Archive for feminino

A Ciranda Das Mulheres Sábias

Eu reli esse livro esse mês, por conta do espírito do mês, que era de f roda de mulheres, de círculo de mulheres, de bruxas, de comadres. Adoro esse livro, fininho pequeno, cheio de poesia e de esperança.


CIRANDA DAS MULHERES SABIAS, A
Formato: Livro
Autor: ESTES, CLARISSA PINKOLA
Editora: ROCCO
Assunto: PSICOLOGIA
ISBN: 8532521509
ISBN-13: 9788532521507
Idioma: português
Encadernação: Brochura
Edição: 1ª
Ano de Lançamento: 2007
Número de páginas: 122

=====
Em ‘A ciranda das mulheres sábias’, a psicanalista e poetisa Clarissa Pinkola Estés reverencia a maturidade feminina e faz uma comovente e profunda homenagem àquelas mulheres que souberam acumular sabedoria ao longo de suas existências. O livro tem uma linguagem metafórica, que se assemelha às antigas histórias contadas de mães para filhas, e chega às livrarias na última semana de maio. Clarissa Pinkola Estés parte de um doce convite à leitora para que se acomode ao seu lado e deguste com ela a bebida que foi reservada para ‘uma situação especial’, a fim de que possam conversar sobre ‘assuntos que importam de verdade’ a duas mulheres, com a garantia de que ‘aqui sua alma está em segurança’. Seduzida por uma linguagem terna, emocionante e poderosa, a autora apresenta os encantos deste ‘arquétipo misterioso e irresistível da mulher sábia, do qual a avó é uma representação simbólica’ e que ‘não chega de repente, perfeitamente formado e se amolda como uma capa sobre os ombros de uma mulher de determinada idade’. O aspecto mais sedutor do livro reside, justamente, na representação simbólica contida nas avós. Das matriarcas da mitologia às avós dos contos de fadas, passando por aquelas anônimas de suas vivências profissionais, a autora chega às avós de suas tradições familiares, descrevendo de forma magnífica a chegada à América das ancestrais que passaram a fazer parte de sua vida familiar, aquelas ‘quatro velhas refugiadas que saltaram de enormes trens pretos para o nevoeiro noturno na plataforma onde nós as aguardávamos com grande expectativa’. Ao final, as nove preces de gratidão – por todas as idosas do mundo, pelas mulheres mais velhas matreiras, pelas avós nas cozinhas, pelas tias perspicazes, pelas filhas que estão aprendendo, por todas as filhas e velhas – representam um perfeito arremate ao prazer da leitura destas páginas plenas de luz, melodia, emoção e encantamento.

chá de bençãos

.
Clique para ampliar

.

Uma imagem do meu chá de benção. Cheio de meninas super poderosas e filhotes muito bem nascidos…  Estava uma delícia, reunião de forças femininas. Reunião de energia para meu parto. E ainda ganhei um delicioso escalda pés…

faça o teste

Você é feminista?

Eu vi essa teste na Cynthia Semíramis e tenho que deixar aqui. Pra você testar se você é feminista. A Cynthia escreveu isto e eu assino embaixo. O blog dela vale demais a leitura viu?

1. Você concorda que uma mulher deve receber o mesmo valor que um homem para realizar o mesmo trabalho?
2. Você concorda que mulheres devem ter direito a votarem e serem votadas?
3. Você concorda que mulheres devem ser as únicas responsáveis pela escolha da profissão, e que essa decisão não pode ser imposta pelo Estado, pela escola nem pela família?
4. Você concorda que mulheres devem receber a mesma educação escolar que os homens?
5. Você concorda que pesquisas médicas devem ser feitas levando em consideração as diferenças biológicas (e principalmente hormonais) entre homens e mulheres?
6. você concorda que mulheres devem ter autonomia para gerir seu dinheiro e seus bens?
7. Você concorda que mulheres devem poder escolher se, e quando, terão filhos?
8. Você concorda que uma mulher não pode ser punida por se recusar a fazer sexo ou a obedecer ao pai ou marido?
9. Você concorda que atividades domésticas são de responsabilidade dos moradores da casa, sejam eles homens ou mulheres?
10. Você concorda que cuidar das crianças seja uma obrigação de ambos os pais?

Cada resposta sim significa assumir um ponto de vista feminista. Bem-vind@ à turma! ;)

Interpretação da lei não terá distinção de Gênero

Eu fico pensando que eu realmente devo ter sido abduzida e não lembro, porque se isso é notícia e precisa ser decidido, é porque eu tô no planeta errado mesmo.

Interpretação da lei não terá distinção de Gênero

 

As mulheres brasileiras não poderão mais ser privadas de direitos legais por causa de má interpretação das leis que garantem direitos a todos os trabalhadores – expressão utilizada no gênero masculino, mas que engloba ambos os gêneros.

 

 

O reconhecimento dos direitos femininos está previsto no Projeto de Lei do Senado 62/06 – Complementar, da senadora Roseana Sarney (PMDB/MA), que recebeu nesta quarta-feira (27) parecer favorável da Comissão de Constituição, Justiça do Senado (CCJ).

 

 

O projeto determina que, na redação de textos legais, “qualquer referência será entendida como abrangendo ambos os gêneros, indistintamente, salvo quando houver disposição expressa em contrário”.

 

 

Trabalhadoras

 

Segundo a autora da proposta, o projeto tem o objetivo de evitar o desrespeito a certos direitos das trabalhadoras, sob o argumento de que tais direitos apenas beneficiam trabalhadores homens, não obstante a vedação constitucional a tal discriminação.

 

 

Com o objetivo de corrigir a distorção, a matéria altera a Lei Complementar 95, de 1998, que dispõe sobre a elaboração, a redação, a alteração e a consolidação das leis, com o objetivo de garantir a aplicação das normas legais contra a discriminação de gênero.

 

 

Má interpretação

 

Em seu relatório favorável ao projeto, a senadora Serys Slhessarenko (PT/MT) lembrou que é comum que as trabalhadoras mulheres sejam prejudicadas pela má interpretação da lei, que somente refere-se a homens, embora queira abranger ambos os sexos.

 

 

“Essa é mais uma conquista importante para as mulheres. Mais um motivo para se comemorar o Dia Internacional da Mulher” afirmou a relatora. A matéria passará ainda no plenário da Casa.

Fonte: Diap com Agência Senado

La Vida Ya Es Un Castigo

TÍTULO:La Vida Ya Es Un Castigo ¡Y Encima Hacemos Dieta!
ISBN: 8466612785
Número de páginas: 204
Autor: Gray, Serena;
Editorial: Vergara

¿QUÉ PROBLEMA TENEMOS LAS MUJERES CON EL CUERPO? ¿Las caderas? ¿Los muslos? ¿El tamaño de nuestro trasero? Y tú, ¿alguna vez has estado a régimen? ¿Sólo una? ¿Cuánto hace que estás a dieta? ¿Una semana? ¿Un mes? ¿Más de cinco años? Si no estás a régimen en este momento, ¿cuándo vas a empezarlo? ¿El lunes? ¿Cuando termines ese pastelito de crema? Seamos realistas. La mayoría de las mujeres vivimos gran parte del tiempo preocupadas por el peso. Rara es la mujer que jamás se ha puesto a régimen o que no está a punto de comenzar una dieta, y más rara aún es la que puede afirmar con una sonrisa que su cuerpo le parece perfecto tal como está. Si te cuentas entre los millones de mujeres que suspiran por estar más delgadas y sueñan con lograr que la pizza no se les instale directamente en las nalgas, o con que alguien invente un pastel de chocolate de cero calorías que además sepa a chocolate, entonces éste es el libro que estabas esperando. Con su humor fresco e irónico, y su estilo ingenioso e inteligente, Serena Gray describe los secretos, artimañas, esperanzas, situaciones jocosas, éxitos efímeros y fracasos recurrentes que jalonan nuestra conflictiva relación con nuestro cuerpo. Porque, convengamos… LA VIDA YA ES UN CASTIGO… ¡Y ENCIMA HACEMOS DIETA!

O Intolerável Peso Da Feiúra

O INTOLERÁVEL PESO DA FEIÚRA

JOANA DE VILHENA NOVAES

ISBN: 8576171090
Editora: EDITORA GARAMOND
Número de páginas: 272
Encadernação: Brochura
Edição: 2007

“Beleza é artigo de primeira necessidade”: este é o lema que perpassa os depoimentos das mulheres entrevistadas por Joana Vilhena ao longo dos dez anos de sua pesquisa de campo. Nas academias de malhação, nas antes-salas das clínicas de cirurgia plástica, ou nos grupos de pacientes a espera de gastroplastia redutora, há o consenso: “só é feia quem quer”. E quem não quiser se enquadrar nos atuais cânones de beleza sofrerá o merecido castigo da rejeição e da exclusão. Pois beleza e feiúra nada têm de “natural”. São vivenciadas em termos morais, e lembra a autora que a feiúra era vista, pelos antigos gregos, como reveladora de defeitos de caráter. Na sociedade ocidental contemporânea, que se define pela busca narcisista do gozo imediato e pelo abandono dos valores religiosos, culpa e pecado emigram para o terreno da modelagem do corpo.

Monique Augras

Fonte:http://www.siciliano.com.br/livro.asp?orn=LCAT&Tipo=2&ID=993608

No decorrer da história das artes houve uma ruptura no conceito de um padrão único de estética. Vários artistas sofreram por essa mudança, que significou um redesenho de todas as possibilidades de entendimento sobre a forma. Nas artes a tirania da figura-fundo e do desenho em perspectiva linear foi enfrentada, não sem preço, que o diga Van Gogh, permitindo para o mundo culto e erudito uma estética das possibilidades e da tendência ao infinito pela multidiversidade.
No entanto, nosso corpo, e em especial o corpofeminino, não experimentou essa ruptura estética. O texto de Joana Vilhena de Novaes nos fala desta tirania estética. Se numa viagem no tempo descobrimos que esta imposição estética sobre o corpo ocorreu em várias épocas, de diferentes maneiras, ela agravou-se no tempo de hoje.
Joana nos oferece uma dimensão trágica desta tirania sofisticada do contemporâneo. Porque temos a possibilidade de modificarmos o nosso corpo com o desenvolvimento de uma infinidade de tecnologias, que vão desde as tecnologias de educação física às cirurgias de correção, a manutenção de um corpo nãp adequado passou a ser considerada socialmente como um desvio de caráter e um ato de vontade.
A tirania estética atual transformou o corpo inadequado de outrora, que podia ser considerado no locus simbólico do sujeito vitimizado, para um outro lugar, onde o sujeito passou a ser responsabilizado por não estar com seu corpo adequado.
A gravidade aumenta quando sabemos que no universo simbólico o padrão é etéreo e difícil de ser objetivado e mensurado. A perfeição idealizada encontra na realidade sempre alguma imperfeição que, segundo a autora, obrigarão o sujeito à submissão de uma bateria de esforços absolutamente insanos e cruéis, em busca de um modelo inalcançável.
Joana Vilhena de Novaes é uma crítica do comportamento contemporâneo e nos oferece um belo texto, permeado de uma ironia maravilhosa, que se oferece como um libelo de liberdade.

Ricardo Vieiralves de Castro
Professor da UERJ
Diretor do Museu da República

SOBRE A AUTORA

Joana de Vilhena Novaes é doutora em Psicologia Clínica pela PUC-Rio e coordenadora do Núcleo de Doenças da Beleza do Laboratório Interdisciplinar de Pesquisa e Intervenção Social (LIPIS) da Vice-Reitoria Comunitária da PUC-Rio. A autora é também consultora de várias empresas para assuntos de estética feminina e possui considerável número de artigos publicados em periódicos, revistas e jornais no Brasil e no exterior.

Fonte: http://www.garamond.com.br/node.php?id=390

calendario hormonal

Entenda seu calendário hormonal

da Revista da Folha

Ao menos já se sabe por que “mulher é um bicho esquisito”. Enquanto os homens passam a maior parte da vida produzindo testosterona regularmente, a mulher tem variações na produção de estrogênio e progesterona. Essa oscilação hormonal divide o ciclo menstrual em fases bem definidas marcadas por instabilidade emocional e física, o que reflete diretamente no seu comportamento e disposição. O quadro só piora se o desequilíbrio entre os dois principais hormônios femininos é muito acentuado, causando um rebuliço tão grande que caracteriza a TPM (tensão pré-menstrual). Estudos mostram que cerca de 80% das mulheres apresentam algum tipo de alteração no período pré-menstrual, e 52% delas têm mudanças drásticas no humor e no comportamento.

Nos últimos anos, alguns tratamentos têm amenizado os sintomas com o uso de antidepressivos, hormônios como a progesterona e o estradiol, além de vitaminas, minerais e aminoácidos. Os médicos, no entanto, dizem que mudanças nos hábitos alimentares, alívio nas tensões do dia-a- dia e inclusão de atividades físicas podem resolver a maioria dos casos. O calendário menstrual abaixo mostra as principais mudanças que acontecem durante o ciclo e dá dicas para lidar com cada fase. Compare com o que você sente e entenda melhor por que há dias em que você está cheia de energia e outros em que é difícil até levantar da cama.

Read more

a última bruxa

BRUXA CONDENADA NA 2ª GUERRA

Visto aqui: http://www.saindodamatrix.com.br/archives/2007/05/a_ultima_bruxa.html

Após mais de 60 anos, o caso de Helen Duncan – a última mulher na Inglaterra a ser presa por bruxaria – se recusa a morrer. Enquanto seus partidários buscam um perdão póstumo, surgiram evidências de que ela pode ter sido a vítima de um enredo envolvendo agentes de inteligência britânica, inclusive Ian Fleming, o criador de James Bond.

Nos anos 40, Duncan, uma dona de casa e mãe de seis, viajou o país participando de sessões espíritas para um público cansado da guerra que buscava freqüentemente notícias sobre os seus familiares. Como médium de materialização que era, ela entrava em transe e produzia ectoplasma, através do qual os espíritos assumiam características físicas para se comunicar com os vivos. Assim, Duncan construiu uma reputação como uma das maiores heroínas de espiritualismo.

Read more

aniquilamento

O ANIQUILAMENTO DO FEMININO PELA MIDIA

por Irene Carmo Pimenta – irenecarmopimenta@hotmail.com

barbievelha

Apesar do grande avanço na luta travada pelas mulheres do mundo para conquistar espaços e oportunidades, há muito a ser feito para que se reverta toda uma história de opressão e desigualdade, construída através de séculos de desrespeito aos valores ligados ao feminino. Em relação à violação dos direitos humanos, a violência contra a mulher é um ponto sensível que precisa ser tocado para que possa sanado nas diversas esferas em que ocorre.

Seja no nível coletivo ou domestico, a violência e o desrespeito aos direitos da mulher é um fato. Entretanto, uma outra forma de violência contra a mulher acontece diariamente diante dos nossos olhos. Uma violência psicológica que tem sido perpetrada pelo Grande Deus Mercado, devidamente assessorado pela mídia. A moderna cultura ocidental é dominada por uma filosofia narcisista, que “coisifica” o ser humano. Conseqüentemente pensamentos e comportamentos são influenciados por essa filosofia, gerando uma sociedade imagética que privilegia a imagem em detrimento de outros conteúdos.

Em relação à mulher, a imagem veiculada pela mídia é escancaradamente “coisificada”. Os valores ligados ao feminino são subvertidos e apresentados de maneira preconceituosa e distorcida, reforçando o conceito (ou preconceito) de que o valor da mulher está ligado a sua imagem e nunca a sua inteligência ou capacidade profissional. Reduzida a peitos, bocas e bundas, a mulher é retratada apenas como um corpo que vende qualquer produto e não um sujeito real de carne e osso. Mas o absurdo não para por aí.

Colocada a serviço de um mercado que visa apenas o lucro, a mídia publicitária impõe um padrão de beleza que é inalcançável para a maioria das mulheres. Um modelo de beleza pasteurizado – a mulher branca, magra, de cabelos lisos e loiros. Na tentativa de se adequarem a esse padrão, as mulheres, principalmente adolescentes, passam a subverter a própria aparência e a camuflar a sua identidade étnica. Muitas destas jovens acabam ficando tão obcecadas em atingir esse padrão de beleza que acabam negligenciando outros aspectos do seu desenvolvimento, desconsiderando inclusive suas capacidades intelectuais.

Drogas anorexisticas, regimes e dietas malucas, cirurgias estéticas, lipoaspiração, liposescultura e muito implante de silicone. Vale tudo para ficar parecida com a “top-model” famosa, a atriz da novela das oito ou com a BBB da última estação. A pressão sofrida para atingir esse ideal estético gera uma relação de conflito com o próprio corpo. Acabam surgindo em decorrência, patologias físicas na forma de distúrbios alimentares (anorexia, bulimia) e transtornos psicológicos (depressão, ansiedade, fobias).

A frustração e o sentimento de inadequação acabam por dificultar as relações afetivas e sociais. Mas a parte mais perversa desse fato é que a mesma frustração gerada e alimentada pela mídia torna a mulher uma presa fácil de todo tipo de anuncio publicitário. De cosméticos a aparelhos de ginástica, passando por dietas e formulas emagrecedoras que prometem “milagres”, a baixa estima e a frustração feminina com sua própria imagem GERA LUCRO E MUITO LUCRO!

Para confirmar isso é só dar uma olhada na programação da televisão aberta. Salvo raríssimas exceções, o que se vê é pouca ou nenhuma informação que possa ser considerada útil. Muita fofoca televisiva, muita futilidade, musica de péssima qualidade, receitas engordativas e muito, mais muito merchandising. Questões mais profundas não fazem parte da pauta dos programas destinados às mulheres. Na mídia impressa a coisa não é diferente.

As revistas femininas, que mais se assemelham a catálogos publicitários, reforçam nas entrelinhas de suas paginas a imagem de uma mulher narcisista que precisa preencher o vazio da sua existência com fofocas sobre gente famosa. Contraditórias em seus conteúdos trazem na mesma edição matérias que ensinam a cozinhar “pratos maravilhosos” para conquistar o seu homem pelo estomago e dietas milagrosas que vão deixá-la magra (na verdade quase bulimica) para poder caber nas roupas que os estilistas famosos criaram para modelos de passarela e não para mulheres reais.

