Só existe a solução da matemática

Livre não sou, que nem a própria vida
Me consente.
Mas a minha aguerrida
Teimosia
É quebrar dia a dia
Um grilhão da corrente.

Miguel Torga

=====

Tem um tempo já que eu estou escrevendo uma espécie de recapitualação diária, para efeitos terapêuticos.Tem sido bom, revelador, mas ainda tá meio subutilizado. Uma coisa que eu fiz em dezembro e repeti agora em janeiro e tá sendo bem legal, é um pequeno inventário das coisas boas do mês, coisinhas pequenas mesmo, e outras nem tanto. Fiz lá no blog privado, mas resolvi trazer pra cá, para me lembrar. E também porque foi o mês do reinício da dieta, do Aprendizado. Que na verdade está escorregando ainda, mas a vontade pelo menos continua aí.

E é legal também, porque me lembra da gratidão sobre as coisas boas acontecendo e me lembra de viver mais plenamente, cada vez mais, embora, claro nem sempre eu consiga…

Mas fica o registro. Coisas boas também sempre me ajudam na dieta. Por exemplo, esse fim de semana que cozinhei e vi dois filmes, eu fiquei menos obcecada por comida.  Por isso preciso de muita distração, e por isso esses inventários estão me ajudando.

Filmes:
  • Direito de amar
  • A Dificil Arte de Amar
  • A Troca
  • Além da Vida
  • A Origem
  • Dançando no Escuro
  • 500 dias com ela
Coisas boas:
  • Aniversário do Rada
  • Volta do Tatá (aff q eu já tava roxa de saudade)
  • Baile da Laís
  • Cineminha
  • Churrasco com as famílias
  • Carta Xamânica do ano (Aranha)
  • Rokkon 21/01
  • Reunião das meninas pra fazer pavê aqui em casa
  • Almoço com comadres mineiras
  • Confraria
  • Início da dieta
Leituras:
  • O Eu sem Defesas (ainda lendo)

(Esse mês eu li muito pouco. Porque como esse livro
é obrigação, me parou tudo. E eu não me deixei
começar nem acabar outro, tinha q terminar esse
.)

Cozinha

  • Pão light de frigideira
  • Pavê
  • Sanduiches light
  • Lasanha do Tariq
  • uns 3 bolos de baunilha delicioso
  • Bolo Festa
  • Bolo light

Nalu A*)
http://nalu.in

Livre Como Um Deus – Nando Reis

Saia do meu caminho, eu prefiro andar sozinho
abundantia

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *