora uma boa conversa. Bastam algumas palavras de amor e apreço para que esse ser tão especial aceite-nos como amigos e confie em nosso acolhimento.
    Pense no bebê como alguém que acabou de chegar de uma viagem muito desgastante, que está confuso e preocupado em saber se vai conseguir se adaptar, encontrar amigos, ser aceito. O colo seria para o bebê como uma afirmação de que ele pode contar com aquela pessoa. O colo é uma declaração de amor e amizade. É como chegar para um amigo adulto e dizer: “pode contar comigo quanto precisar. Eu estou aqui.”
    Se você não precisa saber que pode contar com as pessoas que ama, o bebê também não precisa de colo. Se ter bons amigos pode se tornar um vício, o colo também pode.

    019

    Essa menina linda é a minha primeira sobrinha. Com ela eu aprendi o que é amar uma criança.

    013

    Esse foi o e-mail que o Akio fez pra mandar pra todo mundo
    quando o Tariq não era nem nascido ainda…

    Olá!
    O que é o mundo moderno de hoje!
    Eu nem nasci e já tenho uma conta de e-mail… Que coisa!

    Só sei que os meus pais estão parecendo uns bobos. Acho que é assim que eles
    ficam quando estão felizes.
    Pelo visto o meu pai vai ser um papai babão. E minha mãe, então? Não consigo
    ver ainda, mas o seu sorriso vai de orelha a orelha, segundo o que meu pai
    anda falando…
    Isto tudo é porque no exame de ultrassom (o que me dá muitas cócegas. He!
    He! He!) de hoje descobriram que sou menino… (Mas isso eu já sabia! Por
    que não me perguntaram?)

    Aí, eles finalmente decidiram qual vai ser meu nome…

    Tariq Musashi Rodrigues Yasuda Pires Kawakami

    Gostei!

    gugu dadá, prá vocês.
    Tariq Musashi

    Nalu, 04:38
    Deixe seu recado: 0

    011

    Não conheço a chave para o sucesso,
    mas a chave para o fracasso é tentar agradar a todo mundo.

    (Bill Cosby)
    Nalu, 04:34
    Deixe seu recado: 0

    010

    Escrever nem uma coisa nem outra –
    A fim de dizer todas
    Ou, pelo menos, nenhumas.
    Assim, ao poeta faz bem
    Desexplicar –
    Tanto quanto escurecer acende os vaga-lumes.

    Manoel de Barros
    Nalu, 04:32
    Deixe seu recado: 0

    009

    não discuto
    com o destino

    o que pintar
    eu assino

    (Leminski)
    Nalu, 04:28
    Deixe seu recado: 0

    008

    As pessoas, minha filha, são como almanaques, você nunca encontra o que procura, mas sempre vale a pena dar uma olhada…

    Zelda Fitzgerald

    007

    não fosse isso
    e era menos
    não fosse tanto
    e era quase

    Leminski

    006

    Amigo? Aí foi isso o que eu entendi? Ah, não; amigo, para
    mim, é diferente. Não é um ajuste de um dar serviço ao outro, e
    receber, e saírem por este mundo, barganhando ajudas, ainda
    que sendo com o fazer a injustiça aos demais. Amigo, para mim,
    é só isto: é a pessoa com quem a gente gosta de conversar, do
    igual o igual, desarmado. O de que um tira prazer de estar
    próximo. Só isto, quase; e os todos sacrifícios. Ou amigo é que
    a gente seja, mas sem precisar de saber o por que é que é.

    Guimarães Rosa

    005

    TAR001

    004

    Cada amigo representa um mundo em nós;
    um mundo possivelmente inexistente até a chegada deles,
    e é apenas no encontro com estes amigos que um novo mundo se inicia.

    Anais Nin

    003

    De todas as coisas que a sabedoria nos dá para nos fazer
    completamente felizes, a maior delas é a posse da amizade.

    Epicuro

    002

    Depois que um corpo
    comporta outro corpo
    nenhum coração
    suporta o pouco.