Para fazer frente a essa realidade somente com muita lucidez e discernimento. Não consumir produtos que utilizem a imagem da mulher de forma pejorativa pode ser um caminho. Uma forma de obrigar o mercado a rever as suas estratégias publicitárias.

Educar nossas crianças com bases que contemplem mais os valores humanos e menos o consumo também é uma atitude que se faz urgente. Mas do que homens ou mulheres somos seres humanos. E seres humanos não são coisas e nem “mercadoria” a ser consumida. Um masculino saudável e equilibrado só irá se reconhecer através de um feminino saudável e equilibrado e vice versa. Esse equilíbrio não pode ser alcançado em uma sociedade “corpocentrica” – que não incentiva o desenvolvimento integral do ser humano.

Paz e Luz nos caminhos de todos! (e muita consciência!)

Irene Carmo Pimenta

semana da amamentação

eu e TatáEsse é um post de participação da blogagem coletiva da Semana da Amamentação. Toda vez que penso neste assunto, sinto dor. Até hoje, passados quase quatro anos ainda é um assunto doloroso pra mim não ter podido amamentar como eu queria. E acho que eu errei num lado muito básico, pois depois ouvi muitas mães falarem que passaram pelo mesmo problema.

A gente se prepara para o nascimento, para o parto e tudo mas não se prepara para amamentar. Na minha cabeça amamentar era algo tão simples, bastava querer amamentar e pronto! Eu me esqueci que não fui amamentada nem meus irmãos. que minha irmã também não amamentou suas filhas e nem pensei em questionar porque.

E na minha vez, pimba!, claro que foi problemático. Eu me lembro de na época ter escrito um texto sobre os motivos que me impediram e mandei até para uma lista de discussão. Ano passado falei sobre essa dificuldade, nesse post e sobre como é importante pedir ajuda. Esse ano, resolvi transcrever um texto muito bom que li sobre a ambivalência que pode estar contida na amamentação, sobre o quanto isso é normal e como as mães passam por isso todos os dias nesse processo. Espero que ajude.

O livro do qual tirei esse texto é todo muito bom, vale a pena ler, é um livro com uma linguagem simples, direta, e desmistifica muita coisa na amamentação. Recomendo muito pra quem se interesse. E obviamente, o blog da Denise, o ótimo Sindrome de Estocolmo é uma referência no assunto. Lá você vai encontrar muita informação, muitos links, referências, e uma visão muito interessante sobre a amamentação. A autora do blog é uma especialista em amamentação, além de uma pessoa muito interessante e uma expert nesse assunto. Vale a visita.

Abaixo segue o texto.

——————–oOo——————–

 

Ambivalência

Adolfo Paulo Bicalho Lana

TAR444002O fenômeno básico da amamentação é a ambivalência, isto é, conflitos, sentimentos opostos em relação à amamentação, o querer e o não querer amamentar. Os conflitos surgem em situações em que duas ou mais necessidades incompatíveis concorrem e fazem com que a mãe se sinta puxada simultaneamente para dire-ções diferentes. Ela reconhece as vantagens da amamentação, e por isto quer amamentar. Mas isto exige dela obrigações, compromissos e mudanças profundas no seu modo de viver, e por isto reluta. A ambivalência aparece, pois há grandes perspectivas de mudanças, o que certamente vai envolver perdas e ganhos.

A amamentação tem momentos agradáveis e desagradáveis. O contato estreito com o bebé pode ser muito bom para o bebé e também para a mãe. Mas para a mãe a amamentação não é só prazer. Envolve cansaço, tolhe a liberdade e dificulta o lazer e a profissão. Por isto, ela oscila entre o sim e o não.

O sentimento é ambivalente não só quanto à amamentação mas também em relação ao bebé de um modo geral. Afeto e hostilidade alternam-se frequentemente, aumentando o sofrimento da mãe, que só aceita ter sentimentos positivos em relação ao bebé. Em relação às visitas, também é ambivalente, pois gosta das homenagens recebidas, mas ao mesmo tempo quer estar longe do tumulto causado por elas.
Há conflito ainda por querer se ocupar unicamente da criança, que necessita de cuidados e atenção a todo o momento, e por desejar também cuidar um pouco de si mesma, do seu marido, dos outros filhos, da sua profissão.

A mãe aceita relativamente bem as modificações de seu corpo na gravidez, mas após o parto tem uma pressa enorme de se livrar daquela cintura volumosa, do quadril largo, do abdome protruso, da barriga flácida. As mudanças da imagem corporal durante a gravidez podem evocar sentimentos negativos, os quais são muito intensificados no pós-parto, passando a mãe a querer livrar-se imediatamente deste corpo e retornar ao anterior à gravidez. Apesar de saber que se estiver amamentando a criança “devorará” seu excesso de peso e que mesmo sem diminuir a quantidade habitual de alimentos emagrecerá, ela entra em conflito, pois está acostumada a associar a ideia de emagrecer a comer pouco e sabe que durante a amamentação não deverá fazer dieta.

A mama é vista mais como um órgão sexual do que como um órgão destinado à amamentação. A mãe tem dificuldade de associar estas duas funções, instalando-se a ambivalência. Há conflito também em relação ao tamanho da mama: permanecerá grande se amamentar; se não amamentar, retornará ao tamanho anterior.

A mãe, que no final da gravidez limitava suas saídas, agora quer se sentir solta, livre. E a amamentação é um compromisso que a prende. Sabe da importância da amamentação, mas precisa respirar outros ares, sair, passear. Pode até saber que a situação é temporária, que lá pelo segundo mês de vida as mamadas costumam ter um intervalo de até três horas ou mais, que pode ordenhar seu leite antecipadamente, que este leite pode ser dado ao bebé na sua ausência e que poderá ficar fora durante muitas horas, mas é tomada de uma urgência em solucionar este impedimento. O conflito é permanente. A mãe oscila também entre uma alegria imensa por ter tido um filho que quer acima de tudo e um sentimento de medo de ser superexigida por ele ou um sentimento de raiva por estar sendo superexigida. Oscila entre sentimentos de intensa saudade do bebe quando se ausenta dele por algum tempo e de impaciência e irritação por causa das demandas constantes dele.

A ambivalência, às vezes, mostra-se pela falta de preparação da mãe para com os cuidados que a criança necessita, inclusive no que diz respeito à amamentação, como expressão de uma rejeição inconsciente.

Se o leite acaba ou há qualquer impedimento para a amamentação, a mãe pode reagir com um misto de frustração e alívio, o que é típico da ambivalência.

Esses sentimentos conflitantes geram ansiedade e culpa, e isto pode dificultar o bom andamento da amamentação. Se a mãe sentir-se bem consigo mesma, haverá harmonia e tranquilidade na relação mãe-filho. Daí ser imprescindível informar à mãe que ela poderá ser tomada por estes sentimentos e que é natural que eles existam, e que são compartilhados, em maior ou menor grau, por todas as mães.
É totalmente compreensível que a mãe sinta um nó na garganta, uma saudade da vida de antes em que não havia um bebé chorando durante a noite ou querendo mamar a todo instante, precisando de tantos cuidados que ela não sabe se é capaz de patrocinar.

 

Extraído de: “O Livro de Estímulo à Amamentação” de Adolfo Paulo Bicalho Lana, Editora Atheneu

 

mulheres filósofas

UNESCO cria Rede Internacional de Mulheres Filósofas

Paris – O Setor de Ciências Sociais e Humanas da UNESCO lançou, no dia 09/02, um apelo para a constituição da Rede Internacional da UNESCO de Mulheres Filósofas, que será anunciada no próximo dia 8 de março, Dia Internacional da Mulher. O objetivo é reunir o maior número possível de mulheres filósofas – artistas, escritoras, poetisas etc – provenientes de todos os países e correntes filosóficas com a finalidade de integrá-las, de maneira dinâmica e participativa, nos diferentes projetos e atividades da Organização na área. Com a criação da Rede, a UNESCO pretende ainda apoiar a criação de associações intelectuais duradouras e solidárias a favor da filosofia. Read more

maioridade é

Eu vi lá no blog Doidivana. E me apaixonei. Com a permissão dela, posto aqui:

MINICONTO

MAIORIDADE É

ter saído da costela de Adão e chegar ao paraíso sozinha.

Ilustração de patricia woll

 

Um amor conquistado – O Mito do Amor Materno

Um Amor Conquistado: O Mito do Amor Materno

ELISABETH BADINTER
Editora Nova Fronteira
1980
370p.
Assunto: Ciências Humanas

Será o amor materno um instinto, uma tendência feminina inata, ou depende, em grande parte, de um comportamento social, variável de acordo com a época e os costumes? É essa a pergunta que Elisabeth Badinter procura responder neste livro, desenvolvendo para isso uma extensa pesquisa histórica, lúcida e desapaixonada, da qual resulta a convicção de que o instinto materno é um mito, não havendo uma conduta materna universal e necessária. Read more

O Segundo Sexo

OSEGUNDO SEXO Segundo Sexo

Segundo Sexo, O – Fatos E Mitos Vol.1
Simone De BeauvoirISBN: 8520903169
Editora: NOVA FRONTEIRA
Número de páginas: 312
Encadernação: Brochura
Edição: 1987Sinopse
Em O Segundo Sexo, Simone de Beauvoir examina a condição feminina em todas as suas dimensões: a sexual, a psicologica, a social e a politica. E propõe os caminhos que podem levar à libertação não só das mulheres como, sobretudo dos homns. E é a própria autora que afirma: ” O certo é que até aqui as possibilidades da mulher foram sufocadas e perdidas para a humanidade: já é tempo, em que seu interesse e no de todos, de deixá-la enfim correr todos os riscos, tentar a sorte”.

download: http://brasil.indymedia.org/media/2008/01//409660.pdf

clássicos

simone-de-beauvoir

Eu combinei comigo mesma que vou ler um clássico por mês. Não importa muito de que área (das que me interessam, claro, e literatura inclusive), mas eu vou ler. (E vou terminar, porque na verdade nem é problema pra mim começar eu começo uns 30 livros por mês, meu drama é terminar.) E vou começar pelo livro “O Segundo Sexo”. Eu vou escanear porque como passo muito tempo no computador, vai ser bom pra mim, eu funciono bem assim, lendo o que escaneio. E de quebra, mais um e-book. Por que eu leio muito muito, mas tenho um problema com clássicos, não li muitos deles. Nem da(s) minha(s) área(s) do coração.

Já tive vergonha de querer ler tanto, de querer saber assim. Isso incomoda muito as pessoas. Mais do que eu tinha me dado conta, ingênua que às vezes sou. Hoje não tenho mais (quase). Esse demônio ainda tá tomando chá na minha sala, mas ele vai acabar indo embora…

==========

Para pensar.

Para ler.

Para saber mais sobre Simone de Beauvoir

 

Feminismo: que história é essa

Daniela Auad
112 p. – 14 x 21 cm – 2003
ISBN: 85-7490-226-8

Antes de entender o que é feminismo, é conveniente entender o que feminismo não é. Feminismo não é, por exemplo, queima de sutiãs, embora esse mito tenha se consolidado no imaginário de muitas pessoas desde o final dos anos 1960. Feminismo não é um grupo raivoso de mulheres “feias” ou “mal-amadas”, versão das mais grosseiramente estereotipadas por quem não compreende e parece não fazer nenhuma questão de compreender as reais engrenagens do movimento. Feminismo não é, tampouco, uma ideologia calcada em privilégios para as mulheres e desvantagens de toda espécie para os homens. Feminismo também não é algo uno, absoluto, monocromático. Ao contrário, seus diversos matizes representam a ampla variedade de mulheres do Brasil e do mundo, com crenças, desejos, objetivos e valores distintos. De correntes segundo as quais a submissão da mulher se explica pela suposta inferioridade física ao feminismo que defende a extinção da família biológica, são muitas as interpretações do papel da mulher na sociedade. O equilíbrio argumentativo talvez se encontre articulado naquilo que se pode denominar “feminismo múltiplo”. Nessa abordagem, mulheres (e homens, é importante dizer) são vistas à luz dos aspectos plurais inerentes à sua subjetividade, entre os quais a classe socioeconômica, a etnia e a geração a que pertencem. Tal apropriação do feminismo, tanto política quanto científica, permite perceber os seres humanos a partir de suas infinitas singularidades.

Uma história do feminismo no Brasil

Uma História do Feminismo no Brasil

Céli Regina Jardim Pinto,

Ed. Fundação Perseu Abramo, 2003.

por Rafael Evangelista

Em um país como o Brasil, com problemas sociais extremamente graves, há espaço para que o movimento feminista tenha destaque na luta política, ou sua causa fica subordinada à resolução das questões “emergenciais”? Depois da leitura de Uma história do feminismo no Brasil, a resposta para essa pergunta parece ser obviamente positiva. Ao levantar bandeiras como o direito ao voto e à eleição, à igualdade de salários perante aos homens e à proteção contra os abusos no ambiente de trabalho (como o assédio sexual), o movimento feminista tem contribuído sistematicamente para tornar o Brasil um país mais democrático, superando sua origem autoritária e oligárquica.
Read more

Breve história do feminismo no Brasil

Breve História do Feminismo no Brasil – Maria amélia de Almeida Teles

Editora: Brasiliense
ISBN: 8511021450
Ano: 1993
Edição: 1
Número de páginas: 179
Acabamento:
Brochura
Formato: Pequeno
Coleção: TUDO É HISTÓRIA

A história da condição da mulher brasileira não foge à regra universal da opressão do feminismo ao longo dos tempos. Reunindo algumas ações individuais e coletivas de mulheres brasileiras – incluindo a repressão específica às mulheres durante a ditadura – com uma vivência no movimento feminista de São Paulo, a autora incita a pensar na possibilidade de criar um novo pensamento, prática e ação, diferente do poder patriarcal.

 

Breve história do feminismo no Brasil
Read more

8 de março

espero que em breve a gente não precise mais de um dia nosso.

já postei esse poema no meu blog velho, mas gosto muito dele.

AVISO DA LUA QUE MENSTRUAluamulher


Moço, cuidado com ela!
Há que se ter cautela com esta gente que menstrua…
Imagine uma cachoeira às avessas:
cada ato que faz, o corpo confessa.
Cuidado, moço
às vezes parece erva, parece hera
cuidado com essa gente que gera
essa gente que se metamorfoseia
metade legível, metade sereia.
Barriga cresce, explode humanidades
e ainda volta pro lugar que é o mesmo lugar
mas é outro lugar, aí é que está:
cada palavra dita, antes de dizer, homem, reflita..
Sua boca maldita não sabe que cada palavra é ingrediente
que vai cair no mesmo planeta panela.
Cuidado com cada letra que manda pra ela!
Tá acostumada a viver por dentro,
transforma fato em elemento
a tudo refoga, ferve, frita
ainda sangra tudo no próximo mês.
Cuidado moço, quando cê pensa que escapou
é que chegou a sua vez!
Porque sou muito sua amiga
é que tô falando na “vera”
conheço cada uma, além de ser uma delas.
Você que saiu da fresta dela
delicada força quando voltar a ela.
Não vá sem ser convidado
ou sem os devidos cortejos..
Às vezes pela ponte de um beijo
já se alcança a “cidade secreta”
a Atlântida perdida.
Outras vezes várias metidas e mais se afasta dela.
Cuidado, moço, por você ter uma cobra entre as pernas
cai na condição de ser displicente
diante da própria serpente
Ela é uma cobra de avental
Não despreze a meditação doméstica
É da poeira do cotidiano
que a mulher extrai filosofando
cozinhando, costurando e você chega com a mão no bolso
julgando a arte do almoço: Eca!…
Você que não sabe onde está sua cueca?
Ah, meu cão desejado
tão preocupado em rosnar, ladrar e latir
então esquece de morder devagar
esquece de saber curtir, dividir.
E aí quando quer agredir
chama de vaca e galinha.
São duas dignas vizinhas do mundo daqui!
O que você tem pra falar de vaca?
O que você tem eu vou dizer e não se queixe:
VACA é sua mãe. De leite.
Vaca e galinha…
ora, não ofende. Enaltece, elogia:
comparando rainha com rainha
óvulo, ovo e leite
pensando que está agredindo
que tá falando palavrão imundo.
Tá, não, homem.
Tá citando o princípio do mundo!
===
Aqui tem uma página falando sobre uma pesquisa que levanta a hipótese de que o dia da mulher na verdade não nasceu da famosa queima das operárias na fabrica americana.

comportamento ou marketing?

Rsapokissecebi este artigo da lista feminista que assino e gostei, então resolvi colocar aqui pra compartilhar. lembrei do carnaval na escola do tatá, onde todas quase todas as meninas estavam vestidas de princesa, inclusive minha sobrinha…

Comportamento feminino ou estratégia de marketing?

LEITURAS DA VEJA

Por Ligia Martins de Almeida em 27/2/2007


“As princesinhas estão por toda parte. De coroa dourada e saias coloridas, elas vão à escola, ao playground e ao dentista.”
É assim que a revista Veja começa a matéria de comportamento da semana (edição nº 1997, de 28/2/2007): “Todas querem ser princesas”. A dúvida, para o leitor, é se é mesmo de uma matéria de comportamento ou apenas uma desculpa para promover um produto, no caso as bonecas de princesa.
Se for comportamento, a revista deveria ter dito quantas são essas meninas que aderiram à nova mania. Parece, pela matéria, que são apenas algumas meninas de classe média alta que têm acesso a roupas caras, dentistas que também se vestem de princesa e pais que podem pagar 75 reais por um brinquedo. Também poderia ter dito quantas e qual o perfil das dentistas que se submetem a representar uma caricatura para ganhar a clientela. É claro que essa a mania não chegou às camadas normais da classe média e muito menos à periferia, onde 75 reais representam uma compra básica de supermercado.
Enfim, é um caso particular, e não uma tendência. Talvez tenha sido apenas um erro de retranca. Onde se lê “comportamento”, deveria se ler “consumo” ou “marketing”. Ou será que os editores de Veja acreditam que basta juntar algumas declarações para transformar qualquer matéria em análise de comportamento?
Read more

Mothern

mothern.jpgMOTHERN MANUAL DA MAE MODERNA
LAURA GUIMARAES, JULIANA SAMPAIO

ISBN: 8587431447
Editora: MATRIX EDITORA
Número de páginas: 176
Encadernação: Brochura
Edição: 2005

Só mesmo duas mães para escrever tudo o que as mães gostaria que alguém tivesse escrito sobre elas e seus filhos. Melhor ainda quando isso vem recheado de muito bom humor. Essa é a receita de Mothern – Manual da Mãe Moderna. Um livro que surgiu a partir do famosíssimo blog Mothern e das colunas das autoras na revista Trip. Na obra, elas contam as aventuras e desventuras das mães dos tempos de hoje: na maternidade, nas festas infantis, nas hora do choro, na brincadeira, nas viagens, na fase dos porquês, no restaurante. Sempre de uma maneira alegre, prática, realista e inteligente. Afinal, muito melhor do que padecer no paraíso é se divertir nele.