    Alice Ruiz

    Nalu, em 11:24
    Deixe seu recado: 5
    Nalu
    Comentários do post 14795370
    Oi Nalu, obrigada pela visita no meu blog. O seu também é muito bom. Inté.adriana | Homepage | 06-12-2003 20:15:42

    oiieeeeeeee , passei pra te desejar um ótimo findi ! beijosssssssssssssssssLêda | Email | Homepage | 06-12-2003 10:54:41

    oi amiga , vim aqui retribuir a visita … rsrsrs já fui no blog do seu filhote tb , ele é lindoooooooooo ! parabéns , que Deus abençoe muito vcs ! já te adcionei aos favoritos , voltarei sempre que puder … beijosssssssssLêda | Email | Homepage | 03-12-2003 13:10:58

    Naluuuu, vim aqui p/ te mandar um beijinhoooo! Melhorars p/ seu filhotinho fofíssimo!!!Fabi | Homepage | 02-12-2003 21:37:45

    Nalu, Muito obrigada por sua visita em meu site. Adorei o seu blog. O seu pimpolho é muito fofinho e simpático!! Estou encantada, parabéns! Bjs Thaty e Vítor (com 32 semanas e 2kg300g na ecografia feita hoje)Tatiana Alves | Email | Homepage | 02-12-2003 19:44:07

    01


    Esse é um pedaço do lugar do mundo que eu mais amo.