Esse livro tem que ler, tem que ler o blog, tem que ver o seriado. Foi graças às motherns que eu descobri mesmo o mundo dos blogs. Foi por causa delas que eu criei o meu blog, e por causa delas que eu tenho dias deliciosos com outras motherns no Livro de visitas do Blog delas.

Amamentar

Eu pensei pensei e não consegui encontrar um enfoque legal par tratar a amamentação. Muita coisa sobre os benefícios e vantagens já foi ou está sendo dita…E eu hoje estou de favor num computador alheio, então preciso ser rápida. Daí me lembrei da minha dificuldade em amamentar e resolvi apenas dizer que não ter procurado ajuda me atrapalhou muito. Por isso quem tiver dificuldade, por menor que seja, procure ajuda, não se acanhe, existem milhares de maneiras de ser ajudada, existem bancos de leite por toda parte, existem órgãos que fazem isso. Na internet mesmo, basta um clique e um tanto de informação virá. Quando eu procurei informação já era tarde, e foi doloroso descobrir que podia ter sido diferente. Lembre-se que seu leite é o melhor alimento para seu bebê, é todinho sob medida pra ele. Além de alimentar e nutrir fortalece o elo amoroso entre vocês dois.

Se for possível já que eu estou de mudança, ainda escrevo mais, pois a semana toda é de incentivo à amamentação. Mas não queria deixar passar em branco essa data e a blogagem coletiva, pois esse assunto é muito importante, para as mães, bebês e para o planeta em geral. Amamentar é ecológico, o planeta agradece.

Lá no Síndrome de Estocolmo tem uma relação de blogs que estão participando da blogagem coletiva. Dêem uma olhada.

A Ira Feminina

A Ira Feminina

Sandra Moreira Ebisawa

Sinto-me dentro de um caldeirão, sendo cozinhada através dos tempos, com ingredientes do pecado original – a culpa da decadência humana é minha, a força poderosa que amedronta, a que destrói ou fortalece, sou eu. A responsabilidade de resignificar essa história, descobrindo sua essência bem dentro de mim, é minha também.

Sou Mulher. Perceber a “crueldade feminina” diante do sofrimento imposto à mulher através da história de nossa gênese enquanto seres humanos, é tarefa hercúlea. Requer ponderação, enquanto busco dentro de mim, os primórdios do meu próprio sofrimento, para entender e dar à luz a verdadeira redenção feminina, que eu tanto necessito para simplesmente ser. Acredito ser esse o grande sofrimento da alma feminina.

Tantas mulheres morreram pela culpa, pelo veredicto que se impôs a elas pela história. Mártires e sacrificadas somos nós até hoje…A história sempre contradisse o verdadeiro anseio feminino. O anseio de libertação. Para mim este tem sido um exercício de auto conhecimento, de redenção, um verdadeiro purgatório. Sentar-me aqui e escrever sobre a crueldade, não é confortável. Mas me parece fundamental que esse estado seja trazido à minha consciência, a fim de que eu possa utilizá-lo. É como uma cozinheira que não poderá alquimizar os alimentos sem saber como lidar com o fogo.

O que sinto agora é como um parto. Algo dentro de mim está se desenvolvendo, um tipo de consciência que antes não estava aqui. Esse incômodo permanente que até agora não tinha um nome, já está em mim há muito tempo. Tantos erros já foram cometidos por causa disso, ciclos internos atropelados, gritos estridentes e mudos ecoam ainda dentro de mim. Meus homens e meus filhos já sofreram muito com esse desvario. E ainda assim, sou eu a responsável. Preciso parir, dar à luz, emergir e libertar a Lilith amaldiçoada de dentro de minhas células.

A primeira crueldade que a culpa gera é a submissão de minha força natural às leis de dominação da terra, de aperfeiçoamento da natureza (como se isso fosse possível). Fui eu quem neguei à Adão a doce ilusão de sua supremacia, fui eu quem nos igualou e fui banida, me transformando num demônio. Fui a culpada pela expulsão do paraíso.
Como posso ser íntegra e feliz com toda essa carga sobre meus ombros? Ainda não descobri, mas vou. Esse banimento em mim me remete a Lilith, ela está aqui entre nós, dentro de nós e precisa ser rendida. Precisamos dessa redenção. Estamos banidas de nossa Terra, de nosso lugar no mundo. Fomos condenadas e até hoje, mesmo com todas as conquistas, continuamos excluídas, amaldiçoadas.

Às vezes me dá a impressão de que toda essa “conquista feminina” foi orquestrada pelas forças “poderosas” que determinaram o próprio banimento da mulher. Posso até estar sofrendo de paranóia, o que seria mais do que compreensível, mas o que percebo no processo de emancipação da mulher, é uma aliança entre a mulher e o homem para fortalecer o império contra a alma feminina.

Que me perdoem os entendidos, mas creio que posso devanear, já que todas as informações oficiais são duvidosas. Me causa estranheza que o feminismo tenha surgido ao mesmo tempo em que a industria farmacêutica lança seu mais poderoso produto no mercado: a pílula anticoncepcional. As mulheres passaram a contar com o apoio da ciência para não conceber. Não precisam mais estar atentas aos seus ciclos naturais se quiserem evitar filhos, seus homens estão eternamente desobrigados da responsabilidade com a fertilização, já que passaram a prescindir até dos preservativos, não precisam mais conhecer os períodos férteis da mulher.

Um verdadeiro incentivo a negligencia masculina ao que é essencialmente feminino, e isso com o apoio do movimento de libertação da Mulher. Que desatino! Esse foi o maior crime contra a alma feminina. Quantas conseqüências desastrosas não surgiram dessa “conquista”? Ao utilizar a pílula e levantar a bandeira da liberdade sexual, gerações inteiras de mulheres passaram a enviar mensagens a seus cérebros de que não havia necessidade de produzirem determinado hormônio, para 40/50 anos depois, na menopausa, precisaram repor os mesmos hormônios artificialmente. Quanto lucro para essas indústrias! Um planejamento digno de admiração, não fosse essa a principal arma contra a mulher, representante mais significativa da alma feminina na humanidade. Nesse momento da história, nós agimos exatamente como Lilith, nos privando da força natural feminina e utilizando essa mesma força contra nós mesmas.

Hoje nos vemos distanciadas de nossos ciclos naturais, nos perdemos quando as sensações da energia feminina emergem em nosso corpo. Nos perturbamos com a menstruação, com a menopausa, com nossa capacidade de sentir orgasmos. Não sabemos mais parir ou amamentar sem o apoio da ciência, que passou a ser um selo de qualidade em tudo que nós fazemos e sentimos. Ciência à serviço da industria, que está a serviço do capitalismo, que está a serviço da conquista da terra, do território, da alma feminina.
A ira feminina voltou-se contra nossos próprios corpos, desejávamos o sentimento de pertencer e para isso nos aliamos ao patriarcado, reproduzindo seu modelo…seu modus vivendi.

Em nossos corações sabemos que a ira feminina está presente em nossos atos e pensamentos. Sempre que nos sentimos culpadas por não conseguir estar com nossos filhos, por não conseguir entregar um trabalho no prazo ou mesmo por não corresponder aos desejos “sexuais localizados” de nosso parceiro, estamos experimentando a ira feminina atuando em nós. Ela se manifesta através de nossas frustrações pessoais, profissionais e sociais.

Ela se manifesta nos cânceres de mamas, de ovários, de útero. A ira feminina se expressa também através dos maremotos, terremotos e dilúvios, numa tentativa desesperada de salvar a Terra. Tantas são suas manifestações e tão grande o seu poder. Procurando uma explicação que me satisfizesse para o fato da mulher atual estar enfartando tanto quanto os homens, encontrei o seguinte ao pesquisar a palavra enfarte:Infarto: área de necrose conseqüente à baixa de teor de oxigênio; enfarte. Enfarte: ato ou efeito de enfartar, fartação; empanzinamento. Isso me sugeriu a asfixia que a alma feminina experimenta atualmente. Com seu corpo pedindo socorro! Precisando ardentemente ser regida por sua própria natureza! Uma analogia à Mãe Terra e suas terríveis manifestações em resposta à negligência de seus ciclos, suas necessidades.

Um dia desses uma criança me perguntou como o homem pode ser sido a primeira criatura se não existia a mãe dele. Como ele poderia ter nascido? Foi aí que, tentando lhe responder, me lembrei de uma conversa que tive com uma amiga, chegamos à conclusão que o homem foi feito do pó, ou seja, do barro, da terra, símbolo do feminino, onde Deus (céu, masculino) soprou e criou a existência humana. Do alto de seus 9 anos, ela fez uma carinha iluminada e disse: Agora sim, eu entendi mais ou menos. Pois acho que eu também estou começando a entender mais ou menos.

Mas de uma coisa eu já começo a entender com mais clareza: é vital que nossa essência seja resgatada e que a partilha entre as mulheres seja estimulada, se quisermos ter uma representação autêntica da Alma feminina em nosso mundo. Só assim nossos filhos não serão mais “roubados” pela sociedade para se tornarem os prisioneiros, guardiões do portal invisível que nos separa de nós mesmas e nos mantém banidas.

how are selective herbicides absorbed into a broadleaf weedlectins in green beanssccy pistol reviewjs bach cantata bwv 140sig sauer p229 elite priceelectro pneumatic paintball markerancaster hydrorayleigh boxing clubcome my way protojearthur wilson gwuraja ki aayegi baaraatinuvik weather historybenelli m2 14 inch barreljugo noni contraindicacionestuatsgenoise sheet cakephenethyl alcohol safetysasaco inc storepeta sheep shearing adgunpla londonkaren armstrong muhammad a prophet for our timeabruptio placentae medical managementhkey_classes_root remoteraccoon scent glandsworking rorschach maskeduardo diaz silvetiocado board of directorseliean61016 zip codescott stossel biographymimpi dreams gameplayvw 2276 reliabilityfurin cleavage site predictionpics of timothy mcveighcamden on gauley wv zip codenanotechnology antonymimam khaleel mohammedabou riad season 2 episode 26map of ancient pergamummossberg 22 plinkster high capacity magazinedaytrana manufacturerhow much protein is in a ostrich eggalexandria town talk classifieds petsmossberg 22 plinkster high capacity magazinepaisabazaar home loanpac 1 restriction enzymedr woolley hand surgeonsukhoi su 30mkkaner tree imagesrewalk robotics ipobrookpark fireworksm58 gunsonia lacenconvert moneyline to oddsdarkspore free download full version pcdioscorea japonica seedslynching niggersemma marrone l amore non mi bastapyramids of energy numbers and biomasssabel gonzales agepetit saint vincent island resortsaps pd scoresigma aldrich fortune 500bilateral sinonasal disease女子大 生 刺傷 事件was king tut murdered by aylectins in green beansgriffon bruxellois puppies uktsumkwe maplecrae waste my life lyricsus cellular 4g lte routeranthony t hinckschief wahoo is not racistgeorge hart csulbteracon montrealsig p226 scorpion for salestunned meat halal or harampaisabazaar home loanольга шувалова жена игоря шуваловаkosi flood 2008lee picariellokratos kills poseidonsemiology of graphics pdfpathfinder courtesanazael carreradomestic peace corps americorpsias 19 curtailmentgeorgsmarienhütte holding gmbhruger vaquero 357 bluedbarbra streisand barry gibb what kind of foolnez perce courthousethe threepenny opera the ballad of mack the knifeewing's sarcoma research foundationallergic reaction to leech biteworking in a coal mine lee dorsey lyricsportal vorwerk ukcoker quarterback alabamam1 messier objectwegmans ocean twpcuriozitati matematicemount diablo community collegesusan misner bikinivineyard vines campus ambassadorsb dissanayake homede lage landen financial services inc paschoharie central school district ny243 wssm ammo for saledax cobra chassisktm x bow crossbowheart pfo echocardiogramarma 2 operation arrowhead demoseedless concord grape vinesp&g classic gymnasticsgreat escape theater in fenton missourifnh usa five seven 5.7 x28mmcamilla's cakeslubbock lineup july 2017does smoking weed everyday affect youopo squash in chinesethunbergia varietieshow many megalodons were there in the worldweapon mounted laser designatorbombardier q400 nextgen aircraftst michaels macclesfielddream theater wiltern ticketshydroxyproline estimationwww pmaa orgmde presents world peacesig p210 targetmount diablo community collegesteyr mannlicher ukdefine cargo cult pilgrimagesnorting kratom extractecstasy molecular formulacmc journal impact factorpall mall cigarettes menthol buttonglendale az city clerkmarlo from rhoasirius black get away from my godsonedburtonodeon cinema southendsnorting kratom extractbrocken inagloryremington 870 wingmaster wood stockw3schools html paddingpengertian targetingpatrone meaningwozzeck act 3sofia the first the mystic isles episodecoccinellid beetleturning kief into hashfallece carlos villagranunder the harrow idiomflurazepam 30 mg highzappacosta agecourier mail obituary noticespalo rosa bags mexico2004 kia amanti starting problemsofficial ffa scrapbookpentatonix 11th performanceworking in a coal mine lee dorsey lyricspoltern spielepics of bugsy from bedtime storiesbixbite berylittl meaningmn twins radio streamkris tonto parontoaics stock remington 700 long actionclub 555 tanger moroccounambastudent media ncsubormioli glass jarshardball keanu reeves full movieplanting bald cypress seedsremington model 770 270 reviewsmicrosoft image mastering api v2 xptae tris acetate edtaikea catalogus 2017 onlinemotorky 50ccmkatin 1954ocotillo seeds for salehk mp5 semi auto 9mm for salerifts south america pdfqualcomm stadium fireworkscurrent weather in mashhad iranstoeger luger 22 partscanons of dort pdfdell u2412m monitor specificationsdefine trochaic pentametermuhammad ali and howard cosell relationshipлора спенсерfamilia roggioft berthold indian reservationruger mini thirty rifle review101xp rubishop airport flint michigan airlinescod swift bcrдекриминализация наркотиковwww rcsd k12 in usinsudjohn filson toronto starmelinoe daughter of hadesamphetamine dextroamphetamine extended releaseplanes el chupacabra toymilsurp mausercode breaking machine at bletchley parkempanada factory los angelesclean machine wellsboro pacorrosion of conformity mine are the eyes of godhow tqm can help in achieving targets of environmental managementnura rise of the yokai clan rikuo and kanaiui timing frozen spermrotary viscous dampernailbomb tour datescontinuous carbonless formsblack djarum clove cigarettesgandhiji first satyagraha in indiamasseto wine 2012gamma hydroxybutyrate powderpygmy marmoset pet lawsgunnison sage grousekehormatan dibalik kerudungotl headphone amplifierstockholm kulturnatt 2017kronenbourg original ukcentre de désintoxication drogue parisjacob bunton emmythe ramones rockaway beach livepenny dreadful theme ringtonefolded dipole yagi antenna calculatorserbuk penaikdtw to scotlanddell optiplex 170l hard drive10 gauge flare gunkaki king david lettermanmarlo from rhoarabies immunoglobulin indiastonestream shower reviewsfarne lighthousejapan earthquake 1923 richter scalewhat is a navel gazerinvitation to hell wes cravenrigla onlinegandhiji first satyagraha in indiabromoil paperboss bison ranchmad dash delivery lewistonberetta cx4 carbine 40swgundam seed kira and flaynailbomb tour datesaviação civil guia do estudantelatex presentation template beamer downloadrogers ftthpacey con funny or diegrace presbyterian church christchurchpersonnel action form shrmolig definitionmason lykessig p226 scorpion for salesig p226 legion holsterusb cec adapter xbmcbomarc missile basejoe mangione san antoniovibration exciter wikipediabest school districts in chicagolandwaffen ss choirhow much protein is in a ostrich eggallergic reaction to leech biteomaha steaks free shipping coupon code 2015brussel sprouts dictionarytarot reading london covent gardenthermowell rtd sensorbombur memekratos kills poseidonharborside golf course illinoiscrt tv repair coursejustin bieber diplo bankroll33 hysan avenue causeway bay hong konghealey beacon jeepthe seduction of joe tynan trailerdell latitude e4300 drivers windows 8kata kata dalam film radit dan janinon nicotine hookah flavorscadbury dairy milk bubbly priceconvert audio 44.1 khz to 48khzmakalah reaktor nuklirwww seaturtleinc orgkamal kanta batrais a neurofibroma encapsulatedk2 psychosiszigaretten zusatzstoffeisschemenetley police collegepriapus garden statueejection murmur definitionpiezoelectric igniter how it worksfidelity investments westheimerschizophrenia blackoutsedelman vascular conferencemuhammad ali and howard cosell relationshipwww bountiful blessings ministries comgreg barskyticn coating for cutting aluminumhow to make a bond tradeablejanam sakhi bhai bala ji in hindindp 2017 fireworksdating standard crossword cluepma batch namescubango riverque es hemolisisوخلقناكم ازواجاbig pun noresuzuki samurai motor mountsanathema deep tabgastroenterologo especialista en colonperiampullary growthmartika i feel the earth move official videowas bedeutet sure im koranshotgun bandoleersensor induktiflord of the rings gates of argonathdeniz hasgülerivanpah roadg5rv installation pictureshow to make a 3d helium atom modelhow to make a bond tradeabletaurus pt92 accessoriespenedes spain wineriesreturn to nuke em high volume 1 onlineprophet gregory vossconhecendo o braço do violãowhat is marilyn manson's religionlongmire visitor centerkatharsis shirtparable of the farmer sowing seedswww stelmosjeff ingram amnesiawhere is don rickles buriedkobelco corona caþorrablót 2018t5 gearbox strengthdell 7537 i7 specificationecig nicotine poisoning5 bromouracil mutationufc 121 