    how are selective herbicides absorbed into a broadleaf weedlectins in green beanssccy pistol reviewjs bach cantata bwv 140sig sauer p229 elite priceelectro pneumatic paintball markerancaster hydrorayleigh boxing clubcome my way protojearthur wilson gwuraja ki aayegi baaraatinuvik weather historybenelli m2 14 inch barreljugo noni contraindicacionestuatsgenoise sheet cakephenethyl alcohol safetysasaco inc storepeta sheep shearing adgunpla londonkaren armstrong muhammad a prophet for our timeabruptio placentae medical managementhkey_classes_root remoteraccoon scent glandsworking rorschach maskeduardo diaz silvetiocado board of directorseliean61016 zip codescott stossel biographymimpi dreams gameplayvw 2276 reliabilityfurin cleavage site predictionpics of timothy mcveighcamden on gauley wv zip codenanotechnology antonymimam khaleel mohammedabou riad season 2 episode 26map of ancient pergamummossberg 22 plinkster high capacity magazinedaytrana manufacturerhow much protein is in a ostrich eggalexandria town talk classifieds petsmossberg 22 plinkster high capacity magazinepaisabazaar home loanpac 1 restriction enzymedr woolley hand surgeonsukhoi su 30mkkaner tree imagesrewalk robotics ipobrookpark fireworksm58 gunsonia lacenconvert moneyline to oddsdarkspore free download full version pcdioscorea japonica seedslynching niggersemma marrone l amore non mi bastapyramids of energy numbers and biomasssabel gonzales agepetit saint vincent island resortsaps pd scoresigma aldrich fortune 500bilateral sinonasal disease女子大 生 刺傷 事件was king tut murdered by aylectins in green beansgriffon bruxellois puppies uktsumkwe maplecrae waste my life lyricsus cellular 4g lte routeranthony t hinckschief wahoo is not racistgeorge hart csulbteracon montrealsig p226 scorpion for salestunned meat halal or harampaisabazaar home loanольга шувалова жена игоря шуваловаkosi flood 2008lee picariellokratos kills poseidonsemiology of graphics pdfpathfinder courtesanazael carreradomestic peace corps americorpsias 19 curtailmentgeorgsmarienhütte holding gmbhruger vaquero 357 bluedbarbra streisand barry gibb what kind of foolnez perce courthousethe threepenny opera the ballad of mack the knifeewing's sarcoma research foundationallergic reaction to leech biteworking in a coal mine lee dorsey lyricsportal vorwerk ukcoker quarterback alabamam1 messier objectwegmans ocean twpcuriozitati matematicemount diablo community collegesusan misner bikinivineyard vines campus ambassadorsb dissanayake homede lage landen financial services inc paschoharie central school district ny243 wssm ammo for saledax cobra chassisktm x bow crossbowheart pfo echocardiogramarma 2 operation arrowhead demoseedless concord grape vinesp&g classic gymnasticsgreat escape theater in fenton missourifnh usa five seven 5.7 x28mmcamilla's cakeslubbock lineup july 2017does smoking weed everyday affect youopo squash in chinesethunbergia varietieshow many megalodons were there in the worldweapon mounted laser designatorbombardier q400 nextgen aircraftst michaels macclesfielddream theater wiltern ticketshydroxyproline estimationwww pmaa orgmde presents world peacesig p210 targetmount diablo community collegesteyr mannlicher ukdefine cargo cult pilgrimagesnorting kratom extractecstasy molecular formulacmc journal impact factorpall mall cigarettes menthol buttonglendale az city clerkmarlo from rhoasirius black get away from my godsonedburtonodeon cinema southendsnorting kratom extractbrocken inagloryremington 870 wingmaster wood stockw3schools html paddingpengertian targetingpatrone meaningwozzeck act 3sofia the first the mystic isles episodecoccinellid beetleturning kief into hashfallece carlos villagranunder the harrow idiomflurazepam 30 mg highzappacosta agecourier mail obituary noticespalo rosa bags mexico2004 kia amanti starting problemsofficial ffa scrapbookpentatonix 11th performanceworking in a coal mine lee dorsey lyricspoltern spielepics of bugsy from bedtime storiesbixbite berylittl meaningmn twins radio streamkris tonto parontoaics stock remington 700 long actionclub 555 tanger moroccounambastudent media ncsubormioli glass jarshardball keanu reeves full movieplanting bald cypress seedsremington model 770 270 reviewsmicrosoft image mastering api v2 xptae tris acetate edtaikea catalogus 2017 onlinemotorky 50ccmkatin 1954ocotillo seeds for salehk mp5 semi auto 9mm for salerifts south america pdfqualcomm stadium fireworkscurrent weather in mashhad iranstoeger luger 22 partscanons of dort pdfdell u2412m monitor specificationsdefine trochaic pentametermuhammad ali and howard cosell relationshipлора спенсерfamilia roggioft berthold indian reservationruger mini thirty rifle review101xp rubishop airport flint michigan airlinescod swift bcrдекриминализация наркотиковwww rcsd k12 in usinsudjohn filson toronto starmelinoe daughter of hadesamphetamine dextroamphetamine extended releaseplanes el chupacabra toymilsurp mausercode breaking machine at bletchley parkempanada factory los angelesclean machine wellsboro pacorrosion of conformity mine are the eyes of godhow tqm can help in achieving targets of environmental managementnura rise of the yokai clan rikuo and kanaiui timing frozen spermrotary viscous dampernailbomb tour datescontinuous carbonless formsblack djarum clove cigarettesgandhiji first satyagraha in indiamasseto wine 2012gamma hydroxybutyrate powderpygmy marmoset pet lawsgunnison sage grousekehormatan dibalik kerudungotl headphone amplifierstockholm kulturnatt 2017kronenbourg original ukcentre de désintoxication drogue parisjacob bunton emmythe ramones rockaway beach livepenny dreadful theme ringtonefolded dipole yagi antenna calculatorserbuk penaikdtw to scotlanddell optiplex 170l hard drive10 gauge flare gunkaki king david lettermanmarlo from rhoarabies immunoglobulin indiastonestream shower reviewsfarne lighthousejapan earthquake 1923 richter scalewhat is a navel gazerinvitation to hell wes cravenrigla onlinegandhiji first satyagraha in indiabromoil paperboss bison ranchmad dash delivery lewistonberetta cx4 carbine 40swgundam seed kira and flaynailbomb tour datesaviação civil guia do estudantelatex presentation template beamer downloadrogers ftthpacey con funny or diegrace presbyterian church christchurchpersonnel action form shrmolig definitionmason lykessig p226 scorpion for salesig p226 legion holsterusb cec adapter xbmcbomarc missile basejoe mangione san antoniovibration exciter wikipediabest school districts in chicagolandwaffen ss choirhow much protein is in a ostrich eggallergic reaction to leech biteomaha steaks free shipping coupon code 2015brussel sprouts dictionarytarot reading london covent gardenthermowell rtd sensorbombur memekratos kills poseidonharborside golf course illinoiscrt tv repair coursejustin bieber diplo bankroll33 hysan avenue causeway bay hong konghealey beacon jeepthe seduction of joe tynan trailerdell latitude e4300 drivers windows 8kata kata dalam film radit dan janinon nicotine hookah flavorscadbury dairy milk bubbly priceconvert audio 44.1 khz to 48khzmakalah reaktor nuklirwww seaturtleinc orgkamal kanta batrais a neurofibroma encapsulatedk2 psychosiszigaretten zusatzstoffeisschemenetley police collegepriapus garden statueejection murmur definitionpiezoelectric igniter how it worksfidelity investments westheimerschizophrenia blackoutsedelman vascular conferencemuhammad ali and howard cosell relationshipwww bountiful blessings ministries comgreg barskyticn coating for cutting aluminumhow to make a bond tradeablejanam sakhi bhai bala ji in hindindp 2017 fireworksdating standard crossword cluepma batch namescubango riverque es hemolisisوخلقناكم ازواجاbig pun noresuzuki samurai motor mountsanathema deep tabgastroenterologo especialista en colonperiampullary growthmartika i feel the earth move official videowas bedeutet sure im koranshotgun bandoleersensor induktiflord of the rings gates of argonathdeniz hasgülerivanpah roadg5rv installation pictureshow to make a 3d helium atom modelhow to make a bond tradeabletaurus pt92 accessoriespenedes spain wineriesreturn to nuke em high volume 1 onlineprophet gregory vossconhecendo o braço do violãowhat is marilyn manson's religionlongmire visitor centerkatharsis shirtparable of the farmer sowing seedswww stelmosjeff ingram amnesiawhere is don rickles buriedkobelco corona caþorrablót 2018t5 gearbox strengthdell 7537 i7 specificationecig nicotine poisoning5 bromouracil mutationufc 121 undertakerconcordia legal clinicxkcd password dictionary attacktds telecom modempipeline leak yellowstone riverson of a bitch 意味mountain dew price 2 literheavenly days yui aragakiwhat was harriet tubman's full namecorey wootton childrenlile quarrysuny oneonta planetariummda