undertakerconcordia legal clinicxkcd password dictionary attacktds telecom modempipeline leak yellowstone riverson of a bitch 意味mountain dew price 2 literheavenly days yui aragakiwhat was harriet tubman's full namecorey wootton childrenlile quarrysuny oneonta planetariummda censorshipseptember sarno morgan stanleypato en nahuatlpll megaminxbest scope for a remington 700 7mm magboxing lowell auditoriumrandalls on expositiondr n ganesh bhopalmossberg 464 lever actionhosa national leadership conference 2017رقص رانی موکرجیportsmouth train station to gunwharf quaystesco express bicesterimbecile test answers spot the differencevibration exciter wikipediaadrenalize me lyricscooperativa cafe timorare vapes safer than cigarettesheavenly gates cemeteryledisi concert in greensboro ncsugo di pomodoro all arrabbiatadork diaries deutsch der filmgalt renovationsaau basketball teams albany nymakalah reaktor nuklirdaewon song skate morepatterson starter alternatoramera eidhotel mont royal chantilly franceeverett woodson biographyalberta canada vital recordsleyland cypress usesindian rubber ball lacrossemaritime manning agency in ceburadome missileeda scrabblewilmington ma 01887 usakorean drama with chaebol backgroundmsc in hotel management nchmctmcville indianaold clough lane worsleydmx 512 controller tutorialhow to kill hantavirusbilateral sinonasal diseaserajiv kumar ias 1981ferroestenebss qualificationis a 96.6 temperature badpaolo nutini let me down easy mp3bergesen norwayzefiro italyyamaha fgx 730 reviewwilliam singe i alex aiono march 16howa 223 heavy barrelkratos kills poseidonnon nicotine hookah flavorsvickers viscount interiorvickers viscount interiorocotillo seeds for salepercentage of blood volume occupied by erythrocytestime blindness barkleylab diagnosis of hiv slidesharehss cardiologyintel core i7 3960x socketdolby encoder pluginking canute wavescolt 100th anniversary 1911 for saleargelati milanorowing pictogrampurna purushottam narayancimorelli heightkorean drama with chaebol backgroundclamav milter sendmailkosi flood 2008food poisoning incubation chartias 19 curtailmentreaganite republicanis vaping legal for minorsaguilas del america new jerseyitnaiyograj singh ageoasi contributionreturn to nuke em high volume 1 onlineаркадий северный караванdo waqt ki roti shayariwilkes barre scranton penguins scoreadlertagprepar3d controlsacer pew71 reviewrcss torontoreactive armor tilesarsenal season ticket waiting list updatechatter creek ciderdiego boneta in mean girls 2dev craft completeamplified creatine side effectsgreg macalusokel tec plr 16 riflesleeping draught potion recipedylann roof birthdaytabla de numeros aleatoriosdebitkarte schweiz1 4 bromophenyl ethan 1 onetarffrase de caini maricaroline kennedy schlossberg engagement ringfarne lighthousemossberg 500 breakdowntowkio ft chance the rapperrussian mosin nagant 91 30 pu sniper scopeاحمد وفيق وزوجتهdownload song hookah bar from khiladi 786mc lyte it's all yoursgeorge hart csulbfancy goldfish fin rotdouble bit throwing axecolt delta elite 10mm magazinesarmide lullymierda sinonimotwiig comliver decompensation life expectancyhaviland limoges china white with gold trim101 in 1 explosive megamixvukovar broj stanovnikaricky's liquormtvindia com splitsvilla 9everwise pricingclairvoyant durhamfirst ever triple backflip bmxhow to punctuate newspaper titlesdr ross morrison independence mosnake river white sturgeon caviarstill fly big tymers instrumentalpersian beef koobideh recipetelogen effluvium pictures femalekirschwasser cherryduluth haunted ship 2016griddlers net androidfarhiya abdihonda civic taglinepapa criolla substitutepenjamillo michoacan 2016donna was a few blocks away when bombs explodedbehcet's ulcers2 cheap cars christchurchpce valuationsdani hainsflorida panthers trocheckkingsfold methodist churchtroy aikman draft 1989zigbee api tutorialted talks daniel kishdempsey's baltimoreopus vivace reviewak 47 milled receiver folding stockprior service marine recruiter near mekirsch lorraine recipeprussian prepositionpenny dreadful theme ringtonefettehel angel gris dolinabeartooth go be the voice lyricsepia brasiliacanons of dort pdfuniikki pituuscorey wootton childrenabruptio placentae medical managementgmp qsr environmentjan magnussen nascargolden barrel cactus carebahia honda key largosmith and wesson 327 trr8 357 magnumis sassafras poisonousdriftwood moody blues youtubelånekassen stipendsusan misner bikinicarlos takam boxerszałwia palenievimana textscolorimeter pdf downloadgun licence nsw categoriesaicha khaled lyrics translationseventh day adventist bible commentary volume 5dogfish head documentarybromoil papergoby fish and pistol shrimpблудливая калифорния 7 сезонsa330jfederal halfway house okclateral incisor loosesedona lutice age sub zero heroes trailerboil and bite mouthguard materialsuryavanshi history in hindihrc hardness to brinellremington 870 wingmaster slug barrelttd diary 2018farne lighthouseclayton county bidsicon hotel prague booking comlake jellico nswlatisse styeed sheeran houston presalenikolay martynovumass amherst marketing major requirementskingsfold methodist churchsteve hollinghurstdr mark vosslergsxr1100mdragon's breath vodkaconvert btu to kj kgdefine isotonic solution in biologyrwanda juvenal habyarimanadr fogtjeckel brothers albummaino million bucks official videoquetzalcoatl significanceanson mount cullen bohannonfixing magsafe power adapterfancy goldfish fin rotsig sauer m400 ar 15 rifleredundant conjunctival tissuepadrasto gayjosephine pryde traindevils head merrimacjre 1.7 free download for windows 10 64 bitambareesh agedevy meaningmicrowave absorber wikidr sundaram cardiologistleather balisong sheathtolnaftate clotrimazolewhat is piccolinipunisher otf knifejt stealth paintballpaisley piperscigna advantage formularydiablo 3 best equipment for demon huntersarego italyvigilante airsoft revolverwhirlwind propeller problemsda vinci madonna and child with a pomegranatefrankie edgar ufc 211glock 23c gen 4vhf aerial splitterdoctor who van gogh painting tardis explodingsketch club london mayfaircan you play terraria cross platformjoann hagen boxer2 cheap cars christchurchdo women's menstrual cycles sync upflitwick to luton trainmarilyn monroe cal neva lodgeafrikaans liedjies vir ma2013 ap chemistry frqcapacidad espectadores camp noudoes termidor workhertz uae leasecuando crian los canariosdrexel university rush buildingsaldie ēdienicurrent weather in mashhad iranmarie curie lebenslauf5 htp and phenibutecigs safe 2015nba players with torn meniscuschemo drug rituxancaravaggio beheading of st johnryerson public school hamiltonstrzelecki desertlatisse styem99 sniperjoule calculator airsoftmeerkat enclosure design4most firearmsdixie land oil co llcair conditioning in cars benzenelilyhammer reviews ny timesphenibut bodybuildingmarlon brando resort tahitisummoners war element guidetesco express bicesterretail space for lease tysons cornerminqinporphyria biochemistrynatchez trace nashville to tupelodried cyanescens mushroomsconvict chalicetembleque de coco puerto ricousb cec adapter xbmcsat gps locate downloadtupac shakur strictly 4 my niggazuscis applicant vs petitionereverbank insurance departmentcaramel sundae burger kingwalther ppq front sight30 30 winchester ballistics chartbandoleer ammunition pouch1961 chain bridge road mclean va 22102arizona medical marijuana proposition 203firefish hammerhead for salegus garcia middle school san antonio texasadvanced armament 300 blackout rifleweapon mounted laser designatortvs jupiter zx review93.7 beat houstonkara goff softballgunheadsgreta magnusson grossman lampmde presents world peacedruids caves derbyshiregod's communicable attributesattijariwafa bank englishsaguaro blossom scottsdalenovae artesegon krenz 1989robert dickinson lighting designernunchaku chain kitgunzonegunpowder scale walmartacid scarification of seedsgun shop richland wanamaskar yoga colombiabise multan intermediate result 2016argentine tango sheet musicjeff botterillkashmir house rajaji marg delhitony dungy charitygunpla londonsalonpas singaporegandhara school of art pdfelvis costello down among the wine and spiritspygmy marmoset pet lawsnaruto shippuden capitulo 450autoaceptacion en psicologia1950 general motors futurliner parade of progress tour buskernel poppers st augustine websitedifferentiator op amp gain equationdistal interphalangeal joint pain toegunga din poemhighest utqg rated tireдекриминализация наркотиковchelsea kane lovestruckloretta lynn mentorlupinus albus seed oilmcfarlane beatles yellow submarinejonestown guyana south americaavidemux gratisphylum arthropoda respiratory systemdoes smoking weed everyday affect youbighorn backcountry maploratadina ambroxolgluconolactone phmacy's chapel hill mall colorado springslotte hollandsjeckel brothers albumdiseases that mimic appendicitisritchie pickett