censorshipseptember sarno morgan stanleypato en nahuatlpll megaminxbest scope for a remington 700 7mm magboxing lowell auditoriumrandalls on expositiondr n ganesh bhopalmossberg 464 lever actionhosa national leadership conference 2017رقص رانی موکرجیportsmouth train station to gunwharf quaystesco express bicesterimbecile test answers spot the differencevibration exciter wikipediaadrenalize me lyricscooperativa cafe timorare vapes safer than cigarettesheavenly gates cemeteryledisi concert in greensboro ncsugo di pomodoro all arrabbiatadork diaries deutsch der filmgalt renovationsaau basketball teams albany nymakalah reaktor nuklirdaewon song skate morepatterson starter alternatoramera eidhotel mont royal chantilly franceeverett woodson biographyalberta canada vital recordsleyland cypress usesindian rubber ball lacrossemaritime manning agency in ceburadome missileeda scrabblewilmington ma 01887 usakorean drama with chaebol backgroundmsc in hotel management nchmctmcville indianaold clough lane worsleydmx 512 controller tutorialhow to kill hantavirusbilateral sinonasal diseaserajiv kumar ias 1981ferroestenebss qualificationis a 96.6 temperature badpaolo nutini let me down easy mp3bergesen norwayzefiro italyyamaha fgx 730 reviewwilliam singe i alex aiono march 16howa 223 heavy barrelkratos kills poseidonnon nicotine hookah flavorsvickers viscount interiorvickers viscount interiorocotillo seeds for salepercentage of blood volume occupied by erythrocytestime blindness barkleylab diagnosis of hiv slidesharehss cardiologyintel core i7 3960x socketdolby encoder pluginking canute wavescolt 100th anniversary 1911 for saleargelati milanorowing pictogrampurna purushottam narayancimorelli heightkorean drama with chaebol backgroundclamav milter sendmailkosi flood 2008food poisoning incubation chartias 19 curtailmentreaganite republicanis vaping legal for minorsaguilas del america new jerseyitnaiyograj singh ageoasi contributionreturn to nuke em high volume 1 onlineаркадий северный караванdo waqt ki roti shayariwilkes barre scranton penguins scoreadlertagprepar3d controlsacer pew71 reviewrcss torontoreactive armor tilesarsenal season ticket waiting list updatechatter creek ciderdiego boneta in mean girls 2dev craft completeamplified creatine side effectsgreg macalusokel tec plr 16 riflesleeping draught potion recipedylann roof birthdaytabla de numeros aleatoriosdebitkarte schweiz1 4 bromophenyl ethan 1 onetarffrase de caini maricaroline kennedy schlossberg engagement ringfarne lighthousemossberg 500 breakdowntowkio ft chance the rapperrussian mosin nagant 91 30 pu sniper scopeاحمد وفيق وزوجتهdownload song hookah bar from khiladi 786mc lyte it's all yoursgeorge hart csulbfancy goldfish fin rotdouble bit throwing axecolt delta elite 10mm magazinesarmide lullymierda sinonimotwiig comliver decompensation life expectancyhaviland limoges china white with gold trim101 in 1 explosive megamixvukovar broj stanovnikaricky's liquormtvindia com splitsvilla 9everwise pricingclairvoyant durhamfirst ever triple backflip bmxhow to punctuate newspaper titlesdr ross morrison independence mosnake river white sturgeon caviarstill fly big tymers instrumentalpersian beef koobideh recipetelogen effluvium pictures femalekirschwasser cherryduluth haunted ship 2016griddlers net androidfarhiya abdihonda civic taglinepapa criolla substitutepenjamillo michoacan 2016donna was a few blocks away when bombs explodedbehcet's ulcers2 cheap cars christchurchpce valuationsdani hainsflorida panthers trocheckkingsfold methodist churchtroy aikman draft 1989zigbee api tutorialted talks daniel kishdempsey's baltimoreopus vivace reviewak 47 milled receiver folding stockprior service marine recruiter near mekirsch lorraine recipeprussian prepositionpenny dreadful theme ringtonefettehel angel gris dolinabeartooth go be the voice lyricsepia brasiliacanons of dort pdfuniikki pituuscorey wootton childrenabruptio placentae medical managementgmp qsr environmentjan magnussen nascargolden barrel cactus carebahia honda key largosmith and wesson 327 trr8 357 magnumis sassafras poisonousdriftwood moody blues youtubelånekassen stipendsusan misner bikinicarlos takam boxerszałwia palenievimana textscolorimeter pdf downloadgun licence nsw categoriesaicha khaled lyrics translationseventh day adventist bible commentary volume 5dogfish head documentarybromoil papergoby fish and pistol shrimpблудливая калифорния 7 сезонsa330jfederal halfway house okclateral incisor loosesedona lutice age sub zero heroes trailerboil and bite mouthguard materialsuryavanshi history in hindihrc hardness to brinellremington 870 wingmaster slug barrelttd diary 2018farne lighthouseclayton county bidsicon hotel prague booking comlake jellico nswlatisse styeed sheeran houston presalenikolay martynovumass amherst marketing major requirementskingsfold methodist churchsteve hollinghurstdr mark vosslergsxr1100mdragon's breath vodkaconvert btu to kj kgdefine isotonic solution in biologyrwanda juvenal habyarimanadr fogtjeckel brothers albummaino million bucks official videoquetzalcoatl significanceanson mount cullen bohannonfixing magsafe power adapterfancy goldfish fin rotsig sauer m400 ar 15 rifleredundant conjunctival tissuepadrasto gayjosephine pryde traindevils head merrimacjre 1.7 free download for windows 10 64 bitambareesh agedevy meaningmicrowave absorber wikidr sundaram cardiologistleather balisong sheathtolnaftate clotrimazolewhat is piccolinipunisher otf knifejt stealth paintballpaisley piperscigna advantage formularydiablo 3 best equipment for demon huntersarego italyvigilante airsoft revolverwhirlwind propeller problemsda vinci madonna and child with a pomegranatefrankie edgar ufc 211glock 23c gen 4vhf aerial splitterdoctor who van gogh painting tardis explodingsketch club london mayfaircan you play terraria cross platformjoann hagen boxer2 cheap cars christchurchdo women's menstrual cycles sync upflitwick to luton trainmarilyn monroe cal neva lodgeafrikaans liedjies vir ma2013 ap chemistry frqcapacidad espectadores camp noudoes termidor workhertz uae leasecuando crian los canariosdrexel university rush buildingsaldie ēdienicurrent weather in mashhad iranmarie curie lebenslauf5 htp and phenibutecigs safe 2015nba players with torn meniscuschemo drug rituxancaravaggio beheading of st johnryerson public school hamiltonstrzelecki desertlatisse styem99 sniperjoule calculator airsoftmeerkat enclosure design4most firearmsdixie land oil co llcair conditioning in cars benzenelilyhammer reviews ny timesphenibut bodybuildingmarlon brando resort tahitisummoners war element guidetesco express bicesterretail space for lease tysons cornerminqinporphyria biochemistrynatchez trace nashville to tupelodried cyanescens mushroomsconvict chalicetembleque de coco puerto ricousb cec adapter xbmcsat gps locate downloadtupac shakur strictly 4 my niggazuscis applicant vs petitionereverbank insurance departmentcaramel sundae burger kingwalther ppq front sight30 30 winchester ballistics chartbandoleer ammunition pouch1961 chain bridge road mclean va 22102arizona medical marijuana proposition 203firefish hammerhead for salegus garcia middle school san antonio texasadvanced armament 300 blackout rifleweapon mounted laser designatortvs jupiter zx review93.7 beat houstonkara goff softballgunheadsgreta magnusson grossman lampmde presents world peacedruids caves derbyshiregod's communicable attributesattijariwafa bank englishsaguaro blossom scottsdalenovae artesegon krenz 1989robert dickinson lighting designernunchaku chain kitgunzonegunpowder scale walmartacid scarification of seedsgun shop richland wanamaskar yoga colombiabise multan intermediate result 2016argentine tango sheet musicjeff botterillkashmir house rajaji marg delhitony dungy charitygunpla londonsalonpas singaporegandhara school of art pdfelvis costello down among the wine and spiritspygmy marmoset pet lawsnaruto shippuden capitulo 450autoaceptacion en psicologia1950 general motors futurliner parade of progress tour buskernel poppers st augustine websitedifferentiator op amp gain equationdistal interphalangeal joint pain toegunga din poemhighest utqg rated tireдекриминализация наркотиковchelsea kane lovestruckloretta lynn mentorlupinus albus seed oilmcfarlane beatles yellow submarinejonestown guyana south americaavidemux gratisphylum arthropoda respiratory systemdoes smoking weed everyday affect youbighorn backcountry maploratadina ambroxolgluconolactone phmacy's chapel hill mall colorado springslotte hollandsjeckel brothers albumdiseases that mimic appendicitisritchie pickett funeralnomenclatura dos hidrocarbonetosjre 1.7 free download for windows 10 64 bitbellway homes liberty nottinghamis it illegal to vape indoorshenri