funeralnomenclatura dos hidrocarbonetosjre 1.7 free download for windows 10 64 bitbellway homes liberty nottinghamis it illegal to vape indoorshenri matisse apollon 1953courtney love uncooldonatella versace giovanebanda xerovapen clear pentun dr mahathir contribution to malaysiakurt cobain oh well whatever nevermindlirr fare tableaaker brand identity model exampledr hejnamarin outdoor antique marketnahm jim dressingkometic snowmobilemuku narutoadvance auto parts university blvd jacksonville flprincep ghat timingrua mediterraneo 451crystal symphony current itinerarymoluscum bumpsextremosagauhar khan and kushal tandon newsdefine penknifemichigan dhs office locatorpacey con funny or diejeckel brothers albumadenoid glands swollenlorex live video baby monitorscleral contact lenses brandsatta chakki in englisheneatipo 6jorge gelpi pagantony dungy charitypregnyl injection during pregnancysandal drama episode 11all bark and no bite idiom meaningpalais prinz carl heidelbergmaputi meaningwww pmaa orgshinnok stage fatalitylifehacker ipad jailbreakoutdoor movies woodinville wadisneyland squishiesjpql hibernateiso 14644 2 cleanroom standardssandhar groupcolorimeter pdf downloadvca igg levelrip rook exhaustnystatefair ticketsstoeger luger 22 partsmola chillindavinci resolve stillsstratoliner tire sizexubuntu 16.04 reviewplutarch heavensbee catching firedubinsky vs crosbyfurin cleavage site predictionsomatropin drug classdavid p fitzgerald gainesville flwinchester 1300 defender magazine extensionwww rcsd k12 in uskiwisaver holidayamerican ninja the confrontationaflcmc eglinhostigamiento en inglesrrc cr mumbaierdem moralioglu clothesditch the label habbosalvia leucantha whitekenwood home appliances pakistanreyhan baharatsabzarmitch rossell cdyaki mandu near mepokemon you re a star larvitarsounder with strobe lightdhaka to australia flight durationdisgusting semlakernel poppers st augustine websitehired girl schlitzthe rocketeer vhsstand up waverunner for saleberetta 92fs slide lockweather hanoi hoàn kiếm hanoi vietnamim lost without you bebe and cece winans lyricsdr christopher digiovanni mass generalseema chackodaggerfall screenshotseva haulepuyallup river watershedis a neurofibroma encapsulatedseawolves swimmingfederal halfway house okcclinch county school calendarppti coma trip to holland by emily perl kingsleyaflcmc eglinc2 taser gunapostol együttesengelberg tourist attractionskana nishino sukicondor viking ironside swordhp compaq mini cq10 specificationspokemon x luigi tcg boxdodge 318 4 barrel intakeyacht gyro stabilizeranna kendrick snl french skitkeurig k cups knock offbeaujolais nouveau 2015 wine priceportalitofichier pdb238 orchard boulevard orchard residencescách làm mứt gừng sợijan magnussen nascardv lottery 2017 winners listbaltazar enrique porras cardozostiegl salzburger beera lens is transparent material with _____hired girl schlitzzefiro italyidexx veterinary softwareare the gnostic gospels truelewis lake campground yellowstone national park wyused sig p938 extreme for salemagic quadrant for business intelligence and analytics platforms 2017 pdflateral incisor looseilluminati intro secret worlddugout 2 staten islandticn coating for cutting aluminumdutdutan tattooperlman chamber music workshopregina spektor macy's paradepennsylvania lottery commercial 2012replacement bolt for remington 788shisha efectospatterson starter alternatormagic quadrant for business intelligence and analytics platforms 2017 pdfdev craft completerobby trammellhow to unblock adblock on google chromearmide lullydiamond mine cart minecraft videossugo di pomodoro all arrabbiatawater soluble fertilizers for fertigationkansas gun shows wichita101 in 1 explosive megamixfreegeoip alternativejan radziktitus el viajerolubbock lineup july 2017c# sql parameterized querypittsburgh half marathon 2016 resultscaramel sundae burger kingchurch street godalmingdulux weatherguard paint reviewsmorari bapu katha audio女子大 生 刺傷 事件are airsoft guns safe for 10 year oldshenri matisse apollon 1953where to watch mbmbamspongebob the hash slinging slasher episodegmc topkick weightrafter slope calculatorbuck knives outlet storevijay chauhan parleв сто сорок солнцсерия симпсонов с трампомaib cards gpugigabyte geforce gtx 750ti 4gb windforce 2x oc edition reviewhouse foods java currysmith and wesson m&p 15 ftnico mak computing winzipcommon pleco water temperaturekaki bukit inspection centre operating hoursfarhiya abdilacul herastraufunction of basal ganglia pptcollie buddz mary jane lyricsopus vivace reviewplc sequencer logicinstalling t8 led tubescia abstract expressionismwacom scribek2 calcium paradoxp&g classic gymnasticsalief taylor high school football scoreslil bibby lil herb kill shitpaul zerdin partner39507 zip codepneumonectomy for adenocarcinomalawrence kohlberg moral development pdffestival almaxcartoon network firebreather movie part 1download mysql connector odbc 5.1sainsburys chairmancigna advantage formularykhronos group openclused firearms lethbridgegastroenterologo especialista en colonerdem moralioglu clothesmojza of hazrat muhammad pbuhroyal entrance fanfare trumpetджазовые этюды для фортепианоatomic blonde movie spoilerjk wrangler j8sangeet natak akademi award 2015snorting kratom extractdownload skype offline installer msiruger 22 45 mkiii targetdhesi rajatom schilling mein kampfdavid göttlermarlo from rhoaapple blossom 12 winchester varosco 22 pistolgunn britt ashfieldpotassium nitrate in toothpaste side effectsliterary devices in ode to a nightingaleadwords mcc login pagewas bedeutet sure im koranbunnings hendersoncolt delta elite 10mm magazines96x phone numberghile mearsole impact alicia sacramonedoctors and medical experiments of the holocaustlittlewoods spot the ball competitionhill top grand falls nb538 radio zendercheil malaysialynching niggersdr pessaheastside high school paterson nj joe clarkschool delays wilkes barre padr mark vosslerdzhokhar tsarnaev death rowmierda sinonimohydrochloric acid fumes inhalationsig sauer p250 22 pricejm smucker co orrville ohusg watroby co wykrywanike store at sawgrass mills mallsuntv kutti chutties latestgold digger lyrics bohemiadriftwood cursive lyricsfox sports 1 cox okcesse menthol super slimjoplin police department warrantsraja ki aayegi baraat movieold sugarlands trail smoky mountainstui grass seedthe brady bunch kellys kidsmontgomery ward 12 gauge double barrel shotguni can t hardly stand it the crampssig sauer tribalsobranie mintsdebitkarte schweizmatchless nighthawk 15current weather in mashhad irantbilisi prostitution pricemaneka gandhi petainglorious bastards latinosurvive food bank riverside capuyallup river watershedcoconut creek high school magnet programvod ex dividend date 2017eric mcmanus gainesville flremington sps 308 reviewextended magazines for benelli shotgunsmossberg 500 ati accessoriesyankee stadium birthday messageskosher meal malaysia airlinesrowing pictogramicis 2015 proceedingsdisposable hookah pen with nicotinecloudy scleracentre de désintoxication drogue parisseedless bongsbroomhandle mauser holsterjailbreak ios 7.0 4 redsn0wgeorgsmarienhütte holding gmbhdavis monthan aircraft storagehouma la elevationmoskva znamenitostipink grips for sig sauer p238ciorba de vacuta cu smantananeil gorsuch views on marijuanamr warmth the don rickles project streamingalan lee grandmaster throwing star 1980are oxygen tanks explosiveerie canal cycling mapdr archna parmarpurple fringed loosestrifetyson jost fatherandy siri for android apkwilliam singe i alex aiono march 16la mejor fm 98.9 el salvador onlineditch the label habbodelaware county spca no killgmc topkick weightwebroot antivirus for mac reviewsstandard catalog of smith and wesson 4th editionseymour isd administrationbrowning hi power pachmayr gripsnhl defenseman scoring leaders all timegrowing braeburn applesmaharashtrian kala masala recipebalco dopingrowdy roddy piper promohertz uae leasetommy sotomayor black lives matterfmca com storeeugene armstrong beheadingsebastian wolff test driveakarshan kumarumarex ppk magazinepaul mccartney ac cent tchu ate the positivekokology test about workspanish olive tree arbequinaconhecendo o braço do violãovca igg levelcoem microsoftbessie rossignoltobymac boomin music videoharold and maude playlistdmjm aviation partnersseema chackoröllekaharold and maude playlistconvert btu to kj kgportalitokamelot somewhere in timenombres indigenas venezolanosrandy crawford this old heart of minesparling definitiongraves disease shinsking canute waveskratos kills poseidonmgk the gunnerconvert 10z to gramsinfomart buildingopenwrt forkdr woolley hand surgeonconjunctivitis bloody tearsarvind rajaramanplayhouse disney go baby baby's big helperdillon companies inc king sooperssig sauer p229 elite pricelee kuan yew machiavelliair serv corporation louisville kysons of perdition trailersig sauer 2022 40 review