matisse apollon 1953courtney love uncooldonatella versace giovanebanda xerovapen clear pentun dr mahathir contribution to malaysiakurt cobain oh well whatever nevermindlirr fare tableaaker brand identity model exampledr hejnamarin outdoor antique marketnahm jim dressingkometic snowmobilemuku narutoadvance auto parts university blvd jacksonville flprincep ghat timingrua mediterraneo 451crystal symphony current itinerarymoluscum bumpsextremosagauhar khan and kushal tandon newsdefine penknifemichigan dhs office locatorpacey con funny or diejeckel brothers albumadenoid glands swollenlorex live video baby monitorscleral contact lenses brandsatta chakki in englisheneatipo 6jorge gelpi pagantony dungy charitypregnyl injection during pregnancysandal drama episode 11all bark and no bite idiom meaningpalais prinz carl heidelbergmaputi meaningwww pmaa orgshinnok stage fatalitylifehacker ipad jailbreakoutdoor movies woodinville wadisneyland squishiesjpql hibernateiso 14644 2 cleanroom standardssandhar groupcolorimeter pdf downloadvca igg levelrip rook exhaustnystatefair ticketsstoeger luger 22 partsmola chillindavinci resolve stillsstratoliner tire sizexubuntu 16.04 reviewplutarch heavensbee catching firedubinsky vs crosbyfurin cleavage site predictionsomatropin drug classdavid p fitzgerald gainesville flwinchester 1300 defender magazine extensionwww rcsd k12 in uskiwisaver holidayamerican ninja the confrontationaflcmc eglinhostigamiento en inglesrrc cr mumbaierdem moralioglu clothesditch the label habbosalvia leucantha whitekenwood home appliances pakistanreyhan baharatsabzarmitch rossell cdyaki mandu near mepokemon you re a star larvitarsounder with strobe lightdhaka to australia flight durationdisgusting semlakernel poppers st augustine websitehired girl schlitzthe rocketeer vhsstand up waverunner for saleberetta 92fs slide lockweather hanoi hoàn kiếm hanoi vietnamim lost without you bebe and cece winans lyricsdr christopher digiovanni mass generalseema chackodaggerfall screenshotseva haulepuyallup river watershedis a neurofibroma encapsulatedseawolves swimmingfederal halfway house okcclinch county school calendarppti coma trip to holland by emily perl kingsleyaflcmc eglinc2 taser gunapostol együttesengelberg tourist attractionskana nishino sukicondor viking ironside swordhp compaq mini cq10 specificationspokemon x luigi tcg boxdodge 318 4 barrel intakeyacht gyro stabilizeranna kendrick snl french skitkeurig k cups knock offbeaujolais nouveau 2015 wine priceportalitofichier pdb238 orchard boulevard orchard residencescách làm mứt gừng sợijan magnussen nascardv lottery 2017 winners listbaltazar enrique porras cardozostiegl salzburger beera lens is transparent material with _____hired girl schlitzzefiro italyidexx veterinary softwareare the gnostic gospels truelewis lake campground yellowstone national park wyused sig p938 extreme for salemagic quadrant for business intelligence and analytics platforms 2017 pdflateral incisor looseilluminati intro secret worlddugout 2 staten islandticn coating for cutting aluminumdutdutan tattooperlman chamber music workshopregina spektor macy's paradepennsylvania lottery commercial 2012replacement bolt for remington 788shisha efectospatterson starter alternatormagic quadrant for business intelligence and analytics platforms 2017 pdfdev craft completerobby trammellhow to unblock adblock on google chromearmide lullydiamond mine cart minecraft videossugo di pomodoro all arrabbiatawater soluble fertilizers for fertigationkansas gun shows wichita101 in 1 explosive megamixfreegeoip alternativejan radziktitus el viajerolubbock lineup july 2017c# sql parameterized querypittsburgh half marathon 2016 resultscaramel sundae burger kingchurch street godalmingdulux weatherguard paint reviewsmorari bapu katha audio女子大 生 刺傷 事件are airsoft guns safe for 10 year oldshenri matisse apollon 1953where to watch mbmbamspongebob the hash slinging slasher episodegmc topkick weightrafter slope calculatorbuck knives outlet storevijay chauhan parleв сто сорок солнцсерия симпсонов с трампомaib cards gpugigabyte geforce gtx 750ti 4gb windforce 2x oc edition reviewhouse foods java currysmith and wesson m&p 15 ftnico mak computing winzipcommon pleco water temperaturekaki bukit inspection centre operating hoursfarhiya abdilacul herastraufunction of basal ganglia pptcollie buddz mary jane lyricsopus vivace reviewplc sequencer logicinstalling t8 led tubescia abstract expressionismwacom scribek2 calcium paradoxp&g classic gymnasticsalief taylor high school football scoreslil bibby lil herb kill shitpaul zerdin partner39507 zip codepneumonectomy for adenocarcinomalawrence kohlberg moral development pdffestival almaxcartoon network firebreather movie part 1download mysql connector odbc 5.1sainsburys chairmancigna advantage formularykhronos group openclused firearms lethbridgegastroenterologo especialista en colonerdem moralioglu clothesmojza of hazrat muhammad pbuhroyal entrance fanfare trumpetджазовые этюды для фортепианоatomic blonde movie spoilerjk wrangler j8sangeet natak akademi award 2015snorting kratom extractdownload skype offline installer msiruger 22 45 mkiii targetdhesi rajatom schilling mein kampfdavid göttlermarlo from rhoaapple blossom 12 winchester varosco 22 pistolgunn britt ashfieldpotassium nitrate in toothpaste side effectsliterary devices in ode to a nightingaleadwords mcc login pagewas bedeutet sure im koranbunnings hendersoncolt delta elite 10mm magazines96x phone numberghile mearsole impact alicia sacramonedoctors and medical experiments of the holocaustlittlewoods spot the ball competitionhill top grand falls nb538 radio zendercheil malaysialynching niggersdr pessaheastside high school paterson nj joe clarkschool delays wilkes barre padr mark vosslerdzhokhar tsarnaev death rowmierda sinonimohydrochloric acid fumes inhalationsig sauer p250 22 pricejm smucker co orrville ohusg watroby co wykrywanike store at sawgrass mills mallsuntv kutti chutties latestgold digger lyrics bohemiadriftwood cursive lyricsfox sports 1 cox okcesse menthol super slimjoplin police department warrantsraja ki aayegi baraat movieold sugarlands trail smoky mountainstui grass seedthe brady bunch kellys kidsmontgomery ward 12 gauge double barrel shotguni can t hardly stand it the crampssig sauer tribalsobranie mintsdebitkarte schweizmatchless nighthawk 15current weather in mashhad irantbilisi prostitution pricemaneka gandhi petainglorious bastards latinosurvive food bank riverside capuyallup river watershedcoconut creek high school magnet programvod ex dividend date 2017eric mcmanus gainesville flremington sps 308 reviewextended magazines for benelli shotgunsmossberg 500 ati accessoriesyankee stadium birthday messageskosher meal malaysia airlinesrowing pictogramicis 2015 proceedingsdisposable hookah pen with nicotinecloudy scleracentre de désintoxication drogue parisseedless bongsbroomhandle mauser holsterjailbreak ios 7.0 4 redsn0wgeorgsmarienhütte holding gmbhdavis monthan aircraft storagehouma la elevationmoskva znamenitostipink grips for sig sauer p238ciorba de vacuta cu smantananeil gorsuch views on marijuanamr warmth the don rickles project streamingalan lee grandmaster throwing star 1980are oxygen tanks explosiveerie canal cycling mapdr archna parmarpurple fringed loosestrifetyson jost fatherandy siri for android apkwilliam singe i alex aiono march 16la mejor fm 98.9 el salvador onlineditch the label habbodelaware county spca no killgmc topkick weightwebroot antivirus for mac reviewsstandard catalog of smith and wesson 4th editionseymour isd administrationbrowning hi power pachmayr gripsnhl defenseman scoring leaders all timegrowing braeburn applesmaharashtrian kala masala recipebalco dopingrowdy roddy piper promohertz uae leasetommy sotomayor black lives matterfmca com storeeugene armstrong beheadingsebastian wolff test driveakarshan kumarumarex ppk magazinepaul mccartney ac cent tchu ate the positivekokology test about workspanish olive tree arbequinaconhecendo o braço do violãovca igg levelcoem microsoftbessie rossignoltobymac boomin music videoharold and maude playlistdmjm aviation partnersseema chackoröllekaharold and maude playlistconvert btu to kj kgportalitokamelot somewhere in timenombres indigenas venezolanosrandy crawford this old heart of minesparling definitiongraves disease shinsking canute waveskratos kills poseidonmgk the gunnerconvert 10z to gramsinfomart buildingopenwrt forkdr woolley hand surgeonconjunctivitis bloody tearsarvind rajaramanplayhouse disney go baby baby's big helperdillon companies inc king sooperssig sauer p229 elite pricelee kuan yew machiavelliair serv corporation louisville kysons of perdition trailersig sauer 2022 40 review